Membros normais não podem criar tópicos mas podem responder tópicos dos veteranos.


Ao atingir mais de 1 ano de cadastro ou envio de mais de 200 mensagens você automáticamente se torna membro veterano e pode postar nessa área.
Avatar pua
ThEGoDFatheR
#1090552 Salve, camaradas!

Antes de iniciar efetivamente o assunto proposto, quero deixar registrado que esse foi um dos meus mais belos e extraordinários insights dos últimos tempos.
Digo isso pois ainda não vi aqui no fórum – pelo menos nesses últimos meses – nenhum tópico com essa temática. Mas o motivo não é nem esse, e sim pelo contexto que aqui será apresentado.

INTRODUZINDO EM VOCÊSRecebi, nessa última sexta, a notícia de separação de um casal conhecido meu. Não era/sou amigo íntimo nem do sujeito e nem da mulher, mas tínhamos uma relação agradável e amistosa.
O motivo foi que o dito cujo descobriu que estava levando bola nas costas da deusa do sexo vadio. Bom, pelo menos ele não foi cuck em níveis alarmantes de perdoar e seguir com ela. Pelo menos isso.

Aqui, antes de contar um pouco da história desse casal onde o homem foi vítima dos desejos carnais incontroláveis de sua agora ex companheira safadinha, preciso explicar mais sobre como me veio esse insight na cabeça.

Estava eu assistindo alguns vídeos na internet sobre o poder dos hábitos, psicologia, linguagem não verbal e todas essas desgraceiras quando fui redirecionado automaticamente para alguns vídeos de motivação. Como estava em um momento ocioso (lembrando que isso foi pouquíssimo tempo depois de ter recebido a notícia do término do casal teen que entrou para a estatística de romances jovens fracassados), gostei da ideia e comecei a assistir aos vídeos motivacionais – bastante interessantes, diga-se de passagem.

Até que começou a rodar alguns vídeos do Evandro Guedes, fundador do Alfacon. É uma instituição de ensino focada para concursos, principalmente nas áreas policiais, com foco na PF e PRF. Quem não conhece, pesquisa!

E fui aí que tudo começou.



"O AMOR SUPERA TUDO s2 *-*", DISSERAM!De repente começou um vídeo engraçado onde esse tal de Evandro Guedes dizia que se um casal estava estudando junto, caso a mulher estivesse estudando 8 horas por dia, o homem deveria estudar 12. Se a mulher estava focada, o homem precisava focar duas vezes mais. E se o homem não estivesse conseguindo acompanhar a namorada/esposa, ele precisaria arrumar um jeito para sabotá-la.

Até que ele soltou uma frase que soou como música para meus ouvidos e foi nesse exato momento em que tive o insight.
Disse Evandro Guedes: “Cara, eu estou te falando, se a mulher passar e você não, você roda já no curso de formação. O homem é mais bobo, quando passa ainda fica com a mulher. Mas se for o contrário, não adianta, é 100% de chance de dar merda”.

Para quem quiser assistir ao vídeo, é esse aqui (recomendo, além de engraçado, o cara diz algumas verdades na lata):
https://www.youtube.com/watch?v=-c_OXwBZyhs


Tudo bem, mas onde entra a história do casal?
Explicarei agora.

Até pouco tempo atrás, apenas o colega meu trabalhava. Sua namorada até então nunca havia trabalhado (os dois são novos). Muito pelo fato de não precisar, pois sempre ganhava tudo que queria do pai.

Enquanto trabalhava, o sujeito mimava a donzela de todas as formas possíveis. Saídas românticas, presentes, pagava sempre a manicure para sua amada ficar com as unhas em dia, e por aí vai.

Até que a vida pregou uma de suas inúmeras peças na vida do casal: ele ficara desempregado, enquanto a moçoila havia conseguido um emprego com uma boa remuneração (valores não serão divulgados, mas era/é uma ótima remuneração, realmente).

E foi aí que o encanto do casal se perdeu. Em menos de um mês a mulher já não era a mesma no relacionamento. Esculachava o sujeito, dizia que ele não fazia nada da vida, que era um atraso. As humilhações foram ficando cada vez mais constantes.

Ela já não deixava mais o celular dando bobeira na mesa. Pelo contrário, estava sendo conversando com alguém no whatsapp, escondendo a tela para si.

O tempo foi passando e a relação se complicava mais. Ela, ganhando bem, esbanjava não só roupas caras compradas à vista, mas também destilava sua arrogância no sujeito, que continuava desempregado.



CONCLUSÃOPara resumir a história, ela começou a dar para alguns cabocos, ele descobriu e os dois terminaram.

No rapaz, bateu o sentimento de revolta, “que ingrata, eu sempre dei de tudo para ela e nunca a humilhei quando estava desempregada”.

Portanto, tomem cuidado com essas situações, pois isso acontece e com mais frequência do que vocês imaginam.

O homem cuida sim da mulher, mas, quando a situação se inverte, não há nada que sustenta o relacionamento: vai dar merda!



Não se esqueça... “você roda já no curso de formação”.

Abraços.
Gabriel Silva
#1090554 Cara, realmente, tópico que deveria ficar fixado.
Digo isso não por ter sido feito por você (que, aliás, sempre vem contribuindo com bons temas), mas porque é algo que se não ocorre 100% das vezes, poderíamos dar um percentual de 99% - sem dúvidas seria um valor espantosamente alto.

Já tive a experiência de trabalhar numa empresa com muitos funcionários, onde haviam outras empresas que também tinham muitos funcionários - inclusive PF's, nos quais podiam selecionar as mulheres para comer.
Cara, ali, eu pude perceber o quanto as mulheres são hipergâmicas - termo que não gosto de usar, mas não chega a ser uma falácia.

Praticamente, todas que entravam para trabalhar naquele local, terminavam seus relacionamentos.
E isso ocorria por dois motivos, basicamente: seus companheiros tinham menos status/salário que os homens que lá trabalhavam e/ou física/esteticamente eram "inferiores" - neste, as mulheres não terminavam, apenas traíam - onde eventualmente eram descobertas.

As que se mantinham fiéis, pelo que pude perceber, já namoravam (ou eram casadas) com um "homem de alto valor" - vamos nomear assim.

Com estes relatos, podemos chegar em conclusões que todo mundo está cansado de ver - mas que valem ser ressaltados no fim:

Foquem no desenvolvimento pessoal - num sentido amplo, mas "principalmente", estejam totalmente focados no desenvolvimento financeiro, físico/estético e intelectual - principalmente.
Na minha opinião, o homem só deveria se arriscar num relacionamento ao atingir sucesso em, pelo menos, duas dessas áreas.
E mesmo você chegando no auge, seja desapegado. Porque não serão - ironicamente - garantias de fidelidade da sua parceira.


Vou acompanhar esse tópico e analisar as opiniões posteriores, seria foda se a galera falasse sobre as experiências e crenças.
Fica na paz.
Avatar pua
Lucaspitbull
#1090560 - sem sombra de duvida, muitos estão focando só em seduzir, gasta nas night esquecendo de foca na sua vida financeira eles estão tendo um prazer momentaneo comendo varias hbs, mas tudo isso passa e amanha ou depois estarão fudido sem ter aonde cair morto, estarão gordo barrigudo com filhos para criar cheio de contas em atraso tudo isso será consequencia.

por esses motivo criei uma crença que ninguém vai tirar da minha mente, vou foca na minha vida financeira enquanto meus amigo curte, vai para as nigth, gasta com motel , banca o rei das noitadas, estou ajuntando dinheiro... tenho uma moto e tenho um carro meu proximo passo é compra meu terreno pra sair do aluguel.

Igual o grande mistery disse : isso é vai além de pegar mulheres, isso é construir uma vida.

Eu tenho minha convicção que as mulheres pega hoje quando eu estiver bem estruturado, com idependecia finaceira elas vai chutar a bunda deles e vai querer da para mim não necessariamente as mesma mas até mulheres mellhor kkkk


O sofrimento que eu estou passando agora estudar, trabalhar duro, ter idependencia financeira nem se compara com o pazer que eu vou ter a longo prazo não só com as mulhers mais, com viagens, e tudo que eu sempre sonhei.



Conclusão: foca na sedução, mas o mais emportante de tudo isso e o money para não passar oque o amigo acabará de relatar ai em cima !!!

relevem o erro de portugues porue escrevi pelo celular oque vale é a intenção de ajudar :ae
eu4992
#1090561
Gabriel Silva escreveu:Cara, realmente, tópico que deveria ficar fixado.
Digo isso não por ter sido feito por você (que, aliás, sempre vem contribuindo com bons temas), mas porque é algo que se não ocorre 100% das vezes, poderíamos dar um percentual de 99% - sem dúvidas seria um valor espantosamente alto.

Já tive a experiência de trabalhar numa empresa com muitos funcionários, onde haviam outras empresas que também tinham muitos funcionários - inclusive PF's, nos quais podiam selecionar as mulheres para comer.
Cara, ali, eu pude perceber o quanto as mulheres são hipergâmicas - termo que não gosto de usar, mas não chega a ser uma falácia.

Praticamente, todas que entravam para trabalhar naquele local, terminavam seus relacionamentos.
E isso ocorria por dois motivos, basicamente: seus companheiros tinham menos status/salário que os homens que lá trabalhavam e/ou física/esteticamente eram "inferiores" - neste, as mulheres não terminavam, apenas traíam - onde eventualmente eram descobertas.

As que se mantinham fiéis, pelo que pude perceber, já namoravam (ou eram casadas) com um "homem de alto valor" - vamos nomear assim.

Com estes relatos, podemos chegar em conclusões que todo mundo está cansado de ver - mas que valem ser ressaltados no fim:

Foquem no desenvolvimento pessoal - num sentido amplo, mas "principalmente", estejam totalmente focados no desenvolvimento financeiro, físico/estético e intelectual - principalmente.
Na minha opinião, o homem só deveria se arriscar num relacionamento ao atingir sucesso em, pelo menos, duas dessas áreas.
E mesmo você chegando no auge, seja desapegado. Porque não serão - ironicamente - garantias de fidelidade da sua parceira.


Vou acompanhar esse tópico e analisar as opiniões posteriores, seria foda se a galera falasse sobre as experiências e crenças.
Fica na paz.

O comentário do Gabriel Silva é bem pertinente e toca no ponto importante do desenvolvimento pessoal. No final das contas é o desenvolvimento pessoal que vai garantir o seu futuro e até mesmo a qualidade das HB's com quem você vai se relacionar futuramente. Parabéns ao autor do tópico, ao Gabriel Silva e aos demais usuários que deram sua contribuição ao assunto. Vamos ler, internalizar e fazer a nossa parte, pois do contrário, você roda no curso de formação. :rolf Segue o baile. Valeu! :ae
Rica Villa
#1090566
Lucaspitbull escreveu:- sem sombra de duvida, muitos estão focando só em seduzir, gasta nas night esquecendo de foca na sua vida financeira eles estão tendo um prazer momentaneo comendo varias hbs, mas tudo isso passa e amanha ou depois estarão fudido sem ter aonde cair morto, estarão gordo barrigudo com filhos para criar cheio de contas em atraso tudo isso será consequencia.

por esses motivo criei uma crença que ninguém vai tirar da minha mente, vou foca na minha vida financeira enquanto meus amigo curte, vai para as nigth, gasta com motel , banca o rei das noitadas, estou ajuntando dinheiro... tenho uma moto e tenho um carro meu proximo passo é compra meu terreno pra sair do aluguel.

Igual o grande mistery disse : isso é vai além de pegar mulheres, isso é construir uma vida.

Eu tenho minha convicção que as mulheres pega hoje quando eu estiver bem estruturado, com idependecia finaceira elas vai chutar a bunda deles e vai querer da para mim não necessariamente as mesma mas até mulheres mellhor kkkk


O sofrimento que eu estou passando agora estudar, trabalhar duro, ter idependencia financeira nem se compara com o pazer que eu vou ter a longo prazo não só com as mulhers mais, com viagens, e tudo que eu sempre sonhei.



Conclusão: foca na sedução, mas o mais emportante de tudo isso e o money para não passar oque o amigo acabará de relatar ai em cima !!!

relevem o erro de portugues porue escrevi pelo celular oque vale é a intenção de ajudar :ae



Pode até ser. Mas se você deixar passar a melhor idade para aprovietar uns trocados e comer as garotas, depois o dinheiro não vai trazer o tempo de volta.
Logo depois que sai do quartel, perto dos 20 anos, arrumei um emprego na minha área com a ajuda de um professor de dentro da faculdade que me indicou. Passei a ganhar relativamente bem para a idade. Aluguei um apto na área mais central da cidade, que ficava perto do emprego e grudado na faculdade. Com isso me livrei de horas perdidas dentro do ônibus por morar na periferia. Com essas horas meu rendimento melhorou e eu me tornei mais responsável o que me levou a receber aumento. Com o tempo e a idade, eu conseguia sair da aula numa quinta-feira e seguir no boteco até de madrugada e ainda chegar no trabalho cedo, a ressaca e as poucas horas de sono não atrapalhavam. Eu era um cara livre e isso despertava a curiosidade delas. O resto foi um efeito dominó que serviu de base para saber da importância do trabalho e de poder gastar também. As coisas que eu fui conseguindo, primeiro apto, depois carro velho, depois um carro melhor e coisa e tal, sempre foram fruto de muito esforço, mas de curtir a vida e usar a sobra. Depois de formado com aquelas horas todas de estudo prontas para virar horas extras, pude usufruir ainda mais da vida. Por exemplo: o que eu iria fazer em casa as 18:30 do dia? Ficar jogando no computador, ver filmes? Que nada, eu fazia hora extra até as 22 horas e o dinheiro sobrava.

Mas quer saber? Eu demorei para enteder isso, simplesmente fui fazendo pq era o que esabia fazer. Só depois eu tive o insight da coisa. E foi observando como o pessoal perde tempo com bobagem. Eu mesmo me iludia que precisava aprender alguams coisas, até descobrir que eu só precisava mostrar ser quem eu sou.
mergulhadorpua
#1090569 Interessante sua posição, respeitosamente, isto está certo em partes. Não só a mulher mais também o homem toma essas decisões por conta do seu novo estilo de vida, homem ou mulher, que normalmente está vivendo sua vida meio sem graça e se vê numa nova vida, sem ver seu parceiro junto (vida essa planejada ou não - (sorte). A mente tende a tornar tudo que antes fazia parte de sua velha vida como ruim. Se alguém está evoluindo deve seguir evoluindo, o casal que é casal evolui junto. A ideia aqui é mostrar que não tem nada haver por ser mulher ou homem, no comentário do vídeo que você citou aquilo é pra ser piada! Existem os acomodados felizes e infelizes de ambos os sexos. Tem muita mulher que tem uma vida financeira melhor que a do homem e nem por isso se separou.
A questão é que quando há separação pelo financeiro o relacionamento já estava fraco, ou não houve compartilhamento de nova vida, das experiências novas e estilo de vida, não combinam mais, alguma coisa mudou, entende. Não devemos criar leis só porque vimos ou vivemos uma determinada situação, se conhecemos um amigo que aconteceu isso foi o caso dele e isso não é regra, tomar isso como uma regra é patético. Existem as piranhas e vagabundas é claro, mais, é inaceitável jogar essa culpa nas mulheres, o que leio no tópico desonroso para homens de nível elevado.
Mais seguimos evoluindo, debatendo e mudando nosso jeito de pensar também, levando novos conhecimentos a nossa comunidade, se não houver compartilhamento no separamos, agora ficou mais claro ainda né, - aquele cara lá que começou pegar geral e abandonou o fórum. Não defendo e nem crítico também quem faz isso, cada situação é única!
Avatar pua
Lucaspitbull
#1090571 Pode até ser. Mas se você deixar passar a melhor idade para aprovietar uns trocados e comer as garotas, depois o dinheiro não vai trazer o tempo de volta.
Logo depois que sai do quartel, perto dos 20 anos, arrumei um emprego na minha área com a ajuda de um professor de dentro da faculdade que me indicou. Passei a ganhar relativamente bem para a idade. Aluguei um apto na área mais central da cidade, que ficava perto do emprego e grudado na faculdade. Com isso me livrei de horas perdidas dentro do ônibus por morar na periferia. Com essas horas meu rendimento melhorou e eu me tornei mais responsável o que me levou a receber aumento. Com o tempo e a idade, eu conseguia sair da aula numa quinta-feira e seguir no boteco até de madrugada e ainda chegar no trabalho cedo, a ressaca e as poucas horas de sono não atrapalhavam. Eu era um cara livre e isso despertava a curiosidade delas. O resto foi um efeito dominó que serviu de base para saber da importância do trabalho e de poder gastar também. As coisas que eu fui conseguindo, primeiro apto, depois carro velho, depois um carro melhor e coisa e tal, sempre foram fruto de muito esforço, mas de curtir a vida e usar a sobra. Depois de formado com aquelas horas todas de estudo prontas para virar horas extras, pude usufruir ainda mais da vida. Por exemplo: o que eu iria fazer em casa as 18:30 do dia? Ficar jogando no computador, ver filmes? Que nada, eu fazia hora extra até as 22 horas e o dinheiro sobrava.

Mas quer saber? Eu demorei para enteder isso, simplesmente fui fazendo pq era o que esabia fazer. Só depois eu tive o insight da coisa. E foi observando como o pessoal perde tempo com bobagem. Eu mesmo me iludia que precisava aprender alguams coisas, até descobrir que eu só precisava mostrar ser quem eu sou.[/quote]

- Meu sinceros agradecimentos pelo o feed, você falou sobre um ponto de vista que não tinha observado ainda oque você disse é bem verdade que :[color=#000000] Eu mesmo me iludia que precisava aprender alguams coisas, até descobrir que eu só precisava mostrar ser quem eu sou.[/quote] nota-se que muitos querem aprender tecnicas para tudo esquecendo de mostra o seu verdadeiro eu
quando eu aprendii que eu, sendo do jeito que sou sem mascara nenhuma eu atraio pessoas que gosta de mim do jeito que eu sou isso bate no mesmo com texto que você disserá aqui em cima Para mim isso ja é um passo para ser natural não sou contra tecnicas nenhuma até porque eu uso muitas. mas eu acho que se você quer atrai as pessoas que gosta de você nao só por uma noite mais pela uma vida inteira você tem que mostra quem você é de verdade. estou lendo o livro do juggler method isso esta dando um up no meu jogo e

a conclusão que eu tirei do que você disserá é

Ganhar
Gastar
Poupar
investir


vou internalizar esses conceito, o grande sabio Rei Salomão disse :

[/color]
Provérbios 21:20
Um homem que trabalha muito economiza parte de tudo o que ganha e controla os seus gastos terá um patrimônio. Mas um tolo não consegue resistir ao impulso de gastar o que ganha em coisas que ele não precisa. Ele nunca terá um patrimônio ou qualquer coisa boa na vida.


[color=#000000]

[/color]
Avatar pua
DavidDraw
#1090573 Aqui é uma comunidade que na superficialidade trata de sedução, atrair uma mulher e finalizar ela sexualmente, e tem tópicos de relacionamentos pautado na ética, ou seja por desmascaramento e não reação.
O sexo é bom para os dois, porém é uma arma para a mulher pois é o que faz o homem ser manipulado. Em todo casamento de respeito o sexo é moeda de troca.
Agora se fosse uma comunidade feminina de PUA eu poderia te dizer que existiria tópicos com requintes de crueldade; mulher é um ser emocional e defende as emoções a todo custo mesmo as negativas, na mente dela ela esta certa e acabou, ai rola o efeito manada validando suas decisões antiéticas.
Gostei do tópico e curto o Evandro Guedes, vlww
Avatar pua
DavidDraw
#1090574
Gabriel Silva escreveu:
Foquem no desenvolvimento pessoal - num sentido amplo, mas "principalmente", estejam totalmente focados no desenvolvimento financeiro, físico/estético e intelectual - principalmente.
Na minha opinião, o homem só deveria se arriscar num relacionamento ao atingir sucesso em, pelo menos, duas dessas áreas.
E mesmo você chegando no auge, seja desapegado. Porque não serão - ironicamente - garantias de fidelidade da sua parceira.

Um bom prisma, se você reconhecer a pirâmide de maslow ai.
Se puder ser o Batman o seja.
Mire no Alexandre o grande, se for médio já esta bom.
Um cara que assisto sempre é Elias Maman, e tem outros, mas gostei do que escreveu.
Rica Villa
#1090578
DavidDraw escreveu:Agora se fosse uma comunidade feminina de PUA eu poderia te dizer que existiria tópicos com requintes de crueldade; mulher é um ser emocional e defende as emoções a todo custo mesmo as negativas, na mente dela ela esta certa e acabou, ai rola o efeito manada validando suas decisões antiéticas.


Parece bem claro o que você diz. Só não podemos esquecer que ética é coisa pessoal e ligada ao seu grupo. No momento que você rompe essa barreira a coisa afunda.
Vou lhe dar um exemplo bem exagerado.
O cara que é um Zé Roela rico e que nunca trabalhou na vida. Esse nunca vai saber se come mulher pelo dinheiro ou por ser um homem de verdade. Muitas vezes nem mesmo testado ele vai ser. Agora imagina numa pretensa ética entre os homens que se propusesse que jamais deveriamos pagar a conta de um jantar nas dez primeiras vezes. Nesta "ética" sempre homem e mulher deveriam rachar a conta. O que aconteceria com os que tem dinheiro? O que aconteceria com as mulheres que fazem os apaixonados de trouxa? Percebe o quanto elas fazem bem em aproveitar? Tipo: se eu tou comendo três gostosas e elas não querem nada em troca que não seja sexo, pq eu vou ficar correndo atrás de uma mulher para namorar?

Ou seja: homem que paga tudo pra mulher é apenas um trouxa que vai ficar sozinho no dia que essa realidade terminar.