Relatos pessoais, artigos, textos e vídeos para motivar qualquer um.
Avatar pua

Criador do tópico

pumaloko0xd - MEMBRO EXCLUSIVO
#797271 "Primeiramente, você chega na balada e observa que metade das mulheres estão com um vestido de elástico, usando o insistente perfume 212, Angel ou Light Blue. Mas até aí tudo bem, pois o uniforme faz parte. Não muito distante disso, você vê alguns homens com uma camisa polo e um cavalo gigante no peito, perfume one million. Alguns gastando dinheiro que não tem, outros gastando p
or gastar e outros como eu agora, pensando em como funciona tudo isso.. Nesse instante por algum motivo você se sente diferente daquelas pessoas. Culturalmente instruídos a sempre segurar um copo na mão seguimos o nosso caminho em busca de algo que no fundo não sabemos se realmente faz sentido.
Alguns caras querendo se divertir e outros numa disputa inútil para ver quem é o mais frouxo. Frouxo simplesmente por não conseguir pegar uma mulher só com o papo, por não saber jogar esse jogo de homem pra homem, mas novamente até aí tudo bem.. pois cada um usa e atira com as armas que tem.
Em meio a tudo isso, me pergunto: onde está a conquista? Cadê o charme?
O ato de arrancar um sorriso sincero? Ficar com a mulher por ter falado a coisa certa na hora certa, sem sensacionalismo. Só acho que as coisas estão perdendo um pouco da graça. Então depois de consecutivas experiências dessas, você acaba vendo que o mundo de balada é muito limitado e o mais importante, que o que você tanto procura, não está e nem estará ali.
De forma alguma estou dizendo que não gosto de balada, ou que balada é algo de pessoas “vazias”, mas infelizmente na maioria das vezes é isso que eu vejo, mulheres que só querem levantar seu ego ou serem bancadas a noite toda e homens que acham que baixar um litro de bebida lhe faz ser o "top" da festa.
Cada vez mais as pessoas têm a necessidade de mostrar ser uma coisa que não são, viverem algo que não querem para se adaptar ao mundo pobre que a noite oferece e
agora só falta elas perceberem que isso não leva a lugar nenhum, que balada alguma te fará sentir o abraço quente de alguém que te ama, o beijo que faz delirar, o companheirismo de quem realmente se importa. Enfim, hoje eu vejo que o acontece durante as várias baladas da vida, devem permanecer ali e na maioria das vezes, ser esquecido porque nunca nos levam a lugar algum, mas traz arrependimento e saudade do tempo em que éramos realmente felizes e não sabíamos.
Chegamos num ponto, onde máscaras valem mais do que expressões, garrafas de bebida valem mais do que apertos de mão e companhias falsas valem mais do que uma conversa sincera com a menina que te faz tremer e que infelizmente não está ali, diante dos seus olhos como tantas outras sem valor algum.
Por fim entenda que você pode ser uma pessoa super charmosa, educada, inteligente ou qualquer outro adjetivo, mas se a outra pessoa não for equivalente, ela não irá perceber o quão valiosa você é, e pode acreditar, nesse ambiente você não tem nenhum valor"



Vi no facebook.. não tinha o autor então não pude colocar os devidos créditos, mas é algo para poder pensar e fazer SEU melhor e NÃO o que dizem para VOCÊ fazer!

abrass

ANÚNCIOS

Avatar pua
Heng

Aprendiz

#797298 Caraca bicho, muito bom o texto.

Eu trabalho na produção de uma banda e quando você está lá em cima do palco, a visão disso tudo que foi citado no texto é bem clara, eu até estava pensando em escrever um artigo basicamente sobre isso.
O grau de materialismo, futilidades e outras "qualidades" da mesma linha, é elevado.
Se cada um tivesse a oportunidade de acompanhar a reação das pessoas de uma visão mais ampla (em cima do palco por exemplo), focar somente como as pessoas se comportam, vocês iriam ver realmente como funciona a balada/show.

Valeu por te postado cara!

Aloha, Heng.
Avatar pua
Gallant - MEMBRO EXCLUSIVO
#797300 Muito bom texto, acho que tudo parte pela necessidade mundana de validação social; o quê por si só não é algo ruim, visto que somos animais gregários. Porém temos uma tendência a buscar validação em coisas que não agregam ao nosso interior como seres humanos, como o citado 'ter um litro de bebida paga' ou 'ser convidado vip' ou ainda 'ser o/a troféu da noite', etc e etc.

Nunca tirando o valor e graça destas diversões externas e momentâneas, afinal temos que viver o momento. E se estamos em uma balada, nada mais justo. Mas ter estas pequenas validações exteriores não como meio mas como fim, acaba tornando-nos mais fúteis e vazios.

Abraços
raijiin

Veterano - nível 7

#797302 Cara me diz, o texto é legal, beleza, fala a realidade fala. Mas a mesma garota que ta rebolando até o chao na balada, é a garota que alguem vai namorar, casar e viver uma vida. Eu nao gosto desse tipo de som de balada, eletronica, sertanejo, funk. Mas eu vo, porque se eu for aonde eu gosto, vou ver duas garotas no meio de um monte de homens. Adaptação é isso, é sair da zona de conforto e botar a cara a tapa, com chances de pegar garotas, telefones, fcs e porque nao um relacionamento ?
Nao importa aonde voce ta jogando.Pode ser balada, barzinho, supermercado, loja, trabalho, faculdade. Importa é jogar, se divertir, ser feliz e encontrar alguem que te faça feliz e que voce faça a pessoa feliz tambem. Cada um na sua época é claro.
Avatar pua

Criador do tópico

pumaloko0xd - MEMBRO EXCLUSIVO
#797357 Não é cara.. Independente do que o texto fala.. pelo meu ver é a falta de atitudes e da sedução que falta nesses lugares que para qual, cabe o materialismo.. Eu estou em balada direto.. Muitos caras principalmente meus amigos vão para balada e gostam de comprar litros e litros de cachaça e dizem que é para apenas tomarem.. Mas pagam uma fortuna nelas.. Isso é para que possam mostrar um idi falso.. algo que eles acham que é bonito.. Que ajudam sua alto estima.. Eu sinceramente prefiro ficar na minha sem gastar muito.. E ir atrás de mulher.. Porque querendo ou não mulher vai pra night atrás de homem e isso é fato..
entendi sua posição.. Porém hoje em dia não existe mulher santa.. Aquela quieta pode ser mais safada do que a que rebola até o chão.. Mas isso demonstra o famoso betismo que tentar se mostrar para elas achando que estão apavorado sendo que não passam de meros consumidores de cachaça..

Abrass
raijiin

Veterano - nível 7

#797370 cara esse lance de pegar e jogar uma garrafa na mesa, se mostrar o pica das galaxias é ridiculo, sim é, mas funciona. Assim como funciona tu chegar dentro de uma range rover, assim como funciona voce ser popular com geral da balada, da faculdade. São meios de demonstrar poder, demonstrar que tem como oferecer uma vida confortavel, mesmo que subconsciente. Eu nunca compro garrafa, mesmo porque saio mais alone, ou em dupla no máximo, sem contar que não acho saudavel com meu salario ficar ostentando poder pra ter validação externa, mas uma vez que sai com um amigo meu que realmente tem bala na agulha, ele boto um whiskao na mesa cheio de energetico, tinha umas conhecidas dele la, elas mesmos demonstraram interesse e uma quis me conhecer. Veja só que estranho, a maioria das vezes elas são mais sutis, mas nesse dia em especifico eu era o "cara", afinal era amigo do cara que tem grana, e sim ele tem bala na agulha mesmo, todos os roles gasta muito e muitas vezes banca a conta inteira. E ai, vai falar que não é valido ? vai falar que é puro interesse? Vejamos, interesse todos temos, assim como eu prefiro uma gostosa linda e burra do que uma inteligente feia de dar dó. Elas tambem vao pesar por esse lado, se voce é rico, boa pinta, demonstrar valor, vai gerar atração. É um soma de fatores, que ajudam sim a pegar a hb que voce quer. Buscar ter uma vida confortavel, dinheiro, todos nos queremos, elas querem voces tambem querem, espero né. É isso que nos faz progredir, a falta de algo, faz a gente buscar aquilo e evoluir. A atitude de botar a bebida na mesa é tosca, mas qual o problema tambem? se eu ganhar 15 mil por mes, botar um whisky de 100 reais mais 50 em energetico em um fds é tranquilo, e querendo ou não é gostoso tambem beber. Pelo menos eu vejo por esse lado, geralmente quem tem bala na agulha, compra nao pra se mostrar, mas porque gosta mesmo, aquilo ali faz parte da vida dele e já era, quem sou eu, ganhando 20% do que o cara ganha pra julgar as atitudes dele. Voce na posicao dele talvez fizesse a mesma coisa, se não pior.
Flws
Avatar pua

Criador do tópico

pumaloko0xd - MEMBRO EXCLUSIVO
#797436 Funcionar.. Pode funcionar mas que nem, muitos puas bitolados acham que isso é beta.. Se for ver por um lado pode ser e por outro não.. Eu não tenho tanto dinheiro.. Mas diga se de passagem nunca precisei de nada.. Tenho as coisas que quero e isso que importa.. Eu não sou fã de ficar descendo litro mas têm horas que da aquela vontade de beber muito aí fazer oque.. mas chegar e ficar pagando bebida para os outros que não sejam seus amigos isso é comprar amizade que nem vc ten 1000 reais por mês.. Vc não vai conseguir se sustentar pagando um litro de black label que geralmente é 200 pila fora os energéticos.. Isso já é mostrar quem vc não é.. Além do mais tocando no assunto do carro.. Conheço muitos caras que ganham aí em média 2500 comprar um cruze e ficam aí se pagando.. Ou se paga com o carro do pai.. Nada contra pq também faço isso usar o carro do veio.. Mas é uma ostentação que é passageira.. O materialismo é muito passageira tu pode pegar aquela gata na balada pelas coisas que vc tomou, mas difícil vc conseguir comer ela, então isso AJUDA mas tenha um jogo em mente.. Seja um pua espero e malandro

Abrass