Relatos pessoais, artigos, textos e vídeos para motivar qualquer um.
Avatar pua

Criador do tópico

tkz

Aprendiz

#826137 Mudar de vida é uma ideia que encanta nossas mentes. Quem não quer ter mais tempo livre, dedicar-se a uma paixão, viajar pelo mundo, transformar o próprio corpo, conquistar independência financeira ou obter qualquer outro tipo de melhoria?

O problema é que a maior parte de nós evita pensar em uma mudança radical de vida porque temos medo de arriscar o conforto de nossa atual situação. Claro, seria ótimo ganhar mais dinheiro, mas e se para isso eu tiver que arriscar o que já tenho? Não assumimos riscos desnecessários, não chamamos a atenção em público, não falamos com estranhos, seguimos a tradição e as boas normas.

O problema é que sobrevalorizar a importância do conforto e da segurança pode nos levar a viver de forma reativa em vez de forma ativa. Ou seja, em vez de fazer planos grandiosos e correr atrás de nossos sonhos com gosto, nós preferimos ficar na zona de conforto. Continuamos trabalhando no mesmo emprego, mantemos o relacionamento que caiu na rotina, “aceitamos” que a vida vai ser aquilo mesmo.

O “aceitamos” fica entre aspas porque sempre ouvimos aquela voz no fundo de nossas mentes sentindo falta de algo mais, não ouvimos? Aquela voz que nos diz que esse não é o tipo de vida que queremos viver. Que quer sempre mais e mais. Que quer que você seja muito mais saudável, que coloque seu corpo na melhor forma possível, que viva um relacionamento intenso e verdadeiro, que viaje o mundo, que aprenda novas habilidades, que ajude as outras pessoas.

Essa voz aparece geralmente quando você está a só consigo mesmo. O que ela tenta nos dizer é que estamos insatisfeitos ou com problemas de motivação simplesmente porque não estamos fazendo o que deveríamos com nossas vidas.

Você tem duas opções para lidar com o subconsciente. A primeira é ouvi-la com atenção e mudar de vida. A segunda é silenciá-la assistindo TV, navegando na internet, sobrecarregando-se de trabalho ou consumindo doses cavalares de álcool, cafeína ou açúcar.

No entanto, sempre que você estiver a só consigo mesmo, ela vai estar lá, tentando alertar você sobre a vida medíocre que vem levando, até que a morte se aproxime e com ela venham os remorsos de tudo o que poderia ter sido e que não foi.



Coragem Para Mudar.


Como fazer então para sair da zona de conforto e começar a executar as mudanças que precisam ser feitas? O primeiro passo é não evitar ficar a só consigo mesmo. Passe alguns momentos sozinho, sem nenhuma distração ligada (isso inclui TV, rádio, internet, celular etc.). Tenha em mãos lápis e papel, um gravador de voz ou qualquer outra coisa que possa capturar pensamentos que venham a surgir.

A maioria de nós, no fundo, sabe o que nos deixa infelizes. Pode ser o trabalho insignificante, o relacionamento que não dá mais certo, a beleza que foi perdida com o tempo, a saúde precácia, a falta de dinheiro. Liste-os, seja sincero consigo mesmo.

Uma vez que você os tenha em mãos, pode começar a pensar em ações para mudar o que lhe insatisfaz e começar a fazer o que você acha que realmente vale a pena. O grande passo aqui será superar o medo, dominá-lo para ele não lhe paralise. Não tente eliminá-lo, pois isso é muito difícil. A coragem é a arte de dominar o medo.




Por Onde Começar.


O que diferencia você das grandes figuras da humanidade? Das pessoas que realmente fazem a diferença? Sua mente é tão poderosa quanto a deles, basta ser treinada e você conseguirá muito do que quer para a sua vida. Pense grande e não se intimide com as dificuldades, pois elas existem apenas para separar quem realmente está comprometido com alguma coisa daqueles que apenas gostariam de ter aquela coisa.

Algumas dicas para começar a mudança de vida que você sempre quis:

Entenda que tudo o que acontece na sua vida é responsabilidade sua. Tudo. Assuma o papel de protagonista e não de vítima.

  • Sendo você o responsável por tudo, corte a reclamação de sua vida. Reclamar é a pior coisa que você pode fazer por você mesmo. Foque em encontrar soluções em vez de ficar simplesmente apontando problemas.

  • Compreenda de uma vez por todas que a alimentação torna você o que você é. Passe a se alimentar com critério, nutrindo-se corretamente e não apenas enchendo a pança.

  • Coloque na sua cabeça que exercícios físicos não são uma questão de opção e sim de obrigação. É impossível manter-se saudável ao longo dos anos sem praticá-los, então comece hoje mesmo, nem que seja com uma caminhada pelo quarteirão.

  • Aprenda a descansar corretamente. É durante o sono que nosso corpo se recompõe. Tenha noites de sono tranqüilas e sua vida melhorará sensivelmente.

  • Adquira o hábito da leitura. Os livros são a melhor fonte de conhecimento e você pode entrar em contato com as grandes mentes da humanidade simplesmente compreendendo-os.

  • Anote todas as pendências fora de sua cabeça. Nossa mente não é o melhor lugar para deixar nossas pendências memorizadas. Isso gera estresse e confusão mental. Tenha o hábito de anotar suas pendências (projetos, tarefas, delegações, sonhos, metas) em um papel, em um software ou em qualquer lugar físico fora de sua cabeça.

  • Organize suas finanças. Problemas com dinheiro é um dos maiores motivos de infelicidade da humanidade. Que outra razão nos levaria a ficar oito horas por dia, cinco dias por semana, fazendo algo de que não gostamos? Aprender a gastar menos do que ganha e a investir a diferença para adquirir independência financeira.

  • Faça uma coisa de cada vez. Tentar resolver tudo ao mesmo tempo só vai deixá-lo frustrado. Da sua lista de problemas e aspirações, escolha uma e comece a trabalhar nela. Quando já estiver caminhando bem, passe para outra. Isso pode ser aplicado em tudo na sua vida. Se você tem dois focos, então não tem nenhum.

  • Saiba o que você quer da vida. Identificar os problemas não basta. Além de saber o que você não quer, você precisa ter em mente o que quer da vida. Trace seu objetivo principal, defina-o em detalhes e corra atrás dos seus sonhos.

  • Faça aos outros aquilo que você gostaria que fizessem a você mesmo. Essa é a regra de ouro para viver bem em sociedade e ser uma pessoa querida pelos demais. Note que não é para se limitar a não fazer aos outros o que gostaria que fizessem a você. É para fazer pelos outros.
Por fim, não deixe nada para amanhã. Hoje à noite você pode ter um ataque cardíaco, ou comer algo infectado com uma bactéria e morrer. Ou o lugar onde você mora pode ser atingido por um furacão, um tsunami, um terremoto, um ataque terrorista ou ser alvo de bandidos assassinos. O dia de amanhã não é uma certeza na sua vida, então é bom começar hoje. Sem desculpas, sem mais infelicidade. Apenas ouça aquela voz que sempre lhe diz a coisa certa a fazer.

ANÚNCIOS

Avatar pua
Lipeee!

Veterano - nível 9

#826140 a Base de tudo é uma mudança de crenças. Nossa crença de que podemos fazer a mudança, que podemos tomar uma atitude e sair de nossa zona de conforto.

parar de se fazer de vitima do mundo e das circunstancias é muito importante... O primeiro passo para a mudança é o mais dificil porem o mais importante!

valeu por compartilhar. Abraço!
Avatar pua
jhonatan90

Veterano - nível 9

#826150 Parabéns pelo artigo man. É de grande valia para o fórum.

Ter um artigo sintetizado como o seu é importante pra essa galera nova que vai entrando por aqui.

Tudo isso que disse se resume a uma palavra, ATITUDE. Essa é a base de tudo.

Abraço.
Avatar pua
Cyrax

Veterano - nível 3

#826154 Muito bom o artigo. Eu estou dedicando meu tempo para estudar como funcionam os hábitos e como mudá-los para ter uma vida mais feliz. Acredito que mudando pequenos hábitos, somos capazes de transformar nossas vidas completamente. Abraço
Avatar pua

Criador do tópico

tkz

Aprendiz

#826215 Isso Cyrax. de uns tempos pra ca tbm passei a me dedicar a mudança de hábitos.
Tamo Junto.