Aqui é aonde Arquivamos as discussões e debates do PUABASE.
Apenas Membros VIPS
Organização sempre!
Bardo

Aprendiz

#987154 Caramba cara sem palavras...

Realmente achei muito bom e revelador,parabéns cara e obrigado por compartilhar conosco,espero que continue postando!

ANÚNCIOS

Avatar pua
gameplayer - DOADOR

Veterano - nível 9

#1000828 Excelente cara, fico refletindo as vezes, pessoas desde pequenas sao condicionadas a serem os melhores na escola (as melhores notas sao motivos de orgulho para a familia), conseguir um emprego bem rentavel mesmo que nao de prazer e comprar uma boa casa e carro. As vezes paro para pensar, ate que ponto vale a pena vestir essa mascara de que o cara bem sucedido é aquele com muito dinheiro e nao aquele realmente feliz? Infelizmente é a realidade de muitos, uma rotina sem graça ou prazer, convivencia com pessoas com quem nao gostamos e tentando impressionar financeiramente aqueles que nem ligam para nos
Avatar pua
avila - MEMBRO EXCLUSIVO
#1000887
Existe prazer no ritual da prática. Nos seus gostos, toques, sabores, cheiros e sons. No ambiente, nos detalhes.


Show, mto bom esse texto.
Essa de ficar sempre dependendo da conquista, de conseguir um objetivo pra ser feliz realmente é ruim. A gente deixa de dar valor em muita coisa por causa disso.
Avatar pua
Zanella

Aprendiz

#1001033 Muito bom artigo, porém você tocou pouco no que eu acho que é o maior parâmetro para decidir se vai ficar bom em algo ou não.

É o PRAZER de fazer a coisa.

Muita gente começa academia por que quer ficar musculoso, mas não gosta realmente daquilo, então assim que a força de vontade se esgotar ela desiste. Mas se você realmente gosta de academia (ou jiu-jitsu, tocar violão, física quântica) ou qualquer coisa na verdade, você continuará treinando, pois sua motivação não é o resultado, e sim a prática em sí.

No final tudo se resume a uns dos conceitos mais importantes do pick-up: FREEDOM FROM OUTCOME!

Continue postando irmão, abraço
Zanella
Nikko01

Aprendiz

#1001191 Belo post. O interessante que vale ressaltar, é que não precisa ir muito longe pra conseguir ser um mestre em qualquer coisa, basta se dedicar no assunto e ter paciência para se desdobrar em cima dele durante o tempo necessário. Não se trata do quanto você se esforça, e sim do quanto você consegue se manter focado sem perder a motivação.

99% das pessoas perdem a motivação quando vêem os primeiros obstáculos, e aí ficam no nível da mediocridade. Aqueles que observam os obstáculos e aprendem a passar por eles com aqueles que já venceram antes, aprendendo novas lições a cada obstáculo, esses sim se tornam mestres.