Aqui é aonde Arquivamos as discussões e debates do PUABASE.
Apenas Membros VIPS
Organização sempre!
Avatar pua
Zonfertwo

Veterano - nível 1

#882761 Não li totalmente o tópico mas, algumas coisas realmente tem sentido. Queria falar sobre algumas coisas do tópico, Peacocking não dará certo no brasil, você tem que ser vestir confortável, mas usar um colar um relógio é atraente. Falar de você? Você pode sim falar de você desde que você estimule a hb a querer saber mais de você, porquê não falar de você se ela quer saber mais sobre você?

Sobre user negs, e indirect method. Eu gosto de ser indireto dependendo da menino, tudo tem que ser dosado a partir de um momento que você tem que demonstrar que quer ela, e se não der certo, tem várias mulheres a disposição pelo mundo.
Avatar pua
Arcanjo Winchester

Veterano - nível 10

#882764 Excelente post! Porém discordo dos pontos 7 e 8, não existe um padrão de mulher, a maioria cai bem no modo direto de jogo e gostam quando vc se mostra bem interessado... No entanto há aquelas que exigem um jogo mais sutil e indireto, e não sou só eu que sabe disse, antigos sedutores como Casanova, Richelieu, Rochester, Ovídio e outros sabiam que existiam conquistas que exigiam um conhecimento profundo de algumas vítimas especiais e com isso o jogo indireto ganhava força. E nos dias atuais esse tipo de jogo ainda é válido, porém você aprender a mesclar os dois estilos: sabendo ser indireto no momento certo e direto na hora certa ;)
J VIII - MEMBRO EXCLUSIVO
#882774 Salve, Salve.

Eu adorei seu post, sua narrativa... você está de parabéns :ae

Eu ainda não li as outras respostas para não ser influenciado.
Por eu ser novato fica um pouco difícil dar feed no seu post.

Mas, tive uma experiência que se encaixa perfeitamente na sua lógica;

Eu fazia aula de dança e certa vez eu cheguei atrasado. Nesse dia uma HB9 vazia uma aula experimental.
Ela era super simpática e correspondia a todos os indicadores de interesse.
Conversamos durante a aula, mas não nos apresentamos, demonstrei total interesse nela. E no fim da aula sem nem saber o nome dela mandei... Forró amanhã tá afim? HB: pensou um pouco, perguntou onde era e disse que tinha prova.
Eu apenas fiz um gesto de que tava tudo ok... e no outro dia... bingoooooooooo, todo tempo pra mim é pouco pra dançar com meu benzinho numa sala de reboco :)

o cheetos que não gruda no seu da boca,


Essa salvou a noite kkkkkkkkkkkk.

Um abraço
Avatar pua

Criador do tópico

felipewsg

PUA EXPERT

#882878
ndnb escreveu:Sensacional este post!
O principal, é ter bom senso. Saber quando cada coisa deve ser usada, e em qual contexto será melhor. Por que afinal, as interações jamais serão iguais!

A questão quanto a ser sincero: aqui que está o ponto principal!
Garanto que tem puas que já tentaram usar enlatados, e se sentiram estranhos pra caramba...claro, precisamos de um inicio. Mas por que não tentar de inicio, ser sincero e aberto quanto o por que de vir conhecer a HB? Logo, apenas vai depender da HB: vai ter as mais receptivas, as mais tímidas...enfim: se você tiver uma comunicação boa, será só questão de tempo até contornar situações indesejadas, caso ocorram. E se não ocorrerem, melhor ainda :D

Esses dias estava tomando um café em um shopping, achei bom e elogiei a atendente pelo serviço:
"Olha, muito bom o café daqui viu! muito bom mesmo!"
e a Atendente: "Capaz moço! O segredo ta em quem fez ele. (aquela piscada básica subliminar pra mim)"
... :rolf


Exatamente, honestidade sempre
Viver sem medo de ser homem e demonstrar nossos desejos pelas mulheres
dougtec

Veterano - nível 1

#882948 eu tento sempre ser engraçado, contar histórias reais facilitam a fluidez da conversa, peacoking tem que ser congruente com a personalidade, gosto de acessórios para o braço, nada de colar, coisas na cabeça, geralmente calça ou bermuda clean, tenis ou sapatenis simples tbm, e camisa ou camiseta mais destacada...

ainda nem consigo abordar nos 3 segundos, eu preciso de um olhar antes, ou pelo menos certeza q ela esta sozinha, q ela dança bem e q ta curtindo a festa.... acho legal elogiar quando ela realmente merecer, oferecer algo cai no mesmo quesito.
Avatar pua

Criador do tópico

felipewsg

PUA EXPERT

#886943
dougtec escreveu:eu tento sempre ser engraçado, contar histórias reais facilitam a fluidez da conversa, peacoking tem que ser congruente com a personalidade, gosto de acessórios para o braço, nada de colar, coisas na cabeça, geralmente calça ou bermuda clean, tenis ou sapatenis simples tbm, e camisa ou camiseta mais destacada...

ainda nem consigo abordar nos 3 segundos, eu preciso de um olhar antes, ou pelo menos certeza q ela esta sozinha, q ela dança bem e q ta curtindo a festa.... acho legal elogiar quando ela realmente merecer, oferecer algo cai no mesmo quesito.


Claro, o conselho aqui é ser espontâneo e honesto consigo mesmo, se usar uma roupa extravagante é a sua forma de se vestir, ótimo, faça isso, seja sempre sincero consigo mesmo.
Avatar pua
Vincent Mancini - MEMBRO EXCLUSIVO
#886957 Você evoluiu e desenvolveu o SEU estilo. Muito bom!!!

Gostei principalmente do tópico n. 8, sobre ser indireto: "partir do momento que você passa mais de 2 minutos falando com uma desconhecida, você demonstra que quer enfiar seu pau em qualquer buraco nela em que ele caiba." Rsrs.

Valeu pelo post!
Avatar pua
Lacaetano

Aprendiz

#886961 Realmente polemicos...

acho que o Mau Mau já deu uma grande contribuição no sentido que gostaria então falarei apenas algumas coisas.

Contar histórias é importânte mas elas não precisam ter aquele ponto aumentado. No caso citado por você acho que o valor gerado pela história do fusca e da sua amiga ou da mercedes e da modelo gerariam no fundo praticamente o mesmo resultado. Te colocariam como um cara aventureiro que sabe curtir e possui mulheres na vida. Claro que no começo talvez não tenhamos todas essas histórias para contar mas com o passar do tempo elas virão :D

Só falar de você realmente vai ser totalmente entediante para a garota, tem que ter um compromisso entre falar e escutar, isso está embutido em qualquer conversa tanto como garotas como amigos ou qualquer outra situação que possa ser imaginada. (temos que saber ser bons faladores e também bons ouvintes).
Reparem aqui no que o MAU Mau disse... quando a garota está falando elá está despejando muita informação que pode ser usada por você.

Regra dos 3 segundos: acho válida para os iniciantes para quebrar a AA. Quando você já está conseguindo controlar a AA ela pode ser deixada de lado

Os roteiros devem existir no começo mas com o passar do tempo você começa a sentir o jogo e a partir dai você já tem interiorisado o que fazer não precisa ficar pensando ou seguindo um script. No início ele é seu professor te auxiliando mas no caminho para se tornar um mestre o roteiro começa a ficar interiorizado e você começa a colocar você no jogo (naturalidade).

Ser indiferente também pode ser uma ferramenta muito útil. (Opinião do Mau Mau valida aqui também) o mesmo vale para os negs...

E finalmente... elogiar é totalmente cabível, só é necessário prestar atenção a hora de usar essa ferramenta. Junto com Negs é a forma de calibrar a interação e também acredito que passe um pouco pela forma de demonstrar seu interesse.

Espero que tenha sido claro, escrevi meio rápido, mas qualquer coisa estou aqui para uma conversa. Assim espero evoluirmos.