Depoimentos de mudança com o PUABASE.
Conte nos nessa área um pouco da sua evolução atingida com os conhecimentos adquiridos no PUABASE. Adoraremos ler a evolução de um membro da nossa irmandade.

O primeiro é fazer você refletir sobre o seu desenvolvimento e o segundo é conhecer um pouco mais a evolução dos outros membros.

Criador do tópico

Gebher

Aprendiz

#915137 Ao dar início a esse texto, penso se realmente tenho um grande conhecimento para compartilhar. Reflito mais um pouco e sinto que não. Pelo menos não na prática. Pois é... um desastre para quem vem a um fórum para aprender a conquistar mulheres, não é? Sinceramente, estou rindo na frente do computador, mas sem motivo aparente. Talvez seja porque me dei conta que a boceta (sim, é com "o" e não "u") nunca deve estar em um pedestal. Eu vi isso em algum filme, não me recordo o nome... mas algo me diz que é "O Virgem de 40 Anos".

De cara, já digo que este parágrafo será tão chato quanto o primeiro e cada palavra que escrevo, sinto que mais leitores do PuaBase deixarão de ler este texto. Queria ser breve, mas não vou. Sou um pouco egocêntrico - estou tentando melhorar - e estou escrevendo esse texto porque minha mente está transbordando e acreditando, sinceramente, que esse depoimento pode mudar a maneira de pensar de alguns. Dito isso, começo finalmente a narrar minha breve e, talvez, decepcionante história.

Assim como a maioria daqui, nunca fui o cara "foda" da escola. Longe disso. Mas também não fui o pior. Ficava ali no meio termo... mas não pegava ninguém. Muitas paixonites, muitas decepções. Coisas de adolescente. Como bom usuário da internet, comecei a procurar maneiras como poderia me sair melhor com as mulheres. Encontrei muitos sites bons até chegar ao PuaBase, com o qual admito não ter tido muito contato. Enfim, aos 17 (ou 18), graças a todos os textos que li - mas sem prática nenhuma em campo -, fiz várias novas amizades de menininhas da escola e uma delas se apaixonou por mim - o garoto aqui tinha futuro :legal. Dei início a um namoro que nem esperava ter futuro. Resultado: QUATRO ANOS DE NAMORO! Na época, pensei que seria uma experiência que logo teria fim, mas me apaixonei também. Ela era (e ainda é) é uma garota sensacional... inteligentíssima. Aprendi muito. Passei a gostar de música boa e ela me deu um grande apoio quando optei por dar início a faculdade de Jornalismo. Terminamos o namoro no início de 2014, sem briga. E falando em música, a minha mente ecoa o trecho da música do Chiclete com Banana: "O nosso amor, valeu demais!". Desculpem por isso. Não é esse tipo de música que considero boa. Mas, continuando... A faculdade foi a MELHOR escolha que pude fazer em toda minha vida. Tive um acesso a um conhecimento vasto. Pude abrir minha mente. Me tornei outra pessoa. Um homem melhor.

Sinto dizer, mas hoje não tenho a menor vontade de consumir artigos sobre sedução. Não é subestimar o conhecimento. Aprendi isso também. Mas, PARA MIM, você só será um cara interessante para as mulheres se você realmente se tornar interessante. Sem querer desmerecer, mas no início de tudo, tinha impressão de que deveria fazer tudo de maneira robótica, com frases prontas, entre outras coisas. Descobri que não é assim, MAS AJUDA MUITO, principalmente quem é muito ruim com as mulheres. Minhas frases enlatadas tiveram um retorno muito bom, mas falando honestamente, sou um homem bonito e tinha acabado de perder minha timidez com as garotinhas. Não era a coisa mais difícil do mundo.

Cresci. Namorei. E me ferrei. Passei quatro anos sem praticar - nunca traí minha ex-namorada. Voltei à estaca zero. Para piorar, durante o namoro, achava que minhas atitudes passadas era coisa de quem estava perdido na vida. Afinal, como sou egocêntrico, acredito, por vezes, que o mundo gira em torno do meu umbigo. Hoje, fico triste por ter abandonado tudo e pensado daquele jeito. Passei quatro anos sem me sentir "foda". Mas como dito acima, esses quatro anos me proporcionaram muito conhecimento sobre diversas áreas e agora isso me ajuda a ter conversas mais legais e interessantes com qualquer mulher - até aquelas menos informadas.

Na verdade, o que quero desabafar é que hoje voltei à estaca zero. Estou reaprendendo. Estou com 22 anos e só transei com uma mulher a minha vida toda. Isso me deixa triste? Sim, com certeza! Qual homem não se orgulha de quantas mulheres já esteve? Entretanto, sei meu potencial. Como vocês gostam de classificar a beleza por nota aqui. Atualmente estou ficando com uma garota na faculdade nota 9 e várias mulheres de lá me "dão mole", mas não sou o tipo de cara que vai ficar com duas mulheres do mesmo lugar ao mesmo tempo. E digo mais, não estou nenhum pouco apressado para transar com ela. De verdade. Se não for com ela, vai ser com outra.

Para fazer justificar o título do post, gostaria de deixar essa mensagem para vocês. Independente do que aconteça, cresçam. Nunca desistam. O tempo não pára, o relógio continua correndo e sua vida passando. Se quer fazer algo hoje, FAÇA PORRA. FAÇA AGORA. Levanta essa bunda e vai fazer. Ninguém vai fazer por você, e se fizer, você está sendo INCAPAZ. Não seja um incapaz. Faça, aprenda, cresça.

ANÚNCIOS

Avatar pua
martimbrazil01

Aprendiz

#915286 Eu até pensei em seguir seu conselho...mas pensei bem, e você é um rapaz de 22 anos, que teve uma FC na vida. Eu tenho 19, e tive incontáveis FC's. Lembrando que não sou bonito como se espera...acho que vou continuar com minhas estratégias de jogo, e quando começar a dar errado eu mudo. Mas de qualquer forma, valeu a "estória" e o desabafo ! Abraços, boa sorte amigo PUA !