Avatar pua

Criador do tópico

INDIÃO - MEMBRO EXCLUSIVO
#861925
MISSÃO 1 – Mantendo uma Conversa.
Leitura das instruções do dia 18 concluídas.
MISSÃO 2 – Pense rápido.
Fiz o exercício do improviso em roda no teatro revezando da seguinte forma:
[justify]Enquanto uma participante improvisava o tema proposto pelo professor em roda o narrador improvisava uma história enquanto outro participante se destacava ao centro da roda reproduzindo corporalmente a história contada, que em seguida a pessoa ao lado continuava ao lado sem perder o ritmo e entusiasmo. [/justify]
MISSÃO 3 – Missão do fio múltiplo.
1ª Abordagem – Local – estação Pinheiros do metrô – HB8 Loura
[justify]Percebi que ela usava um lindo anel de prata no dedo anelar “Afrodite”, já logo aproveitei e abri na rotina dos anéis:[/justify] [justify]INDIÃO - Nossa gostei do anel muito bonito, Parabéns![/justify] [justify] HB – (Meio na defensiva) kkk, obrigada...[/justify] [justify]INDIÃO – (kinando) – Achei muito interessante os desenhos nele, comprou nas lojas de bijuterias ou é prata mesmo?[/justify] [justify]HB – Não é prata mesmo kk, é da minha mãe inclusive...[/justify] [justify]INDIÃO – Cuidado para não perder... [/justify] [justify]HB – Vix esta me agourando é? Kk[/justify] [justify]INDIÃO – Você acha que se eu tivesse o poder de alterar as coisas eu teria perdido mais de 20 celulares a só esse (mostrando o meu) é o vigésimo primeiro kk, me lembro de cada um, mas antes me responde uma pergunta?[/justify] [justify]HB – Pode falar...[/justify] [justify]INDIÃO – Você sempre usa os anéis nesse mesmo dedo, ou é somente porque foi o único dedo que realmente serviu?[/justify] [justify]HB - Sempre uso nele mesmo por quê?[/justify] [justify]INDIÃO – É que lembrei agora de uma vez em que conheci uma descendente cigana num restaurante no centro e me disso que podemos falar muito a respeito da personalidade de uma pessoa só pelo dedo em que ela usa o anel, sabe não acredito muito nisso mais tive que dar o braço a torcer para ela pois ela realmente acertou o a meu respeito.[/justify] [justify]HB – Ah eu acredito (adorei saber isso kk)[/justify] [justify]INDIÃO – Pois vou falar um pouco sobre você, mas vou te deixar um pouco curiosa kk, o dedo que você escolheu vai ficar por ultimo...[/justify] [justify]HB – (Hiper entusiasmada) – ok kkk.[/justify] [justify]ROTINA DOS ANÉIS [/justify] [justify]Antes de falar sobre o dedo que ela escolheu perguntei:[/justify] [justify]INDIÃO – Já o que você escolheu kk hummm que bonitinha kkk, mas antes deu falar eu quero uma sugestão de presente para o meu pai que vai fazer aniversário no dia 23/11, o que você me recomenda? (mantendo o kino nas mãos dela)[/justify] [justify]HB – AH BLA, BLA, BLA[/justify] [justify]INDIÃO – Eu comprei no ano passado uma estátua muito legal o ano passado que lembrava uma deusa meio egípcia, eu sempre achei interessante as histórias de várias culturas diferentes, por exemplo já ouviu a história do anel de compromisso e das alianças? [/justify] [justify]HB – Não ainda não...[/justify] [justify]INDIÃO – Beleza, mas antes de eu te contar, qual o seu nome mesmo?[/justify] [justify]HB – Thayna. [/justify] [justify]INDIÃO – Vix nome de uma pessoa que me deu muita dor de cabeça, nem quero mais falar com você... (Sorrisos)[/justify] [justify]HB – AH KKK e o seu?[/justify] [justify]INDIÃO – Thiery, diferente não é? Gostei de te conhecer coloque seu numero aqui (Ofereci o meu aparelho, PC) vamos continuar nos falando.[/justify] [justify]HB anotou o numero, finalizei o laço da rotina do anel dizendo a personalidade de Afrodite e mantivemos mais uns dois minutos de Fluffly Talk até ela seguirmos rumos opostos. [/justify]
2ª Abordagem – Local rua – HB9 Ruiva com ótimo estilo
[justify]Aproveitando que ela estava com um programa do evento Satyrianas na mão, usei essa observação para abrir.[/justify] [justify]INDIÃO – E ai querida assistiu os espetáculo de dança também?[/justify] [justify]HB – Não, assisti só a um espetáculo de teatro bem legal.[/justify] [justify]INDIÃO – A propósito você trabalha com teatro ou artes também?[/justify] [justify]HB – Não por que! [/justify] [justify]INDIÃO – É que adorei seu estilo, você esta de parabéns muito bem vestida vou até te cumprimentar.[/justify] [justify]Cumprimentamo-nos, nos apresentamos e ela sorriu de forma tão receptiva que só agora percebi que perdi um KC de vacilo.[/justify] [justify]HB – Você tem um estilo muito diferente também, me lembra um boliviano, indígena algo assim kkk[/justify] [justify]INDIÃO – É tenho uma descendência indígena, mas na verdade é uma mistura danada, meu pai é do RJ, minha mãe é de PA e eu nasci aqui kkk, e você é daqui de SP mesmo?[/justify] [justify]HB- kk sou sim...[/justify] [justify]INDIÃO – Se eu tivesse te conhecido antes de sair do teatro assistiria mais um espetáculo kk, mas Domingo eu vou voltar coloca seu numero aqui “PC”. [/justify] [justify]HB – Blz anoto sim kk.[/justify] [justify]INDIÃO – Te ligo para marcarmos de nos encontrar no domingo ok? Agora me dá um abraço que vou para esse sentido.[/justify] [font=Calibri,sans-serif]Abraçamos-Nos e fui embora.[/font]

[font=Calibri, sans-serif]ABRAÇOS [/font]
[font=Calibri, sans-serif]INDIÃO[/font]

ANÚNCIOS

Avatar pua

Criador do tópico

INDIÃO - MEMBRO EXCLUSIVO
#861983
[email protected] escreveu:Gostei da primeira abordagem, mas pq vc não gerou mais repport e não tentou um KC antes do PC?

Acredito que falhou nesse ponto, podia ter arriscado mais.



Concordo cara devia ter arriscado mesmo, no caso da primeira a HB estava indo encontrar um cara, e não me deu IDIS suficiente para o KC, ja na segunda realmente foi vacilo mesmo devia ter sido mais ousado Imagem