Aqui é aonde Arquivamos as discussões e debates do PUABASE.
Apenas Membros VIPS
Organização sempre!
Avatar pua

Criador do tópico

johnnyvice

Aprendiz

#804766 DICAS QUE EU QUERIA TER RECEBIDO
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit][/font][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit]Recentemente eu organizei uma conferência e passei para os participantes um
Editado pela moderação, divulgação sem prévia da moderação e administração não será permitida.
[/font][font=inherit], um dos assuntos mais importantes para a prática sã e o aprendizado acelerado na Arte, e isso me fez lembrar dos meu primeiros meses como artista social. Era uma época de exploração, de descobertas e experimentos. De ideias malucas e outras geniais. Eu curti muitas noites, indo de festa em festa, conhecendo pessoas novas e criando meu território social. Mas existem sempre aquelas coisas que poderiam acelerar tudo, ou evitar deslizes desnecessários quando eu era um inciante.[/font]
[/font][font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit]Eu não me arrependo de nada disso, mas se tivesse que começar tudo do zero de novo, ter minha memória apagada e voltar ao dia 1 com nada além de algumas anotações, algumas dicas seriam minha prioridade:[/font][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit][/font]ARTE SOCIAL NÃO SE PRATICA SÓ EM BOATES.[/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit][/font][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit]Tá certo que eu comecei os meus primeiros dias conhecendo garotas aleatoriamente em shopping centers e na rua, mas sair de casa com esse intuito específico era muito estranho pra mim. Em vez disso, eu dediquei boa parte do meu primeiro ano na Arte Social às festas, a ponto de passar vários meses saindo 6 noites por semana. E apesar de não ter nada de exatamente ruim nisso – e eu ter me divertido pra caramba no processo – existem outras grandes opções nas cidades. Academias, principalmente de dança, Cafés e Livrarias ficam normalmente lotados de mulheres que não estão com as defesas típicas de quando se vai em boate, e a concorrência também é absurdamente menor. Responde pra mim, quantos homens você viu na última classe de salsa em que esteve. Você nunca foi em uma? É exatamente disso que eu estou falando.[/font][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit][/font]MULHERES NÃO CALAM A BOCA – SE VOCÊ ESTIVER FAZENDO CERTO.[/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit][/font][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit]É engraçado porque eu também não entendia isso quando comecei, o que provoca bastante confusão. Se é sabido e notório que as mulheres têm dificuldade em manter a boca fechada, porque raios tantos caras (incluindo eu naquela fase) se sentem pressionados na hora em que um assunto acaba, ou na obrigação de sempre trazer assuntos novos para a conversa?[/font][font=inherit]Isso me faz pensar um pouco no meu relacionamento com a minha namorada. Quando eu chego falando das últimas novidades em tecnologia, cinegrafia e outros interesses meus, a conversa dura no máximo 5 minutos. Mas é só eu tocar nas palavras Yoga, Meditação ou Mindfullness que BOOM! ela fala por 3 horas ou mais sem parar.[/font][font=inherit]O fato é que quando o assunto é do interesse delas, você dificilmente vai ter tempo pra falar. No exato momento em que você apertar o botão certo e encontrar os assuntos sobre os quais ela ama falar, se prepare para uma onda de conversa que você só vai precisar surfar até o ponto adequado.[/font][font=inherit]Mas como descobrir isso? Geralmente eu tomo o caminho mais simples e pergunto logo após o opener “E você, o que gosta de fazer?”. E se isso não funcionar de cara você pode sempre usar o Threading: ouvir com atenção o que ela disser e buscar ganchos para novos assuntos em cada frase, em cada palavra, até acertar um assunto que vai fazer ela falar até você querer calar a boca dela. Com a sua.[/font][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif]OLHO ATENTO PARA OS DETALHES E PENSAMENTO NÃO-LINEAR[/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit][/font][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit]Esses dois pontos são o que separa os bons dos melhores. E só pra ficar claro, eu ainda não me considero 100% neles. O olho para os detalhes é o que faz você ter aqueles elogios ou negs perfeitos para a situação, é o que faz você criar formas de abordar a menina na hora, é o que te dá uma vantagem quase injusta no Jogo. Todos os caras estão indo sexta para uma boate em Ipanema disputar as mesmas 50 meninas, enquanto você passa a semana inteira cercado de mulheres no curso, na academia, nos bares… Isso é Pensar não-linear.[/font][font=inherit]É como a piada do psicanalista: Uma bela loira entra na sala de espera de um médico famoso, e enquanto todos os homens olham para as pernas torneadas sumariamente cobertas por uma minissaia, o psicanalista observa a reação dos homens frente à tanta beleza.[/font][font=inherit]Mas nessa sala tem um Artista Social, um com olho pros detalhes. Em vez de olhar para o decote, ele olhou nos olhos da moça e sorriu pra ela. Ou então viu o livro nos braços da menina e usou isso para puxar assunto.[/font][font=inherit]-Sabe, eu até acho interessante o que esse autor fala, mas não concordo com ele.[/font][font=inherit]Enquanto isso os outros homens da sala dificilmente vão ter uma abordagem melhor do que “Belas Pernas, hein?”[/font][font=inherit]E não tô dizendo que isso nunca funcione, mas pensar de forma não-linear tem os seus benefícios.[/font][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif]OUVIR O QUE ELAS DIZEM![/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit][/font][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit]É o que elas mais querem. E você vai se beneficiar de fazer isso sempre. Quando aprender, por favor, me ensine.[/font][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif]CAMISINHA, PORRA![/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit][/font][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit]Se você soubesse das oportunidades que eu perdi por esquecer de colocar uma maldita camisinha na carteira, você não me respeitaria. Não faça a mesma idiotice. Felizmente, depois das 3 primeiras burradas eu nunca mais dei esse mole.[/font][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit][/font][/font]

ANÚNCIOS

Avatar pua
Tii

PUA EXPERT

#804772
johnnyvice escreveu:[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit][/font]MULHERES NÃO CALAM A BOCA – SE VOCÊ ESTIVER FAZENDO CERTO.[/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit][/font][/font]
[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit]É engraçado porque eu também não entendia isso quando comecei, o que provoca bastante confusão. Se é sabido e notório que as mulheres têm dificuldade em manter a boca fechada, porque raios tantos caras (incluindo eu naquela fase) se sentem pressionados na hora em que um assunto acaba, ou na obrigação de sempre trazer assuntos novos para a conversa?[/font][font=inherit]Isso me faz pensar um pouco no meu relacionamento com a minha namorada. Quando eu chego falando das últimas novidades em tecnologia, cinegrafia e outros interesses meus, a conversa dura no máximo 5 minutos. Mas é só eu tocar nas palavras Yoga, Meditação ou Mindfullness que BOOM! ela fala por 3 horas ou mais sem parar.[/font][font=inherit]O fato é que quando o assunto é do interesse delas, você dificilmente vai ter tempo pra falar. No exato momento em que você apertar o botão certo e encontrar os assuntos sobre os quais ela ama falar, se prepare para uma onda de conversa que você só vai precisar surfar até o ponto adequado.[/font][font=inherit]Mas como descobrir isso? Geralmente eu tomo o caminho mais simples e pergunto logo após o opener “E você, o que gosta de fazer?”. E se isso não funcionar de cara você pode sempre usar o Threading: ouvir com atenção o que ela disser e buscar ganchos para novos assuntos em cada frase, em cada palavra, até acertar um assunto que vai fazer ela falar até você querer calar a boca dela. Com a sua.[/font][/font]

[font=Helvetica Neue, Helvetica, Arial, sans-serif][font=inherit][/font][/font]



Só li verdades Imagem