Depoimentos de mudança com o PUABASE.
Conte nos nessa área um pouco da sua evolução atingida com os conhecimentos adquiridos no PUABASE. Adoraremos ler a evolução de um membro da nossa irmandade.

O primeiro é fazer você refletir sobre o seu desenvolvimento e o segundo é conhecer um pouco mais a evolução dos outros membros.

Criador do tópico

vinntwo

Aprendiz

#1055148 Pessoal, boa tarde.
O que vou relatar vai ser um pouco extenso, mas preciso de ajuda em como agir diante dos fatos e já li muitos tópicos de ajuda e sei que vocês realmente abrem os olhos de quem pede e quer ser ajudado, então espero que me ajudem também. Vou dizer o que aconteceu e as partes em que eu acho que eu errei, assim posso ver se pelo menos tenho uma noção das coisas.

Nunca fui um completo fracasso com mulheres, porém, como relatei na minha apresentação, sempre tive dificuldade em fazer abordagens frias, ou seja, nas baladas e festas, meus amigos pegavam e conheciam muitas mulheres, enquanto eu, quando pegava, eram apenas as que eu já conhecia anteriormente. Por isso, nunca fui o pegador de festas, porém as vezes estava com uma ou outra.

Sabendo disso, vamos a história: Tinha uma hb8 que eu conhecia faz uns anos, a gente nunca tinha ficado mas eu já tinha pego uma amiga dela e ela um amigo meu, viramos conhecidos. No começo desse ano, em fevereiro, começamos a conversar, sei que ela sempre foi mais “resolvida com sua sexualidade”, ou seja, se ela tivesse afim de transar, ela faria e pronto, sem problemas e manhas como as mulheres mais novas tem hoje em dia (Ela tem 18, e eu 19). Eu já sabia que ela era afim de mim, então ficamos pouco tempo na fase de “se conhecer”, com um tempo de conversa já estava claro que iria rolar, então sem problemas.

Não tínhamos nenhum tipo de relação social, ou seja, seria muito improvável encontrar ela em festas pois ela não é muito de sair em balada todo final de semana e quando sai é pra onde as amigas delas querem ir. Ambos moramos com os pais (Quem mora com os pais sabe que isso atrapalha muito um FC), então fiquei no text game no 1º mês com ela. Nesse meio tempo, a gente tinha bastante intimidade, já conversamos sobre qualquer tipo de coisa, inclusive sexo e o nosso já estava combinado, hahaha. Deixando claro aqui minhas intenções: De nenhuma forma eu queria um relacionamento sério com ela, ela estava mais pra uma fuck buddy, nossas conversas nunca tinham um tom amoroso, e sim sexual, de desejo de ambas as partes.

1º erro: Ela, como qualquer mulher, tinha abundância, e eu, conversava apenas com ela. Mesmo sem desejar nada sério, estava criando um certo afeto por ela, e ai estava nascendo o problema.

Depois de 1 mês tentando marcar pra se ver em um lugar mais reservado (Ahh mas por que você não pagou um motel Vinn?? R: Eu realmente achava que não valia a pena gastar dinheiro com isso, ela tava na minha e uma hora ia rolar, pois de vez em quando minha mãe viaja e fico sozinho), ela disse que queria me ver (fazia uns 2 anos que não nos víamos pessoalmente), marcamos de ir no cinema. Tudo certo, fomos, ficamos, passamos uma tarde muito boa e partir desse dia, nossa relação ficou bem mais íntima. Estou passando por um período muito difícil na minha vida (Divorcio dos país, briga pela casa e pela guarda da irmã com meu pai) e contei isso tudo pra ela, ela me contou os problemas que passa em casa e, a partir desse momento, comecei a betar totalmente.

2º erro: Comecei a me tratar a conversa com ela como se fosse a parte boa do meu dia. Ou seja, se não estava conversado com ela, me sentia mal e assim me apoiei totalmente no text game, ou seja, conversamos O DIA INTEIRO, sobre tudo, e assim fui me apegando cada vez mais. Marcamos de sair mais 2 vezes, porém ainda em locais públicos, ou seja, meu objetivo principal que era o FC já tinha sido deixado de lado (óbvio que eu sempre tentava marcar algo, porém nunca dava certo e eu me conformava em ver ela de qualquer forma).

Depois de 2/3 meses do “relacionamento” correndo dessa forma, tudo já estava completamente diferente. Todo dia ela me dizia que estava com saudades de mim, me chamava de amor, fazíamos “brincadeiras” do tipo fingindo que eramos namorados, a conversa deixou de ser sexual e passou a ser amorosa. É claro que na minha cabeça de beta, estava feliz com isso e estava tudo certo, ela estava gostando de mim e tudo ia rolar da melhor forma possível. Ela estava me fazendo bem no meu momento difícil, e isso era tudo o que importava pra mim.

Até que, comecei a notar que ela não podia mais sair comigo (mesmo em locais públicos), sempre arranjava uma desculpa, mesmo que esfarrapada. Chamei ela pra ir em uma festa, ela disse que não ia por x motivos, ai no dia anterior da festa, simplesmente me avisou que ia e foi (Quando eu chamei ela, o ingresso masculino estava 20 reias. No dia anterior, tava 150, é óbvio que eu não iria).

3º erro: Isso me afetou muito, pois do jeito que o relacionamento estava indo, eu estava achando que eu seria a primeira opção dela (Estava completamente cego de tantas opções que uma mulher tem), então brigamos e ficamos uns dias sem nos falar. Depois de um tempo, eu todo betão, sentindo falta de conversar com ela, fui atrás e nos “resolvemos”. Segundo ela, tava arrependida de ter ido (Eu sei que ela tinha pego outros caras lá) e que gostava de mim de verdade, mas que a gente não tinha realmente nada sério e ela achou que não seria problema ela ir. Eu aceitei as desculpas e voltamos a conversar.

A partir desse dia, eu já sabia que ela não seria muito confiável, então botei na minha cabeça: Vou dar o FC e pronto, não quero mais me aproximar dela a ponto de sofrer como sofri por causa disso. Achei que seria fácil, só que foi totalmente ao contrário hahaha. Antes de dormir, ela dizia que me amava, que eu fazia ela bem, e dessa forma eu fui ficando cada vez mais dependente dessa relação, disse que estava afim de algo mais sério, ela disse que também, e eu sempre cobrava respostas rápidas, queria saber onde ela ia (Como se namorássemos), quando via qualquer coisa na rede social dela ficava imaginando se era pra mim ou pra outra pessoa, ou seja:

3º erro: estava completamente na paixonite, e todo aquela relação legal do começo, tinha ido embora. Fiquei 1 mês e meio nessa, e desde o dia da briga da festa, a gente não tinha se visto, e quando você só conversa pelo celular, o assunto acaba pois não criamos novas lembranças, ou seja, eu estava me sentindo mal por não ver ela (é claro que ela sempre não podia), então resolvi repensar as minhas atitudes e fazer alguma coisa.

Pedi para um amigo me recomendar uns canais legais do youtube, e ele me apresentou o pick-up, o puabase e toda essa comunidade da sedução. No começo, fiquei totalmente fascinado, eu nunca tinha imaginado que meus problemas com mulheres poderiam ser resolvidos, que eu não precisava ficar implorando atenção, eu poderia simplesmente conhecer uma nova mulher e ter novas experiências.

Mandei um ultimato nela, foi um final de semana em que eu estava livre em casa, chamei ela pra vir aqui e durante a semana, ela disse que iria sim. Chegou no sábado, disse que não podia novamente, então disse pra ela que realmente estava achando que eu estava me dedicando mais que ela, e que eu queria algo sério com ela mas que dessa forma não daria certo. Ela me disse que gostava de mim mas não correria atrás de algo que ela “não poderia lidar” agora (Alegando motivos como vestibular, etc etc).

Paramos de nos falar completamente, na primeira semana foi muito difícil, era todo momento pensando nela, querendo saber como tava, visitava as redes sociais dela e ficava vendo tudo, até quem deu like nas publicações (Paixonite é coisa de louco, puta que pariu hahaha), até que um dia encontrei uma coisa no twitter dela que me machucou de verdade. Uma menina tinha postado: “Queria ter algo sério com alguem, mas hoje em dia as pessoas só pensam em pegação”, e a hb8 retuitou e comentou: “Triste mas isso é verdade”. Ou seja, a 4 dias atrás disse pra ela que eu queria ter algo sério com ela, e ela disse que não podia lidar com isso, e agora quer algo sério com alguém?? UÉ??.

Esse dia eu chorei, chorei muito mesmo e só ficava me perguntando: “Como eu deixei chegar nesse ponto?”. Então, derrotado, me sentindo um fracasso total, resolvi mudar. Entrei no puabase e procurei todos os tópicos de “fim de namoro”, segui todas as dicas, parei de ver rede social dela (Deixando claro que, em nenhum momento fui falar com ela, ou postei algo sobre ela, desde o dia em que “terminamos”. Sofri, mas sofri calado), e comecei a focar na pessoa que realmente importa pra mim, EU MESMO.

E PARTIR DESSE MOMENTO, O BETA FOI EMBORA.

Em todos os tópicos de fim de namoro, os veteranos diziam “Siga esses passos que ela vai voltar uma hora”, mas eu não estava nem ai pra isso, pra mim ela foi embora e pronto, foi uma fase ruim da minha vida, eu agi errado e tinha isso em mente. Durante 1 mês, lentamente fui me desapegando dela e me apegando novamente a mim, gostando de passar um tempo comigo etc. Sai durante alguns finais de semana, peguei outras e tava me sentindo melhor, realmente não era amor, e sim paixonite e a sensação de que não existia outras mulheres como ela no mundo.

Até que, depois de 1 mês, completamente sem noticias dela, ela me mandou uma mensagem:
“Bom dia, sonhei com você, estou com saudades, ta tudo bem?”

Meu primeiro pensamento: shit-test, queria saber se eu ainda era o betao apaixonado. Agi corretamente, respondi : ”Bom dia, ta tudo bem sim, e você?” ela disse que tava, eu disse que bom, ela disse que ficou feliz que tava tudo bem comigo, e eu nem visualizei a mensagem, só exclui, bola pra frente.

Agora começa o jogo: Sexta feira, sai com meus amigos pra uma balada que eu gosto. Um dos meus amigos chegou mais cedo e, quando eu cheguei, ele me disse: “a hb8 me viu e veio correndo perguntar se você ia vir”. Nesse momento, confesse que fiquei triste. Não queria ver ela, eu só queria curtir e esquecer, já veio mil coisas na cabeça, ter que ver ela com outros e isso ia me fazer mal etc etc, mas aceitei e disse, bom, fazer o que né?!

Depois de um tempo, ela apareceu e veio me dar oi, ficou puxando assunto e vi vários IDIs, porém estava com algo na minha cabeça: Não vou pegar ela se não for pra FC.

A gente se separou, mas continuamos pelo fumódromo, as vezes ela vinha pra roda em que eu estava conversando e falava comigo, nessa hora aproveitei ao máximo meu social proof monstro dessa balada, e a todo momento estava conversando com alguém, várias mulheres e vi vários IDIs de outras, estava me sentindo bem e não estava mais me preocupando com ela. Notei que, ela sempre tava me olhando, acho que tava esperando eu chegar nela, mas fiquei tranquilo e uma hora, sai com uma outra hb8 do fumodromo pra isolar e dar o KC e não vi mais ela.

Quando eu voltei, uma meia hora depois, ela tava meio no canto, com cara de desanimada. Me viu, e foi conversar com outros caras, não sei se foi uma tentativa de ciúme, mas eu não tava nem ligando. Ela saiu com outro cara, e depois de 10 minutos começou a me ligar. Atendi, perguntou onde eu tava e disse pra esperar que ela tava indo lá falar comigo.

Quando chegou, já veio bem mais física, me abraçando, falando perto. Até que ela solta a seguinte frase: “Meus pais foram viajar, to sozinha hoje...”. Falei “Por que não foi junto com eles?”, ela respondeu que não queria e depois de um tempo, ela me disse “Vamos pra sua casa?”

Pra ser sincero, não acreditei no que estava acontecendo. A garota que tava completamente fria e desinteressada em mim a 1 mês atrás, agora tentando me levar pra casa? Nessa hora, que eu realmente comprovei que tudo é verdade!
Respondi “ah vamos ver, ta cedo ainda né?!” e mudei de assunto. Notei que, a cada vez que eu não agia da forma que ela achava que eu ia agir, ela ficava cada vez mais atraída, me abraçando, falando besteira no meu ouvido, eu mesmo sentado do lado dela estava conversando com todo mundo, fazendo amigos e me divertindo. Acredito que tenha sido crucial pra tudo dar certo. Enfim, depois de 1 hora, levei ela pra casa e: FC!!!!

Ela foi embora sábado de manha e já me chamou no whats, só que dessa vez quem demorava pra responder era eu, conversamos bem pouco pois estava com sono e fui dormir. No domingo, me pediu desculpa por tudo, disse que tava com muitas saudades minhas e que me amava. Disse isso numa mensagem de boa noite, eu nem tinha visto, respondi um tempo depois dando apenas boa noite. Ou seja, em nenhum momento eu mostrei pra ela que eu sofri, estou na minha.

Agora meus amigos, o problema: Eu quero manter ela como uma fuck buddy, porém pelo jeito em que ela esta conversando comigo, acredito que ela quer voltar a ser como antes, conversando o dia inteiro e sendo mais “amorzinho”. Mas, agora eu sou PUA, não tenho interesse em nada sério e quero continuar a evoluir essa parte da minha vida, meu jogo etc e não envolver sentimento em qualquer relação, mas acredito que uma fuck buddy vai me ajudar a ter uma auto estima melhor, e com certeza vai me ajudar a ser melhor durante o sexo, principalmente no sexo com outros Hbs!!! Eu preciso de ajuda, O QUE VOCÊS FARIAM NESSA SITUAÇÃO?

Agradeço por quem leu até aqui, desculpa se me enrolei e falei coisas inúteis pro relato, mas é que é difícil escrever sobre coisas da vida, enfim, quem puder me ajudar e me dar uma luz, ficaria muito grato! Obrigado!

ANÚNCIOS

Avatar pua
bigbagual

MEMBRO PROFISSIONAL

#1055159 Só li o final mas eu seria sincero falaria "Então HB, eu gosto de ficar contigo mas to num momento que não quero namorar, to com a cabeça em outras coisas, procuro uma pessoa para compartilhar bons momentos mas sem relacionamento serio. Só queria deixar claro porque não quero te enganar." aí ela decide se quer ou não.
As mulheres gostam de caras sinceros quando devem ser. Ela vai logo ver que tu ta mudado, que antes tu tentava agradar sempre e agora tu não da nem aí.
Que comecem os jogos! :ae

Criador do tópico

vinntwo

Aprendiz

#1055166
bigbagual escreveu:Só li o final mas eu seria sincero falaria "Então HB, eu gosto de ficar contigo mas to num momento que não quero namorar, to com a cabeça em outras coisas, procuro uma pessoa para compartilhar bons momentos mas sem relacionamento serio. Só queria deixar claro porque não quero te enganar." aí ela decide se quer ou não.
As mulheres gostam de caras sinceros quando devem ser. Ela vai logo ver que tu ta mudado, que antes tu tentava agradar sempre e agora tu não da nem aí.
Que comecem os jogos! :ae


Valeu por opinar! É o que estou pensando em fazer mesmo, se ela voltar com esse grude vou ser sincero...
R.Oliveira

Aprendiz

#1055459 Eu fiquei meio puto com o começo da historia..

Mas ai lembrei.. Quem nunca passou por isso hahaha?

São erros que a gente comete no começo, Mas quando cai pra dentro do jogo. Ai meu amigo.. Ai ninguem segura a gente

Essa fase da Fenix que vc esta passando é fantastica meu caro.. Aproveite esse momento e Curta ele cada segundo..

Eu tb sugiro o conselho do companheiro acima, Seja sincero, Joga caro com essa mulher..

Ou é do seu jeito ou não é, Vc é o cara..

Pense nas proximas bucetas que vc vai comer sim.. Mas lembre-Se Vc nao precisa dela pra isso..

Seja natural e espontaneo meu caro!

Grande abraço e seeegue o jogo! rs

Criador do tópico

vinntwo

Aprendiz

#1055462
R.Oliveira escreveu:Eu fiquei meio puto com o começo da historia..

Mas ai lembrei.. Quem nunca passou por isso hahaha?

São erros que a gente comete no começo, Mas quando cai pra dentro do jogo. Ai meu amigo.. Ai ninguem segura a gente

Essa fase da Fenix que vc esta passando é fantastica meu caro.. Aproveite esse momento e Curta ele cada segundo..

Eu tb sugiro o conselho do companheiro acima, Seja sincero, Joga caro com essa mulher..

Ou é do seu jeito ou não é, Vc é o cara..

Pense nas proximas bucetas que vc vai comer sim.. Mas lembre-Se Vc nao precisa dela pra isso..

Seja natural e espontaneo meu caro!

Grande abraço e seeegue o jogo! rs


Eu fiquei puto escrevendo isso e revendo minhas atitudes hahaha

Mas realmente, quando você descobre sobre o jogo e tudo mais, fica muito mais fácil agir corretamente, obrigado pela força, tamo junto!