Aqui é aonde Arquivamos as discussões e debates do PUABASE.
Apenas Membros VIPS
Organização sempre!
Avatar pua

Criador do tópico

Paradisepunx - MEMBRO EXCLUSIVO
#881037 Olá galera do PuaBase,

Meu texto de hoje fala sobre sentimentos paralisantes, fala sobre determinados tipos de traumas que estão relacionados com a perda afetiva, seja de relacionamentos de amizade, românticos e familiares, a ideia de escrever esse artigo veio de um filme que estava vendo na sessão da tarde, chamado, Corrina uma Babá Perfeita:



VIDEO | PUA | BASE




Uma coisa que chamou muita atenção no filme foi como a Corrina, representada pela clássica Uppy Goldberg, demonstra uma jogo de cintura e uma elegância extrema, essa postura esta ligada a uma necessidade que não fica muito claro no filme, de que os negros eram extremamente massacrados pela sociedade americana da década de 50-60. Para lidar com isso a estratégia não poderia ser outra, Elegância e inteligência emocional elevada a potenciação infinita.

No filme a menina perde a mãe, a Corrina é contratada como babá, e ela vai agindo como uma terapeuta, ensinando truques para a garotinha driblar suas frustrações em relação a perda da mãe, isso vai fazendo com que a menina Reaja e consiga voltar a viver, jogando aqueles sentimentos ruins para fora, redescobrindo o prazer em viver, interessante é perceber que, o remédio vai explanando pela casa, vai melhorando o desempenho do pai no trabalho, o que podemos extrair é o seguinte:

1 - Quando criamos um ciclo virtuoso de motivação, bom humor, Inteligência Emocional, tudo ao nosso redor começa a funcionar melhor.

A Personagem Corrina, é aficionada por música e isso faz com que ela se aproxime do Pai da menina, eles acabam formando uma par romântico, e o fato de cenas românticas não serem mostradas abertamente, é para ressaltar o preconceito existente na sociedade daquela época, em algumas cenas a irmã dela a ataca dizendo que ela como mulher negra não poderia se relacionar com um homem branco, e que ela por usar roupas elegantes que ela mesma costura, e por ser uma mulher com um nível educacional superior a média não poderia criar ilusões, aqui podemos extrair o seguinte:

2- Reordenando a lógica, como homens não podemos achar que uma mulher é demais para nós nunca !!!

3- Críticas, quando não são criativas, são apenas ferramentas de inibir nossa Autoestima.

4- Rejeição, Regras sociais impostas como o racismo, devem ser solenemente ignoradas o tempo inteiro, somos melhores que isso.


A duas cenas mais ilustrativas são, a que a menina após voltar a se comunicar vai a escola, ela esta dentro do carro e não que entrar de jeito nenhum para assistir aula, e então a Corrina diz algo do tipo para menina:

5- Você é a melhor pessoa do mundo, você é a pessoa mais importante do mundo.


Diante do medo de algo novo, precisamos adotar essa postura de saber que somos a melhor pessoa do mundo, e não há nada acima de nós, a segunda cena é quando a menina no quarto começa a gritar e chorar gritando pela mãe, o pai e a Corrina entram no quarto e acalmam a menina ensinando a ela que ela estava com Raiva, raiva da ausência da mãe, de ela não estar ali:

6- Sempre que perdemos alguém, ficamos com raiva pela sensação de ausência e de perda.

Para combater a raiva, a Corrina estimula a menina a bater em um brinquedos no chão:

7- Sempre que estiver com raiva, use o esporte, o extravasamento físico como canalizador da raiva.

8- Evite drogas e anestesiamentos.


No final do filme, a Corrina se enamora do pai da menina, e ela consegue um relacionamento com alguém que se comunique na mesma linguagem dela, uma pessoa que tenha as mesmas preferências musicais e comportamentais, indo contra tudo o que a sociedade da época impunha, e contra toda rejeição e sentimento de autopiedade e autocomiseração que o negro desenvolvia então.

9- Não sinta pena de si mesmo, veja os obstáculos como parte de evolução e crescimento pessoal, e fazendo isso mais cedo ou mais tarde você chega lá.

10- Com persistência e insistência, no final você alcança seus objetivos, sempre !!!

O filme é uma verdadeira aula sobre autoestima, determinação, paciência e persistência, Já no final do Filme descobrimos que a Corina perdeu o marido, e na ultima cena a avó da menina perde o avô e a menina ensina a avó a lidar com as próprias emoções, o ciclo virtuoso no filme funciona assim:

Corrina => Menina => Pai => Menina => avó

Uma pessoa positivada modifica toda realidade a sua volta de maneira virtuosa, e uma coisa fica clara na ultima cena, e na vida, até mesmo uma criança pode ensinar algo a você, então devemos respeitar todas as pessoas, e sempre devemos aprender com o que a vida nos proporciona.

11- Viver é um aprendizado constante.

Agora dentro do assunto mais mudando de foco, gostaria de falar sobre o comportamento que muitas pessoas do universo do samba tem em relação a vida, e como elas lidam com as frustrações, gostaria que desse um olhada nesse vídeo com uma pequena biografia do Cartola:

VIDEO | PUA | BASE


A musica mundo é um moinho foi feita para falar de uma filha que entrou no mundo da drogadição e prostituição, cartola perdeu a mãe cedo, perdeu a primeira esposa, e a vida do cartola foi uma vida de perda e perda e perda, mais ele nunca deixou se abater pelas perdas, amigos, familiares, amores, ele sempre continuou em pé segurando firme.

A cena com o pai representa uma época em que o cartola voltou a morar com seu pai, imagine meus amigos, voltar a morar na casa do pai com 50 anos de idade !!!! Mesmo assim Cartola continuou em frente até a morte, da mesma maneira dona zica sua segunda esposa mulher que perdeu o primeiro marido, perdeu um filho com cartola, porque este engenheiro foi pra Alemanha e morreu de uma pneumonia....

Esse texto é para aqueles que estão desanimados, que estão com peninha de si mesmos, e acham que não tem mais forças para continuar, você tem sim, e vão chegar onde querem meus caros, agora em honra da didática vou fazer minhas ultimas observações:

Finalizando1- Elegância: Veja a linguagem corporal da Corrina e do Cartola, sempre roupas bem passadas, óculos escuros exuberantes, sorriso no rosto e muita felicidade, alegria e harmonia.

2- Saudades: Sentimento que causa raiva devido a ausência de quem amamos ou somos apegados.

3- Raiva: Sempre contida compondo músicas, tanto da personagem Corrina como por Cartola, ou seja, sempre canalizando positivamente essa energia pra algo positivo.

4- Frustrações: Obstáculos que todos seres humanos passam na vida, sensação que pode nos paralisar e fazer com que desistamos da vida, nunca desanime, canalize sua raiva, assim como sua frustração, na vida tudo é passageiro.

5- Samba: Um filosofia de vida mais do que um estilo musical, existem muitas coisas positivas que podem ser retiradas daqui, e existem outras que não são tão positivas, filtrando o saldo é azul.


The End !!

ANÚNCIOS

Avatar pua
Statham Sedutor - DOADOR

PUA Avançado

#881065 :ajoelhar :ajoelhar :ajoelhar
Que belo post, amigo! Muito bom.
Realmente, a positividade ajuda muito. Não adianta ficar se martirizando, esperneando, praguejando, etc.

Um dia estamos felizes, com a mulher que gostamos, com emprego, amigos, saúde... No outro, tomamos um pé na bunda, ficamos desempregados, os amigos somem, ficamos doentes... E é assim mesmo, a vida é feita de altos e baixos e temos que aprender a lidar com isso. Nesse ponto, o desapego se faz importante. Desapego aos amigos, à mulher "amada", ao dinheiro... Manter-se desapegado dessas coisas é MUITO difícil, mas é preciso, senão quando tomarmos uma porrada da vida ficaremos prostrados mais tempo do que o necessário.

Abraços e, novamente, parabéns pelo tópico.
Avatar pua
Duque .

Veterano - nível 8

#881076 ótimo texto e muito inspirador, sempre fui admirador do samba, e da onde ele vem que é dos terreiros, sempre mantendo esta elegância desde as histórias de zé pelintra ( meu guia ) à vida de sambistas mais conhecidos como Diogo nogueira e Bezerra da silva que sempre manteram uma postura que podemos chamar majestosa embora não tivessem tanto :)

Sempre digo: ''Se agir como um nada serás um nada. Haja como um rei, assim será visto como tal . '' e posso realçar mesmo agindo como tal nunca perca suas origens !