Área exclusiva para artigos e debates focado a pessoas que estão namorando.
De tudo para saber como AGIR no namoro.
Avatar pua

Criador do tópico

fantasmaa

MEMBRO PROFISSIONAL

#609700

Sempre falei disso aqui na área de relacionamentos, porém ontem a noite assistindo "Vida de Mallandro", percebi a forma que Sergio Mallandro trata a sua ex mulher que vive sobre o seu teto quando ela quer puxar briga com ele, ou quer discutir coisas que ele não tem culpa e sim ela que é a culpada e quer jogar pra ele, coisa que é tipica delas. O que ele fez? Simplismente pegou uma girafa que estava perto da porta e disse: quer brigar? brigue com essa girafa, ela irá te ouvir muito mais que eu, converse com ela.. (eu amei isso, e vocês podem muito bem pegar isso e usar no relacionamento de vocês, só que no meu caso eu não tenho uma girafa na minha casa tipo uma estatua, então o que eu fiz? oferecia a minha mão kkk isso mesmo, dizendo: quer brigar? então converse com a minha mão, ela vai te ouvir muito bem e você poderá conversar com ela numa boa..

Já a minha dica, que eu andei pensando ultimamente sobre isso, é: Tudo bem, entendo. Nesse caso e diferente de todos os outros posts que eu já havia comentado e falado sobre o porque de não se discutir, esse é relacionado exclusivamente para os casos que ela discorda daquilo que voce diz, ou do seu ponto de vista querendo fazer com que voce mude de ideia, e siga a dela. Aconteceu comigo recentemente e caiu feito uma luva, pode usar a vontade que da certo e é uma baita DVS.

Então você está lá argumentando, e falando o seu ponto de vista sobre algo, sobre um certo programa de tv por exemplo, e ela diz: vixe, tu acha? eu odeio, acho a maior merda aquilo, não acho graça, prefiro aquele outro que é mais divertido.. (ela quer te botar pra baixo, quer colocar em voce a ideia de que ela é o premio e nao voce, alem disso ela quer que voce mude de lado e até mesmo de ideia fazendo com que voce concorde com ela). Apenas diga: tudo bem, entendo. Mostra que voce é um cara que tem uma opinião formada, que é forte, e que não vai mudar a sua opinião por nada. Melhor ainda é encontrar uma pessoa com o seu mesmo gosto e comenta-lo na frente da sua namorada e zuar ela um pouco dizendo que ela gosta de tal programa e não do seu.

Uma outra reportagem para evitar discursão:

http://www.cristaodauniversal.com.br/es ... discusses/


Se esse artigo te ajudou de alguma forma, AGRADEÇA ou COMENTE!


Abraço! :ae


PRECISANDO DE ALGUMA AJUDA, PODE MANDAR MP's QUE EU AJUDO NUMA BOA!

ANÚNCIOS

Avatar pua
Instint0

MEMBRO PROFISSIONAL

#613964 kkkk
Me lembrei de uma discussão que tive a cerca de um mês.

Ela achou uma mensagem no meu celular que eu havia mandado para uma garota e ficou toda nervosa.
Pensei em argumentar racionalmente pois era uma mensagem de feliz aniversario um pouco picante.
Pensei em deixar ela se sentir culpada, pois em (ATUALMENTE 6 MESES E NA EPOCA 5) não haviamos discutido.

Mas eu fiz uma coisa bem melhor que as duas opições acima, sorri e passei a mão no cachorro dela e ela falando, toda nervosa "Para de brincar com o cachorro e de rir e OLHA PARA MIM", eu continuei rindo e brincando com o cachorro, ela entra pra casa dela toda nervosa e eu vou embora, noutro dia ela me liga dizendo que quer conversar, chegando lá ela vem toda animada e me dá um beijo pedindo desculpas, eu sorri e falei "O cachorro te deu mais atenção que eu"...

Eu acho super legal não ter tido brigas com ela, toda vez que ela inicia por algo BOBO eu ignoro ela como se não estivesse nem aí, então ela vem até mim toda carinhosa e se esquece de que queria brigar.

Argumentos racionais não funcionam com mulheres, elas são emocionais por mais que estajamos com a razão, elas veêm como elas tendo a razão, nos culpam, se denominam frageis e nós agressores e isso é sua base psicologica para suas brigas seja por que motivo for.
Avatar pua
felipe master

MEMBRO PROFISSIONAL

#613996 sergio mallandro é foda
yea yea salsi fufu KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
essa é a parte boa de sempre ver as coisas pelo lado bom
pelo menos quando ver que a discussão se aproxima já dá um migué e faz o ritmo de discussão mudar
Avatar pua

Criador do tópico

fantasmaa

MEMBRO PROFISSIONAL

#614602 felipe master

- È mesmo, e você ver que ele sempre leva as coisas para um tom de brincadeira, isso é muito importante num relacionamento, voce sabe o que é voce se separar da sua mulher e ainda morar com ela? e ela ter a liberdade de trazer os caras com quem ela namora ou voce trazer as suas pra dentro de sua casa e os dois se respeitarem? é a vida do mallandro.. ele tb diz ótimas frases ou pensamentos que eu sinceramente adoro!

Hipley

- De nada irmão, é noix qi tá!

Instint0

- Cuidado meu caro, que muitas vezes que a gente faz elas usam contra nós mesmos. Ela pega essas coisas e paga na mesma moeda, e depois ainda diz: ué você num fez, porque eu nao posso fazer? :louco Gostei, mas nem sempre você vai ter um cachorro do seu lado num é verdade? O resto eu já sabia.


Abraço! :ae
Avatar pua
Radamantis - MEMBRO EXCLUSIVO
#922238 Acho que depende...porque as mulheres sao seres emocionais....devemos brigar sim de vez em quando....e nao sermos apenas estatuas diante de um conflito....as brigas criam uma montanha russa emocional nelas.....nao conseguimos vencer elas em brigas pessoalmente....mas elas tambem nao se esquecem de uma briga apimentada....isso fortalece a conexao entre o casal.....briga desgasta...mas de vez em quando devemos rebater tambem....dá prazer para elas as brigas....veja quando elas assistem novelas...ficam hiponitizadas coma s brigas...elas querem sentir isso tambem....devemos dar sentimentos bons e ruins para elas....fazer rir e chorar como diz Nassan alllita.
Avatar pua
PureSteeL

Aprendiz

#922240 Cara neste tipo de situações em que você briga com sua mulher ou garota por tudo e por nada, caia fora da situação. Não inicie a discussão. Só vai dar problemas para o relacionamento... Tente levar a conversa para algo simpático que faça ela dar umas risadas, e tente mudar o assunto.
Isto evita sempre montes de problemas. Todos os casais, quase sempre se separam devido a este tipo de situações mal controladas