Pesquise antes de postar uma nova dúvida.
Utilize no máximo 10 linhas na sua dúvida.

Está é uma área para compartilhar conhecimentos e tirar dúvidas. Como homens de palavra, devemos sempre agradecer quem nos ajuda postando esses conhecimentos. Muitos usuários não possuem tempo necessário para ajudar, mas mesmo assim fazem questão de colocar uma palavra construtiva.

Criador do tópico

dougdograu

Aprendiz

#1099841
Rica Villa escreveu:
dougdograu escreveu:Tem aquele ditado né? A gente só conhece as pessoas na dificuldade, seja na falta de dinheiro, ou na saúde.
Então se ela cair fora vendo eu com esse "problema" é sinal de que qualquer desafio ela irá pular fora futuramente e já economizo tempo, se ela entender, compreeender e continuar junto é sinal que pode ser uma parceira né!?


Só posso te dizer que se tu for por esse lado vai estar sempre tranquilo, mesmo sozinho.


Prefiro ir por esse lado, eu acho que é até melhor conhecer logo o "outro lado" da pessoa logo cedo. Tem 3 meses que estamos ficando, então antes de engatar algo sério acho que vai ser até bom conhecer esse lado dela, ver como ela vai reagir, e dependendo da reação dela vai dar pra saber se é uma possível parceira ou não eu acho.

ANÚNCIOS

Avatar pua
Maurice Noardean

Aprendiz

#1099842 Depois relate para nós o que era e segui a risca os cuidados do médico.

Se for precisar fazer cirurgia, faça, vai ter que ser paciente na recuperação, mas depois é só alegria.
Avatar pua
Don Oliver05 - MEMBRO EXCLUSIVO
#1099845 Cara, acho que você não deve falar nada mas se ela quiser sexo, você não deve transar.

Assim você tá protegendo ela (até descobrir o que é isso que você tem) e se protegendo(blindando-se de se expor).


Força e honra!
Don Oliver05.

Criador do tópico

dougdograu

Aprendiz

#1099846
Maurice Noardean escreveu:Depois relate para nós o que era e segui a risca os cuidados do médico.

Se for precisar fazer cirurgia, faça, vai ter que ser paciente na recuperação, mas depois é só alegria.


Beleza meu querido! Torcendo para que não seja necessário essa cirurgia, mas após a consulta ao médico volto a relatar aqui.

Criador do tópico

dougdograu

Aprendiz

#1099847
Don Oliver05 escreveu:Cara, acho que você não deve falar nada mas se ela quiser sexo, você não deve transar.

Assim você tá protegendo ela (até descobrir o que é isso que você tem) e se protegendo(blindando-se de se expor).


Força e honra!
Don Oliver05.


Então, final de semana passado eu já dei uma desculpa para não ver ela já para evitar o sexo. Esse final de semana se eu der outra desculpa ela poderá achar estranho caso eu dê outra desculpa para não vê-la. Como está tudo certo comigo em questão de DSTs, e pode ser alguma coisa mais simples eu pensei em jogar a real com ela. Mas deixando claro que até resolver isso não faremos sexo e ver qual será a reação dela.

Mas você tem alguma sugestão em como "Não transar"? Pois ela irá achar estranho eu simplesmente recusar o sexo sem alguma justificativa.
Avatar pua
Don Oliver05 - MEMBRO EXCLUSIVO
#1099848 Fácil, dá uma desculpa esfarrapada que ela irá entender que não dá para ter sexo. Diz pra ela que está com uma dor em uma das bolas. Você ganhará tempo até ir no médico e ver o que você realmente tem. De todo modo, acredito que você não deve transar com ela até descobrir o que você tem - é o mais digno de se fazer.

Criador do tópico

dougdograu

Aprendiz

#1099850
Don Oliver05 escreveu:Fácil, dá uma desculpa esfarrapada que ela irá entender que não dá para ter sexo. Diz pra ela que está com uma dor em uma das bolas. Você ganhará tempo até ir no médico e ver o que você realmente tem. De todo modo, acredito que você não deve transar com ela até descobrir o que você tem - é o mais digno de se fazer.


Sim, é fato que não irei fazer sexo, isso é super digno e correto.

Mas o que você orientou fazer daria quase no mesmo de eu contar a situação e jogar a limpo. Até porque se eu contar que estou com dor em uma das bolas ela pode não questionar mas achar estranho pois não é nada comum sentir dos nas bolas. Mas sua idéia pode ser válida sim.
Rica Villa

MEMBRO PROFISSIONAL

#1099851
dougdograu escreveu:
Don Oliver05 escreveu:Fácil, dá uma desculpa esfarrapada que ela irá entender que não dá para ter sexo. Diz pra ela que está com uma dor em uma das bolas. Você ganhará tempo até ir no médico e ver o que você realmente tem. De todo modo, acredito que você não deve transar com ela até descobrir o que você tem - é o mais digno de se fazer.


Sim, é fato que não irei fazer sexo, isso é super digno e correto.

Mas o que você orientou fazer daria quase no mesmo de eu contar a situação e jogar a limpo. Até porque se eu contar que estou com dor em uma das bolas ela pode não questionar mas achar estranho pois não é nada comum sentir dos nas bolas. Mas sua idéia pode ser válida sim.


olha esses conselhos para você entrar numa fria.

Se você inventar demais depois se perde. E mesmo que volte e conte a verdade a primeira mentira vai ficar marcada.

Ela vai achar que a dor nas bolas é de outra que você está trepando. Ela pode dizer que você está com de dst's por causa de outra? pode, mas se você está dizendo a verdade não tem o que temer. E se ela não acredita no que você está dizendo, o que o urologista dizer no dia 8 vai estar a seu favor. Inclusive lembre de perguntar, qual é o motivo. Aparentemente parece ser sua primeira transa mais rotineira.

Só que tenho certeza que se ela desafiar muito quando você está sendo verdadeiro, vai lhe deixar sem vontade depois. A verdade tem essa grande vantagem. Não sei o motivo do pessoal insistir com mentira quando a verdade não tem nada de errado. De tanto fazer isso depois não sabem porque a vida dá tanta porrada na cabeça.

Criador do tópico

dougdograu

Aprendiz

#1099854
Rica Villa escreveu:
dougdograu escreveu:
Don Oliver05 escreveu:Fácil, dá uma desculpa esfarrapada que ela irá entender que não dá para ter sexo. Diz pra ela que está com uma dor em uma das bolas. Você ganhará tempo até ir no médico e ver o que você realmente tem. De todo modo, acredito que você não deve transar com ela até descobrir o que você tem - é o mais digno de se fazer.


Sim, é fato que não irei fazer sexo, isso é super digno e correto.

Mas o que você orientou fazer daria quase no mesmo de eu contar a situação e jogar a limpo. Até porque se eu contar que estou com dor em uma das bolas ela pode não questionar mas achar estranho pois não é nada comum sentir dos nas bolas. Mas sua idéia pode ser válida sim.


olha esses conselhos para você entrar numa fria.

Se você inventar demais depois se perde. E mesmo que volte e conte a verdade a primeira mentira vai ficar marcada.

Ela vai achar que a dor nas bolas é de outra que você está trepando. Ela pode dizer que você está com de dst's por causa de outra? pode, mas se você está dizendo a verdade não tem o que temer. E se ela não acredita no que você está dizendo, o que o urologista dizer no dia 8 vai estar a seu favor. Inclusive lembre de perguntar, qual é o motivo. Aparentemente parece ser sua primeira transa mais rotineira.

Só que tenho certeza que se ela desafiar muito quando você está sendo verdadeiro, vai lhe deixar sem vontade depois. A verdade tem essa grande vantagem. Não sei o motivo do pessoal insistir com mentira quando a verdade não tem nada de errado. De tanto fazer isso depois não sabem porque a vida dá tanta porrada na cabeça.


Sim, estou indo mais para o lado de jogar a real... porque mesmo que eu invente alguma desculpa para não ver ela, terça irei no médico ele irá diagnosticar e provavelmente passar medicamento/tratamento e dificilmente o próximo fds estarei apto a fazer sexo, e terei que dar outra desculpa? E mentira tem pernas curtas... melhor eu falar logo a real e deixar ela ciente mesmo.

Se por acaso ela não acreditar, desconfiar, ou de afastar por conta disso quem estará perdendo é ela, e fico de conciência tranquila por ter feito o correto.

Criador do tópico

dougdograu

Aprendiz

#1099857
Rica Villa escreveu:
dougdograu escreveu:
Don Oliver05 escreveu:Fácil, dá uma desculpa esfarrapada que ela irá entender que não dá para ter sexo. Diz pra ela que está com uma dor em uma das bolas. Você ganhará tempo até ir no médico e ver o que você realmente tem. De todo modo, acredito que você não deve transar com ela até descobrir o que você tem - é o mais digno de se fazer.


Sim, é fato que não irei fazer sexo, isso é super digno e correto.

Mas o que você orientou fazer daria quase no mesmo de eu contar a situação e jogar a limpo. Até porque se eu contar que estou com dor em uma das bolas ela pode não questionar mas achar estranho pois não é nada comum sentir dos nas bolas. Mas sua idéia pode ser válida sim.


olha esses conselhos para você entrar numa fria.

Se você inventar demais depois se perde. E mesmo que volte e conte a verdade a primeira mentira vai ficar marcada.

Ela vai achar que a dor nas bolas é de outra que você está trepando. Ela pode dizer que você está com de dst's por causa de outra? pode, mas se você está dizendo a verdade não tem o que temer. E se ela não acredita no que você está dizendo, o que o urologista dizer no dia 8 vai estar a seu favor. Inclusive lembre de perguntar, qual é o motivo. Aparentemente parece ser sua primeira transa mais rotineira.

Só que tenho certeza que se ela desafiar muito quando você está sendo verdadeiro, vai lhe deixar sem vontade depois. A verdade tem essa grande vantagem. Não sei o motivo do pessoal insistir com mentira quando a verdade não tem nada de errado. De tanto fazer isso depois não sabem porque a vida dá tanta porrada na cabeça.



Mano, hoje falei que faríamos um programa diferente, irmos na hambúrgueria, ela super topou. E depois ela mandou msg falando que escolhi bem o dia para fazermos algo diferente pois hoje desceu a menstruação dela. Então logicamente não iria rolar nada de sexo hoje.

Sabendo disso acha necessário eu contar essa questão do pênis pra ela? Ou uso essa informação a meu favor e omito essa questão do pênis vermelho?