Artigos e Técnicas com base em PNL ou Hipnose.
Não necessariamente voltada a sedução
Avatar pua
PuaFitness
#816680 http://www.4shared.com/office/aqHNgFC7/ ... mento.html

Material interessante sobre pensamento (talvez ajude no Inner Game), Desenvolver concentração com exercícios e muito mais. Tem um conhecimento muito interessante neste livre que pode ser usado como recurso acessório na sedução, uma espécie de suporte.

Segue o indíce abaixo pra ter uma ideia.


ÍNDICE
A propósito deste livro .................................................................................................................................................................... Pág. 6
CAPÍTULO I - Discurso preliminar
Concepções de outros autores - Falsas teorias - Vegetarismo - Celibato - Corrente restauradora - Respiração forte - Fizeram-se grandes progressos, mas graças à observação, não às teorias - A existência do magnetismo animal, nos tempos presentes, é um fato inegável, evidente, e não um problema a resolver - É resultado da experiência, e não das teorias - Publicar teorias favoritas é um ato pouco louvável - Não aceiteis nada que não possa provar-se
Pág. 7


CAPITULO II - Natureza da Força
A natureza da força não é magnética - A corrente sutil das ondas dos pensamentos - Os pensamentos são coisas - Os nossos pensamentos exercem influência tanto sobre nós próprios, como sobre os outros - Uma mudança de ocupação é seguida de uma mudança do exterior - Os pensamentos revestem uma forma nas ações - O pensamento é a força mais poderosa do universo - "Posso, quero, não quero" - Ensino prático sem argumentações metafísicas - A força atrativa do pensamento.
Pág. 9


CAPITULO III - Modo pelo qual a força-pensamento pode ajudar-vos
O êxito depende da influência animal - Os "fortes" triunfam - Há, não obstante, exceções surpreendentes - Se pessoas negativas fazem um trabalho produtivo, as pessoas positivas colherão os frutos dele - O dinheiro é a forma material do êxito - O dinheiro é um intermediário e não um termo - A lei do império mental - A influência da sugestão - Influência exercida pela vibração do pensamento - Influência da força atrativa do pensamento - Influência obtida pela formação do caráter
Pág. 12


CAPITULO IV - Influência psíquica direta
Influência durante uma conversação de viva voz - Os três métodos principais - Sugestão direta - Ondas do pensamento.
− A força de atração do pensamento - O que é a Sugestão - A dualidade da alma - Sugestão hipnótica - Funções ativas e passivas - A natureza das duas Funções - Carneiros humanos - Os dois irmãos-associados - O irmão Passivo - O irmão Ativo - Traços dos seus caracteres - O homem bonacheirão - O homem duro como pedra - A maneira de evitar o encontro deste último - Nunca vos contenteis com um "Não" de resposta, tanto em casos de amor como em assuntos de negócio - A Fortuna é uma mulher - O amor é engenhoso - A confiança triunfará . . .
Pág. 15


CAPÍTULO V - Um pouco de saber viver
Maneira de influenciar o associado ativo - Conversação - A arte de escutar - Carlyle e o seu visitante - Uma conversação agradável - Mantende-vos positivo - Maneira de se apresentar - O exterior. Roupas brancas - Perfumes - Asseio - Porte - Reserva - Humor - Audácia - Respeito por si próprio - Respeito pelo próximo - Fraqueza - Seriedade - O apêrto de mão - O olhar - O tom da voz - Uma regra útil - Como corrigir as faltas no porte
Pág. 19


CAPITULO VI - O Poder da Vista
O meio mais enérgico que o homem tem à sua disposição para exercer certa influência sobre outrem - As razões - A vista educada é uma arma terrível - Vibrações mentais transmiti-das por meio da vista - O poder que a vista exerce sobre os animais ferozes e sobre os animais bravios - O olhar persistente é quase insustentável - Emprego racional da vista -Fascinação e atração hipnótica - O olhar magnético - O principio da conversação - Como empregar a vista para impor atenção - Como cativar a atenção - Como reaver a atenção que pot um .momento afrouxou - Atingi o fim que vos propusetes - Proteção a si próprio - Como preservar--vos da influência de outrem - Como dizer "Não" - Como exercer sugestões
Pág. 22


CAPÍTULO VII - O Olhar Magnético
O que é o olhar magnético - Explicação minuciosa dos exercícios - Como possuir um olhar magnético - Estudo interessante - Experiências em indivíduos viventes - Estes dão ainda sinais de inquietação - Primeiro exercício: Método completo
para o desenvolvimento do olhar firme e persistente
− Fatos curiosos - Fatos imponentes - Influência exercida no homem e nos animais - Segundo exercício: Exercícios diante do espelho tendo por fim desenvolver o olhar - Como suportar o olhar de outrem e como resistir-lhe - Terceiro exercício: Desenvolvimento dos músculos e dos nervos óticos - Quarto exercício: Arte de fortificar os músculos e os nervos óticos - Quinto exercício: Experiências nas outras pessoas - Experiências nos animais - Estes fugirão - O homem é influenciado e recebe uma impressão desagradável - Uso permitido do poder - Guardai os vossos segredos.
Pág. 25


CAPÍTULO VIII - Força Vóliqua
Distinção entre a Força atrativa do Pensamento e a Força vóliqua Manifestações diferentes das vibrações do pensamento - Definições das expressões "Volição" e "Força vóliqua" - Uma força quase onipotente - O homem pròpriamente dito - O "Êxito" - A sua importância - Como dar-se cada um conta da sua existência - O homem atinge um grau de poder desconhecido até hoje - A alma humana - A vontade - O segrêdo do desenvolvimento da vontade - Influência mental ativa e passiva - A projeção das ondas do pensamento .
Pág. 28


CAPÍTULO IX - Volição Direta
A volição é o pêndulo do êxito - Os guias da humanidade possuíram-na - Assimilação inconsciente - Napoleão Bonaparte deu com a verdade - Os homens fortes sentem o seu "eu" - Desejo fervoroso - Má vontade na paga do tributo do êxito - Homens que adquiriram o poder oculto - Força vibratória - Telepatia: transmissão do pensamento; arte de ler o pensamento - Os mestres na arte guardam o seu segrêdo - Condição principal - Exercício de Volição durante uma conversa de viva voz - Expectativa - As pessoas, em sua maior parte, figuram como "bonecos" - Instruções gerais - Não se deve empregar o poder para prejudicar o próximo - Um conselho - Terrível exemplo de Satã - Como "querer" alguma coisa - Exercício I: Fazer virar alguém - Exer-cício II: Influenciar alguém num Iugar público - Exercício III: Influência exercida numa pessoa sem a fixar - Resultado cômico - Exercício IV: Sugestão de uma frase esquecida - Resultado notável obtido por um estudante alemão - Exer-cício V: Direção dos movimentos de outra pessoa - Exercício VI: Exercícios feitos de pé, junto de uma janela - Influência exercida nos transeuntes - Exercícios cativantes - Usai do vosso poder para desenvolvimento próprio e não para vos divertirdes ou para satisfazer a curiosidade dos vossos amigos.
Pág. 31


CAPÍTULO X - Volição Telepática
A existência da telepatia é um fato reconhecido - Maravilhosos progressos das ciências psíquicas - Transmissão de pensa-mentos - Vibrações - Capacidade maravilhosa de um peque-no número de indivíduos - Não seria para desejar que o conhecimento fôsse geralmente adquirido - Verdadeiros perigos que o abuso ofereceria - Explicação do emprego prático - Teoria geral - Como obter os melhores resultados possíveis - Vantagens da Concentração - Emprego da Volição telepática antes de uma conversa - Como exercer influência atrativa a grande distância - Como entrar "em matéria" - Explicação minuciosa - Contato da alma a certa distância - Ondas mentais telepáticas - Imagens mentais - Círculos mo-ventes de ondas mentais - O tubo psíquico - Como formá-lo e empregá-lo - Defesa pessoal contra as vibrações mentais de outrem - Estado de alma positivo - Exclusão dos reinos mentais vindos do exterior - Como guardar-se contra a influência e pressão alheias - Efeitos da influência mental, exercida antes do princípio da conversa -- 0 negócio é muito fácil de tratar - Disposição mental exigida - Ensino esotérico para os que estão aptos e preparados para o receber - O homem achará o que procura - Diamante ou carvão.
Pág.36


CAPÍTULO XI - Força Atrativa do Pensamento
Teoria de Prentice Mulford - "Os pensamentos são coisas" - O pensamento não é simplesmente uma força dinâmica - Espírito e matéria são idênticos - Milagres da Natureza - Experiência do professor Gray sobre as vibrações - Resulta-dos maravilhosos - Tese importante e interessante do Dr. Williams - O campo dos pensamentos é ilimitado - Natureza das vibrações mentais - Ondas dos pensamentos nas côres sombrias e nas côres claras - Os vossos pensamentos conservam-se em relação convosco e influenciam-vos - Radiação do pensamento - O que se parece, assemelha-se - Manifestação maravilhosa de fenômenos psíquicos - Resultados de pensamentos de receio e inquietação - A convicção no pensamento - Pagar na mesma moeda em que se recebeu - Êxito devido à precisão do pensamento - O ideal convertido em realidade - O segrêdo da vitória dos homens que chegam aonde querem - O "Eu posso e quero" - Os vossos semelhantes sentem-se atraídos para vós - Tudo será vosso se vos quiserdes dar ao trabalho de o querer enèrgicamente - Teoria de Helen Willman
Pág. 41


CAPITULO XII - Desenvolvimento do Caráter pelo Império Mental
O homem pode desenvolver-se como muito bem lhe aprouver - A Regeneração não é uma quimera - Uma verdade evidente
− Desenvolvimento mais intensivo das faculdades possuídas num grau rudimentar - O novo Regenerador - A lei do
Império Mental - Novas sendas através da floresta - Regenerar-se a si próprio - Romper com os antigos hábitos mentais e contrair novos - Os quatro métodos principais - Força de vontade hipnótica - Auto-sugestão - Absorvei-vos nos pensamentos - Tratamento ideal - Curso completo da teoria dos quatro métodos, vantagens e desvantagens de cada um deles - Comentários de cada uma delas - Como as-similar uma faculdade mental desejada - Como absorver-vos no pensamento - Exercícios e direções práticas - Exercícios I a IV: Sois o senhor de vós próprio - Fazei de vós o homem que quiserdes
Pág. 45


CAPÍTULO XIII - A Arte da Concentração
Definição - Significação exotérica e esotérica - Uma faculdade inapreciável - O pensamento e a ação combinados - Concentração por um esforço da vontade - Como chegar "aonde se quer" - Vantagens da concentração - Maneiras com o auxílio das quais se produz melhor trabalho - Obter o resultado completo do seu trabalho - Evitar o desânimo - Trabalhai para a vossa própria salvação - Defendei-vos de ser um capacho humano - Entregai-vos ao trabalho - No céu não há mandriice - O trabalho perdeu o seu aspecto feio - Remédio contra o mau humor - Remédio especial contra o desânimo - A concentração não é uma fácil tarefa - Experiência muito simples - Vantagens da concentração - Basta de esforços maebaratados e de energias perdidas – Concentrar o pensamento num só ponto - Concentrar a atenção num só ponto - Remédio preciso para o esgotamento do corpo e do espirito - Explicação - Condições necessárias à concentração
Pág. 51


CAPÍTULO XIV - A Prática da Concentração
Exercícios de concentração - A exclusão de impressões estranhas ao assunto - Vencer a desatenção - Desenvolvimento da força de vontade - Como obter a sujeição das funções musculares à vontade - Não é uma fácil tarefa - Mantende--vos em imobilidade - Exercícios - Sujeição dos músculos do braço - Exercícios - Fixar os músculos - Exercícios - Cultivar a igualdade do humor e o bem-estar psíquico e físico - Exemplo - Desfazer-se de ruins contrações fisionômicas - Atenção dominada pela vontade - Exercícios para atingir este fim - Atenção concentrada em objetos exteriores - Explicação geral - Exercícios diversos.
Pág. 55


CAPITULO XV - Discurso de Despedida
Percepção instintiva da verdade - Não fazer alusão senão à grande Verdade - Podêres latentes desenvolvidos - 0 lado prático - O lado oculto - A ciência da alma é um meio de edificação - Reconhecimento do "Ego" - Literatura de futilidade e quimeras - Algum grão bom, entre muito joio - O conhecimento prático encontra-se raramente, mas é muito apreciado - Aviso aos que procuram a verdade - A lingua de fogo dentro de vós - Força dinâmica, potência tripla - A força proveniente do "Eu Sou" - Novas resoluções, novas forças - A confraria da Humanidade - Respeito de si próprio Não permitais que vos enganem - Não sejais um cão medroso - "Não andeis por quatro caminhos" - Não abuseis do vosso poder novamente adquirido - Alusão a uma grande potência - Discurso de despedida - Fim .
Pág. 59