Depoimentos de mudança com o PUABASE.
Conte nos nessa área um pouco da sua evolução atingida com os conhecimentos adquiridos no PUABASE. Adoraremos ler a evolução de um membro da nossa irmandade.

O primeiro é fazer você refletir sobre o seu desenvolvimento e o segundo é conhecer um pouco mais a evolução dos outros membros.
Avatar pua

Criador do tópico

jdash

Aprendiz

#1082912 Esse é um relato pessoal, devo fazer algumas coisas em vídeo obre desenvolvimento em breve, mas nem tudo pode ser colocado no youtube, então, falar aqui um pouco do que passei pra quem tiver na mesma situação.

Resumindo como cheguei ao fundo do poço: Eu saia com algumas garotas, era bom, divertido, festa todo FDS, mas queria relacionamento, consegui uma guria gente boa, linda e tudo mais, rolou bem por 5 anos, dai ela começou a ter umas neuras com família e tal, futuro, eles tem uma situação financeira bem melhor que a minha atual, então começou a ter muita cobrança, a gente morou junto por 3 anos, sempre me trataram bem, mas vocês sabem como funciona...

A gente começou a brigar muito por conta de expectativas e planos, eu comecei a deixar minhas coisas de lado pra tentar fazer ela ficar bem, dai o trem descarrilhou, deixei de ser eu e acabou. Nisso, meu cachorro de 17 anos, um matusalem canino e meu melhor amigo morreu, uma semana de diferença pro termino, mas ok, a vida tem disso. Eu vinha tendo crises de bronquite, ansiedade e fiquei neurado com muita coisa, minha tia que me criou um tempo, minha segunda mãe, adoeceu, internou, saiu do hospital, internou de novo e faleceu, isso uns 2 meses após o termino, nesse periodo de tempo fiquei sem grana, porque tinhamos uma empresa de vídeo juntos, quando terminamos fechamos a empresa, eu porque não tava afim de continuar no ramo e ela porque não precisa.

Sem grana, me percebendo acima do peso, mal cuidado, morando no porão da minha mãe até encontrar um lugar e cheio de neuras, ansiedade, problemas pra respirar e vendo que muitos amigos optaram pelo lado do dinheiro e me deixaram na mão, só tive duas opções: Ou eu acabo com minha vida ou eu dou um jeito em tudo.

Como não é o Chico Xavier que ta escrevendo isso, obvio que optei pela segunda opção.

Quais os passos que eu segui? Vamos a eles:

Primeiro eu tive que perceber que tava fudido, uma coisa é se sentir mal, outra é ter consciencia disso. Eu me avaliei, avaliei minha vida, minha situação, onde estava e onde queria estar. Nesse ponto eu percebi o que precisava fazer.

Segundo: COmecei a fazer imediatamente, cortei muita coisa de alimentação que faz mal, hamburgueres, refrigerante, pão e outras coisas que geram só peso e não contribuem pro organismo. Não sacrifiquei alimentação em si, apenas cortei os excessos e comecei a caminhar, acordar cedo e meditar. Meditar ajudou muito a me manter mais calmo, ao longo das semanas fui parando te ter ansiedade e não tive mais crises de bronquite, tanto que minha bombinha, que o médico disse que eu teria de usar sempre, está na gaveta já há alguns meses.

Nesse passo de fazer as coisas eu precisava de guias, mentores, eu sou Coach, sei muita coisa, mas sei que a gente nem sempre tem uma visão de si mesmo perfeita, então conversei com amigos mais experientes na vida, ouvi o que tinham a dizer, assimilei o que funcionava e deixei de lado o que não fazia sentido pra mim.

Também fui atrás de livros, reli Tony Robbins, achei um livro do Napolleon Hill chamado + esperto que o diabo, recomendo muito, li várias coisas, quase um livro por dia em 2 meses. Achei o canal do Julien e os vídeos obre felicidade e deixar ir, vi o vídeo do Max sobre terminos e acabei me interessando de novo por coaching, aquilo é a coisa de verdade, não essas merdas que tão no youtube brasileiro. Devorei todos o vídeos possivei, quando não tinha legendado eu via sem legenda, tentava entender com meu inglês de escola publica, mas com o tempo, me tornei fluente, agora to aprendendo japonês, porque quero viajar pra lá em breve.

Criei um perfil no intagram pra acompanhar os stories do Max e do Julien, acabei postando coisas minhas também, com isso comecei a atrair pessoas, homens que queriam aprender a sair da bad, ja que eu falava sobre minhas rotinas e mulheres que começaram a me mandar directs dizendo que eu tava ficando bonito e dando IDI em geral.

Perdi 10 kilos em 3 meses, mudei o cabelo, barba, roupas. Voltei pro coaching, estou me mudando essa semana pra uma ótima casa no centro da cidade e tenho 5 mulheres as quais tão de boa com relação a termos encontros casuais, nem sempre tem sexo, mas a casa nova tá ai pra facilitar isso, alem de me permitir gravar meus vídeos. Tenho mais 2 mulheres de fora da cidade que tem um clima favoravel e posso visitar em breve. Tudo isso em 5 meses.

Foi fácil? Não. Muitas vezes eu estava bem, mas meia hora depois tava mal, dormia bem, tinha sonhos ruins e acordava neurado. O mais importante foi aceitar que tudo leva um tempo, não tinha formula mágica que ia me transformar num Cavaleiro de Ouro em 5 min, por mais que PNL seja ducaralho, há muitas subcamadas pra mexer.

Com isso, quero dizer que se você tá mal agora, terminou ou ta numa fase complicada, entenda que vai passar, aceite o que acontecer, não resista, deixe ir, simplesmente não segure os sentimentos, respira fundo e pense no longo prazo. Trabalhe em si mesmo, no começo eu queria pegar mulher pra esquecer a minha e sair da bad, mas percebi que isso não ia adiantar, então larguei mão por um tempo. Me dediquei a mim e com isso agora ficou mais fácil, porque eu estou bem, quando você ta bem, o mundo ta bem com você, sua segurança em si atrai outras pessoas.

No mais jovens gafanhotos, se você tá mal, não se preocupe, vai passar. Como diz Eric Draven: Can't rain all the time.

ANÚNCIOS

vpulini

Aprendiz

#1082916 Obrigado pelas palavras. Me vi muito em seu relato. Eu estava bem até um certo ponto, com contatos com várias garotas até que conheci minha ex-namorada. Sempre fui muito firme, muito vaidoso, era até grosso, mandava na relação. Até que um certo ponto, fui ficando relaxado, não estava mais preocupado com meu visual, vivia pela minha ex, insegurança transbordava em meu rosto de medo dela me deixar. Há 8 dias, terminamos nosso relacionamento, estou péssimo. E, pra piorar, hoje vi que ela curtiu uma foto de um amigo meu sem camisa. Como fiquei? Meu mundo desandou. Eu acreditava que ela seria a mulher com quem iria casar. Certinha, apaixonada e alegre no começo da relação virou a que é indiferente e sempre com cara de desânimo quando me via.
Agora, sou obrigado a retornar do zero, depois de 2 anos de relacionamento, sem saber por onde começar.
Você me deu um norte. Obrigado.
Avatar pua

Criador do tópico

jdash

Aprendiz

#1082917
vpulini escreveu:Obrigado pelas palavras. Me vi muito em seu relato. Eu estava bem até um certo ponto, com contatos com várias garotas até que conheci minha ex-namorada. Sempre fui muito firme, muito vaidoso, era até grosso, mandava na relação. Até que um certo ponto, fui ficando relaxado, não estava mais preocupado com meu visual, vivia pela minha ex, insegurança transbordava em meu rosto de medo dela me deixar. Há 8 dias, terminamos nosso relacionamento, estou péssimo. E, pra piorar, hoje vi que ela curtiu uma foto de um amigo meu sem camisa. Como fiquei? Meu mundo desandou. Eu acreditava que ela seria a mulher com quem iria casar. Certinha, apaixonada e alegre no começo da relação virou a que é indiferente e sempre com cara de desânimo quando me via.
Agora, sou obrigado a retornar do zero, depois de 2 anos de relacionamento, sem saber por onde começar.
Você me deu um norte. Obrigado.


O que mais fez diferença pra mim foi aceitar as coisas como são e deixar ir. Pare de procurar, pare de ver fotos dela e comece a fazer coisas que gosta, com o tempo vai ficar melhor. É bom saber que algumas coisas podem levar mais tempo, mas a medida que for vendo resultados, vai se sentir mais animado. Quando eu percebi que minha barriga tinha sumido, fiquei feliz demais. Quando você coemça a ver as demais pessoas se interessando por você, você mesmo e não as coisas que tem, isso faz bem pra caralho. No mais, se precisar trocar uma ideia, só chamar, tamo junto.
vpulini

Aprendiz

#1082924
jdash escreveu:
vpulini escreveu:Obrigado pelas palavras. Me vi muito em seu relato. Eu estava bem até um certo ponto, com contatos com várias garotas até que conheci minha ex-namorada. Sempre fui muito firme, muito vaidoso, era até grosso, mandava na relação. Até que um certo ponto, fui ficando relaxado, não estava mais preocupado com meu visual, vivia pela minha ex, insegurança transbordava em meu rosto de medo dela me deixar. Há 8 dias, terminamos nosso relacionamento, estou péssimo. E, pra piorar, hoje vi que ela curtiu uma foto de um amigo meu sem camisa. Como fiquei? Meu mundo desandou. Eu acreditava que ela seria a mulher com quem iria casar. Certinha, apaixonada e alegre no começo da relação virou a que é indiferente e sempre com cara de desânimo quando me via.
Agora, sou obrigado a retornar do zero, depois de 2 anos de relacionamento, sem saber por onde começar.
Você me deu um norte. Obrigado.


O que mais fez diferença pra mim foi aceitar as coisas como são e deixar ir. Pare de procurar, pare de ver fotos dela e comece a fazer coisas que gosta, com o tempo vai ficar melhor. É bom saber que algumas coisas podem levar mais tempo, mas a medida que for vendo resultados, vai se sentir mais animado. Quando eu percebi que minha barriga tinha sumido, fiquei feliz demais. Quando você coemça a ver as demais pessoas se interessando por você, você mesmo e não as coisas que tem, isso faz bem pra caralho. No mais, se precisar trocar uma ideia, só chamar, tamo junto.


Obrigado. Suas palavras foram muito boas mesmo. Ela estava me deixando muito pra baixo. Não me elogiava, dizia indiretamente que eu estava feio, relaxado, nunca é bom ouvir essas coisas. Sou muito magro e tenho aquela barriguinha. Preciso tomar vergonha na cara e melhorar minha aparência.
renanalemaum

Aprendiz

#1082926 Isso aí cara, fico feliz por vc ter saído dessa situação! Já li esse livro do Napoleon Hill, um dos poucos livros que eu consegui ler na vida toda, eu tenho déficit de atenção e demorei uns 2 meses para ler ele, lia apenas no busão indo para a facul! Preciso aprender meditação, eu tento tento tento e não consigo. Não consigo focar minha mente em só uma coisa, é muito difícil pra mim, os pensamentos estão a 200 toda hora, seria uma boa para livrar-me da ansiedade e do estresse diário, o que vc leu a respeito? Passa seu insta por MP, vou te seguir lá :ae
Avatar pua
IanNightmare

Aprendiz

#1082932 Irmão parabéns pela evolução, assim como o amigo vpulini também estou enfrentando o período de pós término e seu relato é uma grande inspiração para quem está em uma fase ruim e desanimadora. Muito obrigado por mostrar que a tempestade sempre passa para quem busca a luz do sol. :ae
Avatar pua

Criador do tópico

jdash

Aprendiz

#1082934
renanalemaum escreveu:Isso aí cara, fico feliz por vc ter saído dessa situação! Já li esse livro do Napoleon Hill, um dos poucos livros que eu consegui ler na vida toda, eu tenho déficit de atenção e demorei uns 2 meses para ler ele, lia apenas no busão indo para a facul! Preciso aprender meditação, eu tento tento tento e não consigo. Não consigo focar minha mente em só uma coisa, é muito difícil pra mim, os pensamentos estão a 200 toda hora, seria uma boa para livrar-me da ansiedade e do estresse diário, o que vc leu a respeito? Passa seu insta por MP, vou te seguir lá :ae


Sobre meditação comece por aprender a respirar melhor, joga no youtube Respiração Pranayama e veja alguns vídeos, exitem váriações de acordo o objetivo, veja o que funciona melhor pra você. Respirar certo vai acalmar a mente.

O insta é só pesquisar Júlio DAsH, a foto de perfil é a mesma daqui.
vpulini

Aprendiz

#1082935 Sou adepto da maneira em que você precisa focar em sua vida e esquecer um pouco de mulheres até que tudo esteja em perfeita harmonia. Só essas suas ações já vão ser suficientes para atrair garotas e tudo ficar mais fácil.
Foque na sua carreira, nos seus estudos. Terminamos? Terminamos. Chorarei? Claro, mas tenho que seguir em frente, não tem jeito.
Avatar pua

Criador do tópico

jdash

Aprendiz

#1082936
vpulini escreveu:Sou adepto da maneira em que você precisa focar em sua vida e esquecer um pouco de mulheres até que tudo esteja em perfeita harmonia. Só essas suas ações já vão ser suficientes para atrair garotas e tudo ficar mais fácil.
Foque na sua carreira, nos seus estudos. Terminamos? Terminamos. Chorarei? Claro, mas tenho que seguir em frente, não tem jeito.


Ai você chegou num ponto crucial. Aceitar que doi, que sofre, porque negar isso só torna tudo pior e mais demorado.