Assuntos não relacionados ao tema principal do fórum.

Criador do tópico

adrian_1000 - MEMBRO EXCLUSIVO
#1099013
Rica Villa escreveu:O pior da situação vai ser sempre para quem não se adaptar. Simplesmente nessa época da história, o cara tem que entender que a figura do homem provedor não existe mais, e não insistir nessa bobagem quando quiser se relacionar. Se todos fizessem isso, certamente as coisas se equilibariam numa coisa boa para todos os lados.

Só que não é o que acontece. O sujeito mediano sabe que pode mais se o dinheiro dele como provedor for um meio de conquista. O que acontece é que esse cara sempre perder, já que ele não é o que se costumou chamar de cafajeste, e que sempre vai ter mulher independente de ter dinheiro ou não. E naõ esqueçam que o bom cafajeste arruma mulher provedora para ele.

Então só podemos tentar mudar a visão de mundo do cara que incentiva a disputa por dinheiro. Ele tem que saber que neste leilão, cedo ou tarde alguém vai pagar mais. E se isso acontecer e ele ganhar, mesmo assim, como todo leilão muito disputado, no final ele estará pagando um preço maior do que o produto vale.

Um dos principios fundamentais em qualquer melhora de personalidade é: seja você o prêmio. Ora, se nós passamos falando isso o tempo todo, por qual motivo elas não iriam copiar. O problema deste discurso é sempre quando você deixa de ser oa flecha, para virar o alvo. No fundo ele tem a mesma base dos coachs de pua.
E é isso que está acontecendo, elas também aprenderam a lição. Ou vocês acham que não é equivalente do cara abrir um canal, para ganhar dinheiro, dizendo que todos podem conseguir a mulher que quiser.

Até hoje ainda existem os anúncios de 'ganhe dinheiro sem sair de casa', o fato é que se existem funcionam.

A maior parte do pessoal nunca vai de verdade estar na frente deste tipo de mulher. Então devia ficar pensando e olhando para as reais. Antigamente o cara ficava o dia todo na frente da playboy achando que transava com as famosas que se pelavam por dinheiro ali, hoje ele vai pro youtube atrás da mesma coisa.

As mulheres de shortinho e roupinha cavada sempre existiram. Parece que foi ontem que a colega de faculdade se abaixou para juntar uma caneta, e com aquela camiseta jeans sem sutiã mostrou tudo que eu queria ver. Ou que eu deparei na praia com aquela irmã do amigo de fio dental.

O que eu digo é que tem que aproveitar e crescer. Na hora de pagar a conta você paga a sua parte. Se ela não rachar já de cara você derruba o discurso.





Rica, devo confesar que o que foi dito por você agregou bastante a minha percepção. Faz mais sentido o que você falou. A verdade é que mesmo com essa postura de algumas mulheres, sempre tem o "cara" por trás dela comendo ela de todo jeito e que não fica muito pensando nesse tipo de bobagem. Mas ressalto que o homem deve se adaptar, jamais se colocar abaixo desse tipo de mulher.

ANÚNCIOS

Criador do tópico

adrian_1000 - MEMBRO EXCLUSIVO
#1099014
Lelouch escreveu:Feminismo é falta de rola, porque elas querem que o homem aja do jeito que elas não acham atraente e nem querem que o homem chegue nelas. Consequentemente, ou caem na real ou ficam pra titia.

Uma coisa que tenho observado é o surgimento de "feministos", que são homens héteros enrustidos. Eles acreditam que atitudes naturais de homem é machismo e não fazem o que uma mulher realmente deseja de um homem.
Tenho um amigo feministo que chegou a dizer que ele nunca sabe se um dia ele terá relacionamento homossexual e que foi moldado pela "sociedade machista" para ser hétero. Ele não é gay, mas foi por aprender bobagem que ele passou a ter essa opinião.

Feministos tem o pior tipo de crença limitante e os tornam mais betas ainda. Alfas nem acreditam nisso.



Se você for olhar com mais calma, a verdade é que a tendência é que isso se torne ainda pior. A geração que está por vir, tem todos os trajetos para tornar esse tipo de atitude comum.
Rica Villa

MEMBRO PROFISSIONAL

#1099019
Lelouch escreveu:Feminismo é falta de rola, porque elas querem que o homem aja do jeito que elas não acham atraente e nem querem que o homem chegue nelas. Consequentemente, ou caem na real ou ficam pra titia.

Uma coisa que tenho observado é o surgimento de "feministos", que são homens héteros enrustidos. Eles acreditam que atitudes naturais de homem é machismo e não fazem o que uma mulher realmente deseja de um homem.
Tenho um amigo feministo que chegou a dizer que ele nunca sabe se um dia ele terá relacionamento homossexual e que foi moldado pela "sociedade machista" para ser hétero. Ele não é gay, mas foi por aprender bobagem que ele passou a ter essa opinião.

Feministos tem o pior tipo de crença limitante e os tornam mais betas ainda. Alfas nem acreditam nisso.


Está vendo o problema? Você nunca transou na vida e tem coragem de vir expor uma opinião sobre as outras pessoas. Sua tese de que é falta de rola só pode ser o critério que mesmo você não segue na vida. Lá no seu tópico você diz que sente nojo de mulher. Não tem que vir falar da atitudes de homem que querem comer as putas. Você sente nojinho se não for uma magrinha de cabelos longos. O problema real são homens como você.

Você tem que se concentrar no seu tópico ao invés de vir falar o que nem viveu ainda. Já é a segunda vez que eu vejo opinando sobre o que não faz na sua vida. Em outro tópico você fez uma que pode até prejudicar o relacionamento do sujeito. Fique quieto e aprenda ao invés de falar mal dos poucos amigos que ainda lhe aturam.
Rica Villa

MEMBRO PROFISSIONAL

#1099020
decin_bh escreveu:Resumindo... se adapte ao seu mundo e saiba aproveitar oq ele te oferece, inclusive os discursinhos feministas. Ou seja um estranho no mundo e boicote todas elas (inclusive na hora da punheta).


Homem sempre foi assim. Tem outro lá comendo e se divertindo e ele está chamando de trouxa, corno e idiota que corre atrás de mulher. O que ele não consegue é ocupar aquele espaço que o comedor ocupa, então ele tenta depreciar. O termo feministo é a lacração atual do pessoal. E é evidente que tem, e sempre teve, e sempre terá os que são carneirinhos de mulher.

Quantos tópicos tem aqui do sujeito querendo sair da friendzone? Meu, se a mulher me colocar na friendzone eu vou tentar pegar as amigas dela, não vou abrir tópico chorando. Se a mulher se diz feminista e independente, e bobear, vai me pagar até o motel. Vou fazer questão de colocar pouco dinheiro na carteira e se precisar vou "esquecer" a senha.

Quantas vezes você já viu gente caindo no golpe da mulher independente? O cara que caiu no golpe não come. Quem come é quem trata ela como independente, pois está desafiando ela. Sempre foi assim. Ninguém que concorde com discurso leva, se na prática deixa ela pisar em cima.

Quando ela faz esse discurso você já guarda a aliança. Depois vende e vai gastar no puteiro. E eu falo isso pois o discurso vem quase no final de um jantar caro, um pouco antes de ter que ir no banheiro, casualmente na hora de pagar a conta. Entenderam? Se o discurso e a pratica não se cruzam, não fique nessa encruzilhada que trem nenhum vai passar.

O mínimo que eu espero encontrar aqui é gente que quer se divertir sem ficar de mimimi e de forma honesta. Casamenteiros deveriam procurar outro lugar.
Rica Villa

MEMBRO PROFISSIONAL

#1099021
adrian_1000 escreveu:Rica, devo confesar que o que foi dito por você agregou bastante a minha percepção. Faz mais sentido o que você falou. A verdade é que mesmo com essa postura de algumas mulheres, sempre tem o "cara" por trás dela comendo ela de todo jeito e que não fica muito pensando nesse tipo de bobagem. Mas ressalto que o homem deve se adaptar, jamais se colocar abaixo desse tipo de mulher.


Eu entrei aqui procurando ajuda. Sabe qual a melhor ajuda que eu tive? Foi descobrir que eu estou melhor que 90% das pessoas que estão. Acabei aparentemente mais ajudando do que sendo ajudado. Mas esses desajustados correndo atrás de namoro com a "melhor" garota do bairro/escola/facul/empresa me ensinaram que ser escravo do sistema é o pior que se pode ser. Felizmente eu nunca fui, cedo ou tarde terei que ser pois a gente envelhece. Mas agora eu vou curtir o que tem de bom ao invés de chorar por alguém de alguma turma que não me quer.
Lelouch

Veterano - nível 9

#1099022
Rica Villa escreveu:Está vendo o problema? Você nunca transou na vida e tem coragem de vir expor uma opinião sobre as outras pessoas. Sua tese de que é falta de rola só pode ser o critério que mesmo você não segue na vida. Lá no seu tópico você diz que sente nojo de mulher. Não tem que vir falar da atitudes de homem que querem comer as putas. Você sente nojinho se não for uma magrinha de cabelos longos. O problema real são homens como você.

Você tem que se concentrar no seu tópico ao invés de vir falar o que nem viveu ainda. Já é a segunda vez que eu vejo opinando sobre o que não faz na sua vida. Em outro tópico você fez uma que pode até prejudicar o relacionamento do sujeito. Fique quieto e aprenda ao invés de falar mal dos poucos amigos que ainda lhe aturam.


Se você não sabe ler, naquele mesmo tópico declarei nojo (físico, emocional e espiritual) somente de garota de programa. Com as HB6 eu só disse que não tinha tesão, e o pessoal lá explicou que eu estava errado. Minha primeira paixonite, com quem fiz as piores betagens, é hb10 e me afetou por anos servindo de ideal de mulher. É uma dúvida já resolvida lá.

Se falei merda em outro tópico, vá lá e corrija.

Também percebo uma falta de conhecimento teu sobre psicologia e sociologia. Leia Nessahan Alita para conhecer a psicologia feminina. Veja o vídeo o Paradoxo da Igualdade para saber que ideologia de gênero não faz sentido. Veja também Jordan Peterson e Luiz Felipe Pondé para entender o feminismo na área social (eles são de direita, mas respeito mesmo eu sendo de esquerda). Politicamente correto é um pensamento coletivo, ou seja, uma ferramenta de manipulação, assim como uma religião. Para entender o conceito de pensamento coletivo, leia Yuval Harari. Depois de adquirir conhecimento, leia as pautas feministas e veja se 90% dos itens tem lógica.

Sugiro que vá abordar mais mulheres. Mulheres que namoram e estão bem resolvidas com o cara tratam os homens com gentileza, sem interesse, e isso é notável. O comportamento dela até ajuda para saber se ela tem namorado. Do mesmo modo, homem homofóbico é falta de xoxota.


Agora voltando ao assunto deste tópico.

Mulher independente tem mais o que fazer na vida e não perde tempo com propaganda e besteirol feminista. Elas querem ser abordadas por um homem com bolas. A maioria das feministas são dependentes dos pais.

Se há 4 ou 5 anos eu não tivesse conhecido o PUA, provavelmente eu teria me tornado um feministo. Naquela época, eu não sabia que era papel do homem abordar. E todo discurso feminista (como cultura do estupro e ideologia de gênero) atrapalhou muito meu desenvolvimento, porque me fazia sentir como um predador toda vez que ia abordar mulher. Eu tinha mais medo de ser acusado de assédio e do que ser rejeitado e por isso eu ejetava antes da hora.

Esse papo de cultura do estupro é uma asneira. A maioria dos homens são betas medrosos e submissos. Homem que passa a mão na bunda da mulher e nada mais é um beta carente que vai ficar desesperado se ela mesma xingar ele na hora. É inofensivo e frouxo. Não tem necessidade nenhuma de chamar terceiros e tratar o coitado como bandido, assassino ou estuprador.

Já o estuprador é um bandido e esse comportamento é ilegal em todas as culturas do mundo e em toda as épocas. Isso significa que o estuprador já sabe que é crime e não vai ser o feminismo que vai acabar com isso. Tanto homicídio quanto estupro ocorrem e isso é problema de segurança pública, não de ideologia ou cultura.

Elas falam também que a roupa curta não influencia o risco de ser assediada ou estuprada, mas quando escolho um alvo para abordar, a roupa curta influencia minha escolha, não por achar que é "puta" como as feministas dizem e sim por sentir tesão pelo corpo dela. A roupa curta simplesmente passa a informação do tanto que ela é gostosa. Se ela for gostosa e estiver com tudo tampado, ela chama pouca atenção minha porque não notarei que é gostosa.

As feministas nunca fizeram reclamação sobre a promiscuidade de cafajestes, mas por outro lado criticam até o cavalheirismo.
Rica Villa

MEMBRO PROFISSIONAL

#1099023
Lelouch escreveu:Se há 4 ou 5 anos eu não tivesse conhecido o PUA, provavelmente eu teria me tornado um feministo. Naquela época, eu não sabia que era papel do homem abordar. E todo discurso feminista (como cultura do estupro e ideologia de gênero) atrapalhou muito meu desenvolvimento, porque me fazia sentir como um predador toda vez que ia abordar mulher. Eu tinha mais medo de ser acusado de assédio e do que ser rejeitado e por isso eu ejetava antes da hora.


Desiste porra. Vai bater punheta e tomar Coca-cola. É muita burrice numa pessoa só. Ainda vem citar autor para eu ler. Não adianta você ler e não entender e com todos esses problemas graves apontados noutro tópico vir aqui tentar pagar de entendido.

Você apenas que achar um culpado por ser um nada. Nem sei por qual motivo eu ainda tento conversar com você. Melhor é colocar o link do seu tópico para os desavisados não acharem que você tem condições de opinar numa coisa séria.
Avatar pua
iluminado - MEMBRO EXCLUSIVO
#1099029 Bem cuidado com o termo "mulheres atuais" pois nem toda mulher é que nem ela. Há muita especulação dentro do casamento dela, mais pelo que vi ela desrespeitava o marido muito, ou seja...A melhor coisa a se fazer com esse tipo de mulher é manter distância. As vezes mesmo transando sem algo sério, esse tipo de mulher pode acabar te ferrando se tu tiver o mínimo de qualidade de vida.
Avatar pua
Vivacity

PUA EXPERT

#1099044 Sinceramente? Foque em evoluir a sua masculinidade, crescer na carreira, ganhar dinheiro, se tornar um homem espiritualizado e acima de tudo SE TORNAR UM EXEMPLO DE SER HUMANO.


Isso acaba influencando nos nossos relacionamentos sim, mas como dito centenas se não MILHARES de vezes aqui no PUABASE, é que nós devemos nos dar o devido valor. Essas feministas, principalmente as assumidas e que vivem falando disso o dia todo, elas com certeza não devem estar transando, não devem ser atraentes e não devem ter objetivos para alcançar. Pelo amor de Deus, qualquer pessoa que é fanática por alguma coisa - seja política, dinheiro, feminista, machista etc - essa pessoa tem algum problema.

Independente se for homem ou mulher. Grandes Homens e grandes Mulheres estão em busca de crescimento como seres humanos EM TODAS AS ÁREAS DA VIDA. Estão pensando em contribuir na sociedade como um todo e buscando ter uma vida repleta de conquistas e objetivos alcançados. No caso dessas mulheres, principalmente as que EXAGERAM nesse quesito, elas estão perdidas, estão buscando preencher o buraco interior, buscando preencher a falta de beleza, falta de propósito, falta de sentido na vida delas.

Continue estudando e crescendo que no meio do caminho... cara eu tenho certeza... no meio do caminho você vai encontrar pessoas e principalmente mulheres que condizem com o que você está procurando! Tire a atenção dessas e foque nas que valem a pena.

Grande abraço.

Vivacity
Rica Villa

MEMBRO PROFISSIONAL

#1099054
Vivacity escreveu:Essas feministas, principalmente as assumidas e que vivem falando disso o dia todo, elas com certeza não devem estar transando, não devem ser atraentes e não devem ter objetivos para alcançar.


Em termos de atração, você pegaria a Luisa Sonza?
Já que o motivo do tópico é este. Além do que foge daquele padrão que o pessoal estabeleceu para feministas, e que sempre foi longe da realidade. Sempre a justificativa masculina para explicar o motivo de não pegar nada.

E eu nem discordo do seu ponto de vista. Só acho que dá pra abrir um pouco mais o assunto.