Assuntos não relacionados ao tema principal do fórum.

Criador do tópico

Mdrol2

Aprendiz

#1053063 Fala galera, preciso de uma ajuda de quem já passou por situação parecida ou conhece do assunto. Desde o falecimento dos meus pais(meu pai em outubro de 2013 e minha mãe em março de 2014) eu fiquei muito mais apegado às pessoas, tem horas que me sinto sozinho e muita falta deles. Mantenho a positividade desde então mas nesses últimos meses não estou conseguindo tanto quanto era, parece que as coisas que eu pensava que iriam melhorar, não melhoraram, e pra completar, minha irmã está para se mudar com meu sobrinho para outro estado ainda neste mês para morar com minha outra irmã, enquanto minha sobrinha vai morar numa outra cidade com a avó.

Obs.: todos nós moramos juntos desde esses acontecimentos.
Para situação ficar um pouco mais complicada, minha fonte de renda que sempre foi pensão, vai acabar daqui 3 meses e não estou conseguindo nenhum estágio ou passar em processo seletivo aqui da minha cidade, isso me desanima.
Gostaria da ajuda de vocês sobre como manter minha mente sã agora com essa nova realidade chegando, como vocês reagiram se passaram por alguma situação assim, enfim, preciso me reestruturar, trazer positividade de volta pra minha vida e colocar a cabeça no lugar porque estou meio perdido, vocês poderiam me auxiliar um pouco?
Desde já eu agradeço e muito a atenção!

ANÚNCIOS

Avatar pua
Donnie

Aprendiz

#1053083 Que barra hein...

Nossas realidades são muito diferentes então pode ser um pouco complicado de relacionar as coisas, afinal, eu tenho sérios problemas de relacionamento com a minha família mas eles não morreram. Mas vou tentar ajudar, já que no tocante a morar sozinho e a falta de uma fonte de renda... bem, esses são problemas que infelizmente lidei e continuo lidando até hoje.

Infelizmente, não há segredos que eu possa lhe contar sobre como conseguir um emprego ou outra forma de renda. Só posso lhe apontar obviedades como: busque ampliar sua network e alimente mais suas interações fracas.
Basicamente: vá conversar com gente que tu ainda não conversou e possivelmente poderia lhe apresentar alguma oportunidade, e mantenha-se mais próximo das pessoas que tu já conheceu durante sua vida mas que não entraram no seu círculo social mais íntimo. Não lembro exatamente onde li e me convenci disso para poder lhe citar a fonte, mas eu realmente acredito que, contra-intuitivamente, grandes oportunidades geralmente surgem através das bocas desses conhecidos e não dos seus melhores amigos.

Sobre manter a sanidade, colocar a cabeça no lugar e não ficar perdido... aí as coisas ficam realmente complexas. Primeiramente, tu já tem feito um bom serviço mantendo a sanidade nesses últimos anos, alguns já teriam quebrado no seu lugar então se dê algum crédito por isso. Segundo, colocar a cabeça no lugar... mas em quê lugar? É normal se sentir perdido, e mesmo muita gente que está confiante no que está fazendo, de fato não sabe exatamente o que estão fazendo e apenas se entregaram a rotina.
Pra diminuir a sensação de confusão, recomendo organizar as coisas. Pensar positivamente é um mantra legal e até tem algum sentido prático, mas organização é necessário. Organização da mente, do espaço onde você vive, dos seus planos, do seu modo de pensar, de tudo. Cursos como "produtividade ninja" podem te ajudar nessa tarefa, que é mais árdua do que parece. Ferramentas como o "bullet journal" também podem ser de grande ajuda. O primeiro tu encontra pesquisando aqui no PuaBase mesmo, enquanto o segundo basta jogar no Google.

Me desculpe se acabei sendo meio genérico na minha resposta, então se tiver algo específico em que eu possa ajudar, é só falar!

Abraço e boa sorte!
daniel personal

Aprendiz

#1053112 Dae, cara, de boa?

Como o amigo acima disse, cada caso é um caso e realidades diferentes e a maneira como nos sentimos são diferentes.

Eu morei sozinho por um tempo em outra cidade atrás de um sonho que era viver do esporte. Me considero um cara muito família e naquela época houveram momentos complicados em estar sozinho. Tinha alguns contatos na cidade, mas quando morei de aluguel era longe dos meu amigos com quem podia contar. Os momentos mais fáceis foram quando morei um tempo com um amigo e a família dele e em outro em que dividi a casa com um outro colega.

Bom, a idéia básica acho que é ocupar a mente e o tempo. Pode considerar fazer algum curso ou atividade que lhe ocupe tempo fora da sala de aula, como um curso de culinária, ou música. Você vai pra aula mas pode praticar em casa e se mantém ocupado, sem falar que gastronomia ou algo profissionalizante pode render algum bico ou quem sabe um emprego mesmo. No curso você vai conhecer mais pessoas com interesses semelhantes também. Se não tiver condições de pagar, às vezes existem orgãos que oferecem cursos gratuitos.

Faça amizades com as pessoas com quem convive no dia a dia. A atendente da panificadora, o jornaleiro, o atendente da academia. Não é difícil nessas amizades do dia a dia você se inserir em grupos maiores, como naquele grupo que joga futebol semanalmente, grupos de corredores de rua ou de jogos de tabuleiros, RPG's, etc.. não sei com qual grupo você se afiniza mais, mas enfim, pertença a algum grupo.

Pratique o PUA, pois morar sozinho já é um ponto a favor. Não aconselho a namorar, e, se o fizer, não caia na armadilha da dependência e de se afastar dos seus amigos, pois um término já é ruim, morando meio isolado pode ser a pior coisa a acontecer. Cultive as HB's mais descoladas.

Não preciso nem falar pra se manter longe de vícios prejudiciais à saúde, né? :ae

E mantenha sempre um dinheiro separado pra poder visitar seus parentes quando a saudade apertar demais.

Boa sorte!
aquarits - MEMBRO EXCLUSIVO
#1053154
Mdrol2 escreveu:Fala galera, preciso de uma ajuda de quem já passou por situação parecida ou conhece do assunto. Desde o falecimento dos meus pais(meu pai em outubro de 2013 e minha mãe em março de 2014) eu fiquei muito mais apegado às pessoas, tem horas que me sinto sozinho e muita falta deles. Mantenho a positividade desde então mas nesses últimos meses não estou conseguindo tanto quanto era, parece que as coisas que eu pensava que iriam melhorar, não melhoraram, e pra completar, minha irmã está para se mudar com meu sobrinho para outro estado ainda neste mês para morar com minha outra irmã, enquanto minha sobrinha vai morar numa outra cidade com a avó.

Obs.: todos nós moramos juntos desde esses acontecimentos.
Para situação ficar um pouco mais complicada, minha fonte de renda que sempre foi pensão, vai acabar daqui 3 meses e não estou conseguindo nenhum estágio ou passar em processo seletivo aqui da minha cidade, isso me desanima.
Gostaria da ajuda de vocês sobre como manter minha mente sã agora com essa nova realidade chegando, como vocês reagiram se passaram por alguma situação assim, enfim, preciso me reestruturar, trazer positividade de volta pra minha vida e colocar a cabeça no lugar porque estou meio perdido, vocês poderiam me auxiliar um pouco?
Desde já eu agradeço e muito a atenção!


Primeiramente meus sentimentos pela sua familia e provavelmente poucos ja passaram por esta experiencia. Deveria ter deixado sua idade para exclarecimentos mais objetivos.

Se pode por ventura buscar ou iniciar sua autonomia, este seria o promeiro passo. Trabalhar, ter seu dinheiro e suas responsabilidades, aos poucos vai traçando novos objetivos e se desgarando da familia.
Se ainda é jovem...foque em seus estudos para que possa partir para a autonomia o mais breve possivel.