Aqui é aonde Arquivamos as discussões e debates do PUABASE.
Apenas Membros VIPS
Organização sempre!
Avatar pua
FelipeFT
#987933 Se você a pegar dando pra outros e aceitar ou então já ter combinado desde o começo em "ambos" poderem se envolver carnalmente com outras pessoas então tudo bem. O problema é você permitir que uma pessoa faça planos com você, se envolva emocionalmente, crie um compromisso de fidelidade e você fazer o contrário, caso não tenha sido esclarecido entre vocês que estão num relacionamento aberto, vejo este conceito como uma desculpa para trair sem culpa, caso tenham esclarecido desde o começo, retiro esta observação.

Namastê
Avatar pua
KimXD
#987936 É com esse mesmo relativismo moral que as feministas conseguiram foder com o mundo ocidental... é exatamente por causa do relativismo moral que hoje em dia dificilmente você consegue achar uma mulher minimamente decente, você parece uma putinha feminista que trai o marido escrevendo um texto para aliviar sua culpa e inventar lógicas "corretas" em cima de coisas erradas, nem mesmo você acredita no que você escreve, se acreditasse já teria falado isso para sua namorada para ela poder transar com outros homens, afinal é só sexo, só carnal, você não ligaria né? mas obviamente não fez pq não quer passar pelo mesmo, se você não acredita que pode ter um relacionamento minimamente decente por ambas as partes simplesmente não namore, fique solteiro e coma quantas quiser ou ao menos que seja algo combinado com ela.
Avatar pua
Wellcome
#987944 Vou deixar minha opinião a respeito disso.

Como os hawaianos cantam:


Amor é amor
romance é romance

traição é traição
e um lance é um lance
.

Precisa de mais explicação?
Recomendo que vc leia o livro de Nessahan Alita - Como Lidar com Mulheres, Se vc tá com sua namorada é pq vc viu que ela é para namorar, pq se tu achar que ela é uma Vadia tu continua com ela???? Pense nisso mano.
Micheluccio.ptk
#987945 Assim como frisado no tópico, este é um assunto polêmico. Traição é algo que a sociedade historicamente julga como extremamante errado, e não há como não levar em consideração este julgamento, visto que você é um ser social que é moldado pelos pensamento que foram ensinados a você. Fato é que durante sua vida você pode e deve analisar tais pensamento, a fim de criar sua própria opinião sobre eles.

O pensamento do Zirconio esta bem estruturado e tem argumentos plausíveis, mas como já foi comentado só é válido quando há consentimento da parceira. Se ela por acaso não sabe é errado, e não há argumentação que faça com que esse erro se torne aceitável.

Num contrato empresarial, por exemplo, alguns padrões já estabelecidos pelo código civil devem ser seguidos, mas você tem certa liberdade para mudar alguns desses padrões com o intuito de adaptá-lo a sua situação e neste caso, ambas as partes envolvidas no contrato devem estar ciente. Pense que um namoro parte do mesmo princípio, alguns padrões já estão estabelecidos segundo a sociedade (fidelidade, parceria, sinceridade, coisas que poucos seguem de fato, mas que deveriam) e cabe a você ajustá-los com o consentimento da sua parceira, caso queira especificações diferentes.

A minha opinião é diferente da sua, Zirconio, prefiro o mais tradicional. Contudo, respeito a sua opinião e acho aceitável esse estilo de namoro, desde que, novamente, a parceira saiba!

Abraços!
Lsouza
#987946 Boa colocações meu caro! Ultimamente penso muito nesses valores sobre traição. Quando iniciei minha vida no PU, comecei a namorar uma garota, e hoje sou noivo dela. Só que iniciei meus estudos em uma faculdade, agora, sem nem querer, joguei com uma HB que também namorava, e os sentimentos estão sendo mútuos entre eu e ela. Nâo sendo somente atração física. Aí complica kkkk.
beginner
#987949 Faço coro com alguns que já postaram. Acho muito válido não haver possessividade, na verdade eu vivo assim. Fico com quem eu quero, quantas vezes eu e ela quiserem. Mas deixo claro que não sou exclusivo de ninguém. Mas a coisa precisa ser aberta e honesta que está funcionando desta maneira. Essa idéia do "eu traio aqui e escondo dela porque se ela trair escondido tá de boa" tem tudo pra dar merda em algum momento.
Luiz_Felipe13
#987961 Eu vejo ste teste principal do tópico de que não devemos nos apegar e nem dar exclusividade porém, isso não significa que devemos trair. Por exemplo:

Você está namorando. Pelo fato de estar namorando, você não deve se afastar das suas amigas por causa da sua namorada. Afinal de contas, caso você fique solteiro, você pode pegá-las sem problema algum. Até por que o fato de você estar4 namorando acaba criando nelas um certo interesse e até uma vontade de disputar para ser melhor do que a sua namorada.

E para o cara que não está namorando, esse artigo nos mostra e nos ensina a não darmos exclusidade a somente uma mulher e nem nos apegarmos a ela e agirmos com um certo egoísmo.

Então vamos ver esse artigo com uma outra ótica, uma outra visão pois traição não é coisa de homem. Um vez eu vi em um livro PUA chamado "Bad Boy Style Life" o seguinte (naõ está com essas pelavras, mas é um resumo):

"Homens que traem mulheres não são machos alfa, mas são moleques que não respeitam o sentimento dos outros. O macho alfa de verdade tem valores, ética, amor próprio e age com respeito."


O que devemos fazer é sermos desapegados e homens de valor. Mas trair, nunca!
Ravok
#988001 Faço minhas palavras o que Fwardkoff e varios outros expôs.

Traição para mim é algo imperdoável e de pessoas sem caráter, que nem mesmo respeitam os sentimentos de seu companheiro. Não leve a mal, minhas opiniões são diferentes da sua, espero que não leve pelo lado pessoal.

Pela sua tese, você separa o "físico" do "sentimental", mas ambos devem ser balanceados numa relação. Na verdade, toda essa discussão, para mim começa a partir de sua criação. Aprendi desde pequeno em ver traição como algo ruim. Vi minha irmã chorar por noites ao saber que foi traída pelo namorado. Alem disso, é comum aqui no puabase encontrar relatos de gente que já foi traído e concluímos que não trás bem algum.

Sabendo que a maioria das pessoas irão ficar mal ao saber de uma traição, qual a finalidade submeter sua companheira a isso? Fazendo outra pergunta, você ficaria numa boa sabendo que sua namorada está saindo com outro cara? Ficaria numa boa em saber que, mesmo esforçando para suprir o que você chama de "sentimental", sua companheira se deixou seduzir por outro?
Aposto que não. Namoro para mim é como um contrato, em que ambos se submetem a ter um relacionamento monogâmico (exceto se for o que chamamos de "relacionamento aberto"), suprindo as necessidades um do outro. Caso não se encontre mais viável o contrato estipulado, rescinde, ou melhor, termina o namoro. Outrora, traição para mim, é como quebra uma clausula de contrato por falta de caráter, por, em tese, disfarçar seus sentimentos por outra pessoa.

E outro, se formos olhar para o lado delas, elas também sentem atração por um cara pinta. Se pararmos para analisar sua teoria, um cara feio que namora sempre será corno, pois sempre terá um homem mais bonito que ele, e pela "atração física", a namorada deste feio sempre será seduzida por um homem mais pinta. Uma coisa que talvez falte nesta teoria é o que chamarei de "razão". No meu primeiro namoro, tive a oportunidade de trair a minha namorada, mas não fiz porque pensei, me pus no lugar dela. "Não faças a ninguém o que não queres que te façam".
É o que chamamos de empatia e que falta no mundo hoje em dia.

Na minha opinião, sua teoria só faz sentido, se tu for desde o inicio do namoro claro com ela quanto a "ficar com outras sem compromisso" e de também aceita "que ela fique com outros sem compromisso" também.

Não quero expor minha moral, ou ser o bonzinho ou romântico, mas se posso de dar um conselho, eu iria falar para dar uma revisada nesta ideia sua ai. Sua teoria pode até de fazer bem para você agora, mas, caso sua namorada descubra, será que você você vai pensar só em ti, mesmo vendo sua mulher sofrendo por sua causa?
Avatar pua
DonPedrosa
#988012 Mano, pra mim oq você escreveu foi tudo uma maneira de não assumir a culpa, você acha que trair é uma coisa natural, mas não é, para mim trair é pior que matar ou roubar, porque quem vai confiar numa pessoa que trai, que não cumpre com as palavras? Relacionamento, não é apenas andar de mãos juntas, você não sabe o conceito de namoro, e pensa antes com a cabeça de baixo do que com a de cima.

Todo mundo sente atração por outras pessoas, mas nem por isso vamos trair, seja honesto com sua mulher, isso é coisa de muleque, se você não consegue controlar seu pau pra fuder com sua namorada, você não merece estar com ela.

Você acha tudo tão natural, até acontecer com você, com pessoas que você ama.
Avatar pua
Zirconio
#988917 Galera,

Obrigado pelos feedbacks contrários. De verdade mesmo. Estamos aqui para discutir, ajudar uns aos outros e melhorar. Não é pra isso que serve o fórum?

Eu gostaria de destacar aqui dois comentários:

Micheluccio.ptk escreveu:Assim como frisado no tópico, este é um assunto polêmico. Traição é algo que a sociedade historicamente julga como extremamante errado, e não há como não levar em consideração este julgamento, visto que você é um ser social que é moldado pelos pensamento que foram ensinados a você. Fato é que durante sua vida você pode e deve analisar tais pensamento, a fim de criar sua própria opinião sobre eles.


Concordo plenamente que somos moldados por aquilo que nos foi ensinado. De modo geral, os exemplos masculinos que tive durante a vida traiam suas namoradas/esposas.

Como vocês todos, eu considerava aquilo errado. Mas ao mesmo tempo, via uma situação controversa: as mulheres (que algum dia já foram traídas) eram coniventes com a traição por parte de outros homens, inclusive, já vi casos de uma irmã acobertar a traição do irmão.

Reitero, só quando me vi nessa mesma situação repensei meus conceitos.

KimXD escreveu:É com esse mesmo relativismo moral que as feministas conseguiram foder com o mundo ocidental... é exatamente por causa do relativismo moral que hoje em dia dificilmente você consegue achar uma mulher minimamente decente, você parece uma putinha feminista que trai o marido escrevendo um texto para aliviar sua culpa e inventar lógicas "corretas" em cima de coisas erradas, nem mesmo você acredita no que você escreve, se acreditasse já teria falado isso para sua namorada para ela poder transar com outros homens, afinal é só sexo, só carnal, você não ligaria né? mas obviamente não fez pq não quer passar pelo mesmo, se você não acredita que pode ter um relacionamento minimamente decente por ambas as partes simplesmente não namore, fique solteiro e coma quantas quiser ou ao menos que seja algo combinado com ela.


KimXD, acho que vc encontrou o termo. "Relativismo moral".

Caras, depois de refletir um pouco, vi que na verdade, eu estava tirando proveito de uma situação: mesmo em um relacionamento aberto, ela não ficaria com outro, tamanha a devoção dela por mim.

Essa semana eu percebi que apesar desse meu conceito de traição, me doi a possibilidade de ferir os sentimentos dela. Esse, de fato, é um fardo que não dá pra carregar. As coisas andam meio nebulosas nos últimos dias.

E KimXD, não odeie as feministas, transe com elas ;)

Mais uma vez, obrigado a todos.

Há braços,
Zirc.