Assuntos não relacionados ao tema principal do fórum.
Avatar pua
Malhador2

Aprendiz

#1031947 Ola amigo,

Já passei por algo parecido com minha ex mulher.

Sou estudante de Direito e posso afirmar que da para condenar o cara sim.

Ela pode ir ao consultorio dele com uma camera escondida e grava uma conversa que ele se revele. E após a denuncia com certeza aparecerão mais vitimas que estão com medo de denunciar.

Porém sua namorada é fragil, não sei se teria psicologico para efetuar a gravação.

Ele deve ser também denunciado além da justiça no conselho de psicologia.

O ideal é não se sujar batendo nele ou fazendo algo pior, pois no caso você quem será preso e ele continuará se aproveitando de pessoas frágeis.

Pelo histórico da sua namorada provavelmente ela sofreu abuso na infancia. Oque explica o comportamente depressivo dela e essa situação abusiva da qual o psicologo se aproveitou.

Se quiser conversar mais pode me mandar uma msg privada.

Tome cuildado pois aparentemente ela parece ter tendencia ao suicido. Deve lidar com muita calma com sua namorada pois pelo que vejo é uma pessoa sofrida.

Força

Abração
Avatar pua
DrigoJaeger

Aprendiz

#1031957 Meu caro, que história de vida a sua.
Muito legal ver que, apesar de tudo, você a compreendeu e ficou ao lado dela em todos os momentos. Isso é honrado e com toda certeza ela sabe disso.

Pois bem, realmente é muito complicado. Eu também já passei por situações extremas na minha família e posso dizer que a angústia de não poder fazer nada é muito grande. Apenas tome MUITO cuidado para não transformar a angústia em ódio. Sei como é isso..
Eu não sou nenhum especialista nisso, então estou longe de te dar qualquer conselho sobre o assunto. Eu vejo que é uma situação muito delicada, ainda mais pelo estado em que sua namorada se encontra. Acredito que não é uma boa ideia expô-la em outra situações do tipo "isca" para pegar o cara. Não acho que valha esse cargo e responsabilidade emocional sobre ela.

O que posso te dizer é que tem que ter um certo cuidado (resguardo) de pessoas desse tipo, pois não se sabe do que são capazes. Um confronto direto está longe de ser a melhor alternativa para vocês. Entretanto, não significa que tenha de deixa-lo impune.
Esse tipo de situação, deixa alguns rastros e algo desse tipo pode ser decisivo. Uma mensagem, uma ligação gravada, uma tentativa de contato extraprofissional (visitas, encontros e etc) pode, muitas vezes, ser um ponto de partida para os órgãos competentes iniciarem uma investigação mais aprofundada. Sendo assim, eles manterão todo o sigilo e segurança de vocês, entende? Mas não tome isso por conta própria ou poderá sofrer alguma retaliação.

Eu acho que posso compreender parte da sua dor. Sei um pouco o que está sentindo pois já passei por uma situação semelhante. Não há nada mais asqueroso e imundo do que esse tipo de ser humano, que eu prefiro chamar de animal e trancar dentro de uma jaula.

Deixo aqui minha admiração pela sua atitude em se manter ao lado dela durante todo esse caminho, mesmo sendo um casal jovem. Isso faz muita diferença na vida das pessoas, acredite.

Um abrç
Força meu caro
Jäger
Avatar pua
Opqf

PUA Avançado

#1031962 Olha, eu reli a história com atenção e uma coisa me ficou curiosa pra cacete.

Convido todos vocês a relerem alguns pontos do que o autor levantou.


"Minha namorada levou o cachorro no veterinário sozinha para ver um remédio para uma ferida que apareceu. Então o veterinário disse que tinha que fazer uma inspeção nela para ver se não tinha nada. Passou a mão nela inteira, inclusive dentro da calcinha, nos peitos, em tudo. Ela contou para a mãe e a mulher disse que a culpa era dela, por ter ido de short. Me poupe."

Tem alguma coisa errada nessa história e estou vendo que a sua namorada tem de vítima é absolutamente NADA. Como um veterinário vai fazer uma coisa dessas, sabendo que há uma certa incompatibilidade genética entre a espécie humana e canina?

Ué, o veterinário também é um estuprador? TAMBÉM? Não.

Alguém está mentindo na história. E agora suspeito é de sua namorada, que pode estar te manipulando de tal forma com essas histórias simplesmente mirabolantes que, chegam a ser interessantes! Porra, chega a ser intrigante isso. Ué, tanto o Psicanalista como o Veterinário são estupradores? É como dizem: "Tem caroço nesse angú parceiro!"

Velho, atente MUITO as expressões corporais dela. Sinceramente. Perceba no contato visual, se ela coça alguma parte do corpo, se ela fica travada ao dizer isso, se o movimento corporal é congruente, se a cabeça nega o que ela diz e se o movimento dos olhos são congruentes com o que ela diz, e isso você vê na PNL.

Me desculpa meu chapa, mas ela pode estar MENTINDO a você de um jeito tão cruel, que chega a ser insano se ela realmente tiver fazendo isso. Fique atento!

Abraços.
kbza - MEMBRO EXCLUSIVO
#1031967
Opqf escreveu:Olha, eu reli a história com atenção e uma coisa me ficou curiosa pra cacete.

Convido todos vocês a relerem alguns pontos do que o autor levantou.


"Minha namorada levou o cachorro no veterinário sozinha para ver um remédio para uma ferida que apareceu. Então o veterinário disse que tinha que fazer uma inspeção nela para ver se não tinha nada. Passou a mão nela inteira, inclusive dentro da calcinha, nos peitos, em tudo. Ela contou para a mãe e a mulher disse que a culpa era dela, por ter ido de short. Me poupe."

Tem alguma coisa errada nessa história e estou vendo que a sua namorada tem de vítima é absolutamente NADA. Como um veterinário vai fazer uma coisa dessas, sabendo que há uma certa incompatibilidade genética entre a espécie humana e canina?

Ué, o veterinário também é um estuprador? TAMBÉM? Não.

Alguém está mentindo na história. E agora suspeito é de sua namorada, que pode estar te manipulando de tal forma com essas histórias simplesmente mirabolantes que, chegam a ser interessantes! Porra, chega a ser intrigante isso. Ué, tanto o Psicanalista como o Veterinário são estupradores? É como dizem: "Tem caroço nesse angú parceiro!"

Velho, atente MUITO as expressões corporais dela. Sinceramente. Perceba no contato visual, se ela coça alguma parte do corpo, se ela fica travada ao dizer isso, se o movimento corporal é congruente, se a cabeça nega o que ela diz e se o movimento dos olhos são congruentes com o que ela diz, e isso você vê na PNL.

Me desculpa meu chapa, mas ela pode estar MENTINDO a você de um jeito tão cruel, que chega a ser insano se ela realmente tiver fazendo isso. Fique atento!

Abraços.


Você se adiantou no que eu ia dizer... Ou pelo em parte do que eu ia falar...

GRibeiro, eu entendo toda sua revolta, e sei que você deve estar carregado de sentimentos negativos em relação ao médico que tratou sua namorada, MAS até onde eu entendi, a ÚNICA versão que você tem é a DELA. E sinceramente, pra uma pessoa instável (como você falou que ela é), é MUITO POUCO...

Eu entendo que pode ser incrivelmente verossímil o que te fala, mas verossímilhança não é a verdade. A palavra dela apenas não deve te levar a crer tão fielmente no que ela fala. Como o Oqpf falou, você tem que se ater a verificar se ela diz ou não a verdade pela postura dela. Não só isso, confronte informações, antes de confiar apenas na versão dela. Não digo para questionar o psicanalista, mas você pode questionar amigas, familiares e outras pessoas do convívio dela para confirmar ou não os fatos que ela alega. Se não for possível, pelo menos confirmar atitudes que demonstrem que ela fala a verdade: "como estar sempre nervosa e culpada, por exemplo!". Só isso já vai te dar uma visão bem mais abrangente de todo o caso...

Eu digo isso, pois para mim essa história tem MUITAS falhas... E mesmo que ela esteja falando a verdade, será que ela não iria terminar a relação com você caso fosse para ela ficar melhor? Pensa bem, o médico botou todas as culpas dela como responsabilidade sua, e ela se livrou de você. Mesmo na história dela, ela agiu de forma cruel, visto que foi você em primeiro lugar que procurou tratamento pra ela.

E antes de condenar o terapeuta por tudo que acontece, distribua as responsabilidades corretamente. Ao que parece, você deseja voltar com ela, e está ignorando a participação dela nisso tudo.

Espero, sinceramente, que consiga esclarecer as coisas.

Boa sorte e um abraço
Avatar pua
Opqf

PUA Avançado

#1031968
kbza escreveu:
Opqf escreveu:Olha, eu reli a história com atenção e uma coisa me ficou curiosa pra cacete.

Convido todos vocês a relerem alguns pontos do que o autor levantou.


"Minha namorada levou o cachorro no veterinário sozinha para ver um remédio para uma ferida que apareceu. Então o veterinário disse que tinha que fazer uma inspeção nela para ver se não tinha nada. Passou a mão nela inteira, inclusive dentro da calcinha, nos peitos, em tudo. Ela contou para a mãe e a mulher disse que a culpa era dela, por ter ido de short. Me poupe."

Tem alguma coisa errada nessa história e estou vendo que a sua namorada tem de vítima é absolutamente NADA. Como um veterinário vai fazer uma coisa dessas, sabendo que há uma certa incompatibilidade genética entre a espécie humana e canina?

Ué, o veterinário também é um estuprador? TAMBÉM? Não.

Alguém está mentindo na história. E agora suspeito é de sua namorada, que pode estar te manipulando de tal forma com essas histórias simplesmente mirabolantes que, chegam a ser interessantes! Porra, chega a ser intrigante isso. Ué, tanto o Psicanalista como o Veterinário são estupradores? É como dizem: "Tem caroço nesse angú parceiro!"

Velho, atente MUITO as expressões corporais dela. Sinceramente. Perceba no contato visual, se ela coça alguma parte do corpo, se ela fica travada ao dizer isso, se o movimento corporal é congruente, se a cabeça nega o que ela diz e se o movimento dos olhos são congruentes com o que ela diz, e isso você vê na PNL.

Me desculpa meu chapa, mas ela pode estar MENTINDO a você de um jeito tão cruel, que chega a ser insano se ela realmente tiver fazendo isso. Fique atento!

Abraços.


Você se adiantou no que eu ia dizer... Ou pelo em parte do que eu ia falar...

GRibeiro, eu entendo toda sua revolta, e sei que você deve estar carregado de sentimentos negativos em relação ao médico que tratou sua namorada, MAS até onde eu entendi, a ÚNICA versão que você tem é a DELA. E sinceramente, pra uma pessoa instável (como você falou que ela é), é MUITO POUCO...

Eu entendo que pode ser incrivelmente verossímil o que te fala, mas verossímilhança não é a verdade. A palavra dela apenas não deve te levar a crer tão fielmente no que ela fala. Como o Oqpf falou, você tem que se ater a verificar se ela diz ou não a verdade pela postura dela. Não só isso, confronte informações, antes de confiar apenas na versão dela. Não digo para questionar o psicanalista, mas você pode questionar amigas, familiares e outras pessoas do convívio dela para confirmar ou não os fatos que ela alega. Se não for possível, pelo menos confirmar atitudes que demonstrem que ela fala a verdade: "como estar sempre nervosa e culpada, por exemplo!". Só isso já vai te dar uma visão bem mais abrangente de todo o caso...

Eu digo isso, pois para mim essa história tem MUITAS falhas... E mesmo que ela esteja falando a verdade, será que ela não iria terminar a relação com você caso fosse para ela ficar melhor? Pensa bem, o médico botou todas as culpas dela como responsabilidade sua, e ela se livrou de você. Mesmo na história dela, ela agiu de forma cruel, visto que foi você em primeiro lugar que procurou tratamento pra ela.

E antes de condenar o terapeuta por tudo que acontece, distribua as responsabilidades corretamente. Ao que parece, você deseja voltar com ela, e está ignorando a participação dela nisso tudo.

Espero, sinceramente, que consiga esclarecer as coisas.

Boa sorte e um abraço


kbza, presta bem atenção na história sobre o veterinário. Como que um veterinário vai pedir uma porra dessas como examinar o corpo da mulher? Veterinário cuida de pessoas agora, é? Coisa de doido isso. Essa história aí é a pior. Tem muitas falhas mesmo.
Avatar pua
Hórus

Aprendiz

#1031969 Eu estou indignado com a sua história, e digo que isso NÃO PODE passar impune, nem que eu demorasse a vida inteira não deixaria esse filha da puta se safar, planeje algo, você tem alguma amiga bonita? combine com ela, provavelmente ele faz isso com todas, ela pode ir a uma consulta e deixar o celular gravando, eu entendo a sua raiva, me da vontade de juntar um pessoal e espancar esse canalha na porta da casa dele, cara, não deixe isso ficar impune, não faça nenhuma besteira, mas não deixe que ele escape ileso.
E mesmo que ele não vá preso por transar com ela, com certeza ele seria demitido e perderia o diploma por dormir com uma paciente, é anti-ético. Vocês podem fazer uma denuncia anomima, ele nunca vai saber quem foi se ele fez isso com várias.
Avatar pua
K!ng

Aprendiz

#1031974 Caraca mano, que foda.
Fiquei put# por você, dá vontade de ir na casa de um "cara" desse e dar uma lição, dá vontade.
Eu ficaria sem chão assim como ela e você ficou.
Não sei te dizer o que fazer, situação muito complicada.
No mais, sucesso parceiro!

Criador do tópico

GRibeiro

Aprendiz

#1031984
Opqf escreveu:
kbza escreveu:
Opqf escreveu:Olha, eu reli a história com atenção e uma coisa me ficou curiosa pra cacete.

Convido todos vocês a relerem alguns pontos do que o autor levantou.


"Minha namorada levou o cachorro no veterinário sozinha para ver um remédio para uma ferida que apareceu. Então o veterinário disse que tinha que fazer uma inspeção nela para ver se não tinha nada. Passou a mão nela inteira, inclusive dentro da calcinha, nos peitos, em tudo. Ela contou para a mãe e a mulher disse que a culpa era dela, por ter ido de short. Me poupe."

Tem alguma coisa errada nessa história e estou vendo que a sua namorada tem de vítima é absolutamente NADA. Como um veterinário vai fazer uma coisa dessas, sabendo que há uma certa incompatibilidade genética entre a espécie humana e canina?

Ué, o veterinário também é um estuprador? TAMBÉM? Não.

Alguém está mentindo na história. E agora suspeito é de sua namorada, que pode estar te manipulando de tal forma com essas histórias simplesmente mirabolantes que, chegam a ser interessantes! Porra, chega a ser intrigante isso. Ué, tanto o Psicanalista como o Veterinário são estupradores? É como dizem: "Tem caroço nesse angú parceiro!"

Velho, atente MUITO as expressões corporais dela. Sinceramente. Perceba no contato visual, se ela coça alguma parte do corpo, se ela fica travada ao dizer isso, se o movimento corporal é congruente, se a cabeça nega o que ela diz e se o movimento dos olhos são congruentes com o que ela diz, e isso você vê na PNL.

Me desculpa meu chapa, mas ela pode estar MENTINDO a você de um jeito tão cruel, que chega a ser insano se ela realmente tiver fazendo isso. Fique atento!

Abraços.


Você se adiantou no que eu ia dizer... Ou pelo em parte do que eu ia falar...

GRibeiro, eu entendo toda sua revolta, e sei que você deve estar carregado de sentimentos negativos em relação ao médico que tratou sua namorada, MAS até onde eu entendi, a ÚNICA versão que você tem é a DELA. E sinceramente, pra uma pessoa instável (como você falou que ela é), é MUITO POUCO...

Eu entendo que pode ser incrivelmente verossímil o que te fala, mas verossímilhança não é a verdade. A palavra dela apenas não deve te levar a crer tão fielmente no que ela fala. Como o Oqpf falou, você tem que se ater a verificar se ela diz ou não a verdade pela postura dela. Não só isso, confronte informações, antes de confiar apenas na versão dela. Não digo para questionar o psicanalista, mas você pode questionar amigas, familiares e outras pessoas do convívio dela para confirmar ou não os fatos que ela alega. Se não for possível, pelo menos confirmar atitudes que demonstrem que ela fala a verdade: "como estar sempre nervosa e culpada, por exemplo!". Só isso já vai te dar uma visão bem mais abrangente de todo o caso...

Eu digo isso, pois para mim essa história tem MUITAS falhas... E mesmo que ela esteja falando a verdade, será que ela não iria terminar a relação com você caso fosse para ela ficar melhor? Pensa bem, o médico botou todas as culpas dela como responsabilidade sua, e ela se livrou de você. Mesmo na história dela, ela agiu de forma cruel, visto que foi você em primeiro lugar que procurou tratamento pra ela.

E antes de condenar o terapeuta por tudo que acontece, distribua as responsabilidades corretamente. Ao que parece, você deseja voltar com ela, e está ignorando a participação dela nisso tudo.

Espero, sinceramente, que consiga esclarecer as coisas.

Boa sorte e um abraço


kbza, presta bem atenção na história sobre o veterinário. Como que um veterinário vai pedir uma porra dessas como examinar o corpo da mulher? Veterinário cuida de pessoas agora, é? Coisa de doido isso. Essa história aí é a pior. Tem muitas falhas mesmo.


Amigos, esqueci de mencionar que na época ela tinha 11 anos. E essa história ela me contou no primeiro ano de namoro. Me digam outras inconsistências que poderei esclarecer para vocês. Não sou otário a ponto de não investigar a fundo as coisas, eu sei que ela não está mentindo pela BL e pelo histórico dos fatos.
Se acham que eu sou só um cara que está correndo atrás da garota, não é bem assim. Eu sei que ela teve participação no caso, mas não exclui a falta de ética do profissional em questão. Você iria gostar que um cara usasse sessões de terapia para pegar sua mulher/namorada (se é que tem) ou entes queridos? Que fosse sua mãe, irmã ou tia, isso não isenta a responsabilidade do profissional.

O problema é que no país em que vivemos há uma média de um estupro a cada 11 minutos. E grande parte das vezes as pessoas vêem como culpa da mulher. Pode ser em alguns casos, mas temos que observar com neutralidade, analisando os fatos. Ele não forçou ela a fazer nada, ela mesma quem foi atrás dele, nesse ponto vocês estão certos. Mas você acha justo a situação, amigo? Acha justo ele ter de certa forma usado sua profissão para manipular a mulher? Não me venha falar que ela está tentando cair fora porque se arrependeu de ter terminado comigo. Deixem de ser hipócritas. O ponto aqui não é a participação dela na história, ela já se culpa demais por isso, inclusive manteve isso por um tempo em segredo porque considerava sua culpa.
Se vocês leram suficientemente sobre psicologia feminina, sabe muito bem as ferramentas usadas para explorar brechas na mente da mulher. Se vocês sabem o que é criar rapport, "gerar" atração e afins sabem muito bem do que estou falando. O jogo dele foi bem forte, ele se usou das terapias para desenvolver cada vez mais. Aí vocês vem me falar que a mulher tem participação na história? Óbvio que tem, meus caros amigos. Mas o ponto não é esse, é exatamente o oposto.

Eu não vou nem quero discutir sobre quem está certo ou errado, mas houve falta de ética.
busso - MEMBRO EXCLUSIVO
#1031986 Boa noite amigos... li e reli e a história...que o psicanalista errou isso nao se discute ele nao teve ética... mas pera lá...a sua namorada tem depressão mas nao eh nenhuma criança tbem...quando um nao quer dois nao faz..hj foi o psicanalista...amanhã pode ser um amigo proximo...o chefe dela.....o mundo ta cheio de pessoas oportunistas... Será que vale a pena colocar a sua felicidade em pessoa instavel como ela? E outra ...vamos encarar os fatos ela te traiu....mentiu pra vc...ela tem 50% de responsabilidade por tudo que rolou entre eles...e pelo seu relato vc tinha uma postura bem beta.. Ela esta transferindo a culpa pro psicanalista e ai ta saindo por boa na historia....ja pensou se toda mina que vai psicanalista fizesse isso..."se sentiu obrigada a ir pro motel" pera la isso nao existe....
Vc deve se colocar em primeiro lugar...pra mim ela nao eh essa vitima toda nao...eu terminaria essa relação...eh a minha opinião sobre o teu caso , com todo respeito...
Avatar pua
-Coyote

Aprendiz

#1031988 Cara sua história é assustadora. Não sei se posso dizer se passei por coisa parecida,mas já senti esse sentimento que você tá sentindo,pensando sobre isso o dia todo,ao acordar e ao dormir.Bom, acredito que sua namorada está muito doente e você se vê na obrigação de cuidar dela uma vez que percebe que ela ''está sozinha e desamparada no mundo'' e eu também sinto isso com a minha namorada.

Entretanto,você deve sim olhar para a saúde mental dela mas também para a sua. Você tem que se perguntar se está disposto a passar o resto da sua vida com essa dor.Eu por exemplo já estou a exatamente 1 ano convivendo com a maior treta que meu relacionamento sofreu,não desisti da minha namorada,mas convivo diariamente com a sequelas e sofro com elas.Apesar disso,vi que valia a pena continuar meu namoro e principalmente decidi encarar a situação e carregar pela minha vida toda esse sentimento de ódio.E olha, te digo que minha dor nao parece nada perto da sua.

Vamos aos fatos:

1)Sua namorada está muito doente pscicologicamente e fraca emocionalmente,se tornando alvo fáceis pra esse tipo de gente

2) O cara manipulou ela a te ver como o causador dos problemas dela,usou um puta de um ''Boyfriend Destroyer ''pra cima dela

3)O cara fez com que ela sentisse excitação por ele,e ela como estava fraca de cabeça , caiu facilmente

4)Sua namorada fez sexo consensual com ele,e não foi apenas uma vez mas como você mesmo disse,foi um período.

5)Passou a te ver como a razão dos problemas dela e o cara como o salvador quando na verdade foi você que sempre esteve do lado dela

6) Pelo que entendi,me corrija se eu estiver errado, ela manteve essas relações com ele(algumas pelo menos) enquanto vocês namoravam,oque já configura uma traição,e estar fraca de cabeça não é uma desculpa aceitavel pra isso.

7) Ainda não entendi esse papo do veterinário,como ela deixa o cara passar a mão nela e não fala nada?

9)Você se vê no meio de um relacionamento conturbado e marcado por problemas que vão te afetar no futuro mas sente que deve apoiar-la nesse momento.

Resumindo,sua namorada está sim com porblemas emocionais e pscicologicos graves e necessita da sua ajuda e do seu apoio,entretanto, ela nitidamente doente ou não te traiu durante esse tempo da pior forma possivel,mesmo que o pscicanalista tenha sugestionado a mente dela a pensar dessa forma,no fim das coisas ela fez tudo porque queria.

Cabe à você agora a decisao de seguir em frente ou nao, listo pra você duas saídas:

1)Perceber o abismo em que está metendo sua vida,cagar pra tudo e pular fora,cuidar da sua saúde mental e acima de tudo não viver sob constante preocupação de recaidas da parte dela e nem viver com esse sentimento de ódio e rancor,ou seja, terminar

2)Perceber que ela precisa de você nesse momento e que se não for por você ,provavelmente iria tentar até suicidio.Ficar do lado dela, perdoar e fazer o mais dificil: continuar em frente tentando não guardar odio e rancor dela(do cara você sempre vai ter,nao adianta).Amparar ela e seguir em frente com tudo isso,continuar namorando,realmente cuidar dela. O problema é que nesta escolha você também vai ter que aceitar conviver todos os dias com a dor do ocorrido,além de lutar pra manter ela bem pscicologicamente além de você mesmo. Certifique-se também de que ela não pode mais deixar que estas coisas aconteçam com ela;

Enfim,oque vai acontecer daqui em diante entre voces dois só voces sabem,eu particulamente quando ocorreu comigo algo vagamente parecido,tomei a segunda opção,vi que valia a pena seguir em frente e estou ate hoje há mais de um ano tendo um namoro saudável e tranquilo.Mas claro,como eu disse antes, as mágoas ainda existem e até hoje eu não consegui seguir em frente por completo,mas foi uma decisão que eu tomei por mim e por ela,seguir em frente,aceitar toda as dificuldades e mesmo assim permanecer namorando.

Te desejo melhoras pra você e pra sua namorada,se cuidem,esse foi o relato mais dificil que já li aqui

Melhoras ae jovem , fique bem