Assuntos não relacionados ao tema principal do fórum.
Avatar pua
Apollyon

Aprendiz

#1032001 velho arma uma cazinha pra ele , e mostre que o certo é certo e o errado e cobrado !

fiquei revoltado ao ler , entao darei vazao ao meu sentimento de revolta !
penso que esteja com um odio mortal por esse cara , eu faria o seguinte , pediria ela pra marcar um lugar pré estabelecido por mim, onde iria está la esperando ele escondido é claro , e sem perguntar nem nada , daria nele uma surra !
ele iria apanhar tanto que ficaria encamado uns 15 dias !

desculpa o desabafo mano !

a unica coisa que tenho pra lhe oferecer nesse momento é um booa sorte cara !
e tenha força que vai sair dessa !!!!

# FORÇA E HONRA !

ANÚNCIOS

kbza - MEMBRO EXCLUSIVO
#1032004
GRibeiro escreveu:maior angústia que pode sentir na vida.
tudo começou a ficar preto e branco. Sentia uma pontada no peito.
Isso foi como levar uma facada no peito.
foi muito choro no ouvido dela.
extremamente dependente do nosso relacionamento.
É aquele sentimento que sai destruindo você por dentro
fiquei como um vegetal por uns 5 dias. Não comia, mal bebia, tudo que sabia era ficar olhando para o teto


Em primeiro lugar, você acha que alguém nas condições acima é capaz de distinguir a realidade de seus desejos pessoais? Entendo o que você disse, e você se considera uma pessoa perspicaz, mas o caso é que você está ENVOLVIDO, portanto não possui discernimento para julgar, não importa o quão inteligente ou perceptivo você é. Qualquer um no seu lugar teria o discernimento distorcido, e não teria como julgar o ato corretamente, porque esperaria que um resultado que agradasse... E por ver você nessa situação é que estou tentando te alertar.

GRibeiro escreveu:Vocês já leram sobre estupro? Sobre relatos de mulheres estupradas? Eu já. Recomendo que leiam. A maioria aponta que se sentem culpadas pelo ato. Seja pela roupa que estavam usando, seja pelas suas atitudes. A maioria não denuncia com medo da culpa cair sobre elas. E aí no caso da minha namorada, ela não me disse com medo de me perder. Não disse para a mãe dela porque ela com certeza iria colocar a culpa nela, assim como aconteceu uma outra vez. Minha namorada levou o cachorro no veterinário sozinha para ver um remédio para uma ferida que apareceu. Então o veterinário disse que tinha que fazer uma inspeção nela para ver se não tinha nada. Passou a mão nela inteira, inclusive dentro da calcinha, nos peitos, em tudo. Ela contou para a mãe e a mulher disse que a culpa era dela, por ter ido de short. Me poupe.


Cara, você já percebeu que nem a mãe dela deu razão para as alegações dela? Ok, ela pode ser uma mãe relapsa, mas o inverso também pode ser o correto: "ela já conhece a filha, e sabe que ela não é confiável...". Você não estava presente nessa época, nem sabe direito o que aconteceu... E mãe é mãe. Mais uma vez, a versão que você tem é apenas a da sua EX-NAMORADA.

GRibeiro escreveu:Além disso, ela me descreveu como aconteceu tudo. Ela ia no consultório dele e durante as sessões ela ficava excitada sem ele nem mesmo falar sobre sexo. Eu reconheço muito bem essa técnica. Está explícita nos infindáveis livros de sedução e psicologia feminina, como no The Sexual Key que falei no início. O homem estava jogando com minha namorada durante as consultas. E se passaram sessões e mais sessões, até que ele falou que se ela quisesse sair com ele, era pra ligar no celular dele. Mas não podiam ser vistos em público. Ele fazia algumas consultas com ela por telefone, pois geralmente quando ela tinha uma recaída, ligava para ele. Certo dia ela ligou para ele e então falou para não ficar chateada e que ele iria pegar ela na casa dela para eles conversarem. Ele foi na casa dela, pegou ela e levou direto para o motel. Ela ficou sem reação. Se sentiu culpada e que isso tudo era culpa dela, então ela tinha que fazer o que ele propôs. Fizeram sexo no motel.

Não acaba por aí. Ele começou a criar laços e a brincar com ela. O jogo dele estava armado. Depois que ele me tirou da questão, criou uma dependência emocional. E aí todas as vezes que ela se sentia confusa, ligava pra ele e ele se aproveitava da melhor forma possível. Começou a levar ela pra casa dele. Ele fazia como se ela fosse a culpada por tudo e que ela tinha que fazer tudo simplesmente porque era culpa dela.


Se você prestar bem atenção ao que disse anteriormente, ele deixou BEM CLARO qual era a intenção dele... E ela não criou nenhum obstáculo para evitar... Pelo contrário, ligava pra ele. E quando estava no motel fez sexo, porque SE SENTIR CULPADA? E mesmo se sentindo culpada voltou a fazer sexo com ele repetidas vezes, NA CASA DELE, por SE SENTIR CULPADA?

Se você me dissesse que uma vez isso ocorreu, até era possível de acreditar... Agora repetidas vezes... Difícil cara. Só alguém que quer MUITO ACREDITAR nisso pra se levar por essa história.

Além do mais, se você pensar bem, dois médicos atendiam ela (ainda que não TODAS as vezes). Se os dois atendiam, o comportamento seria notado pelo psiquiatra que acompanhava... Ele seria conivente? Ele também teria transado com sua EX? Ou o terapeuta iria mudar o comportamente (e sua namorada já deveria ficar desconfiada disso). Além do mais, a mãe da garota não iria notar o comportamento do cara? Tudo bem, você diz que ela não se abre com a mãe... Mas não se abre com mais ninguém?

Nesse caso em particular, eu iria forçar ela a falar para a mãe o ocorrido (NA MINHA PRESENÇA), e iria analisar a reação da mãe... Se a garota tem outros problemas (além da depressão), fica mais fácil de verificar, principalmente na reação da mãe.

GRibeiro escreveu:Ela me contou isso faz dois dias. Mas não tem mais nada que possamos fazer. Não tem provas de que ele fez isso e mesmo se tivesse, ela não iria prestar queixa porque isso iria expor sua situação. E aí o cara está saindo ileso. O homem tem 58 anos e ela 19. Ele resolveu o caso de depressão dela, mas causou outros problemas. Ela me mostrou suas costas, estavam cortadas com faca para todo lado. Ela não sabia o que fazer, ficava nervosa e se cortava. Estava a beira do suicídio só para fugir desse situação.


Cortes de faca não denunciam nada além de que ela tem problemas. O fato de ela não se expor deixa a situação ainda mais estranha: Não fala pra mãe, não fala pra polícia... E outra, onde estão as provas? Mensagens de texto, comprovação dos telefonemas, presentes, ou qualquer outra recordação que ela possa ter guardado... SEMPRE fica algum rastro. Em último caso, quando uma mulher se envolve com qualquer cara, ao menos UMA AMIGA fica sabendo. Tem alguma amiga que confirme as alegações dela?

Ao que parece, ela está agindo desesperadamente, pra te dar uma desculpa (que você quer acreditar), mas nem mesmo a história dela a isenta de culpa. E NÃO, ela NÂO FOI ESTUPRADA.

Art. 213. Constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça, a ter conjunção carnal ou a praticar ou permitir que com ele se pratique outro ato libidinoso: (Redação dada pela Lei nº 12.015, de 2009)


Como pode ver, estupro exige constrangimento, mediante violência ou grave ameaça, ela mesma alega ter sido consensual.

Mas o mais importante (e que você ignora, por querer muito essa mulher) é que, sendo verdade ou não o que ELA fala, em nenhum dos casos estar ao lado dela vai melhorar sua vida. Motivo bastante para encerrar esse relacionamento de vez... Fora que eu ACHO que ela falou algo que te deixou com MUITA raiva do cara, pra que você não enxergue a atitude dela. O seu sentimento contra ele apaga a revolta contra ela. Você não se deu conta? É tática de distração, no final, você defende ela, e esquece no que ela errou...

Traição é traição. E esse papo de ética só serve pra você se cegar ainda mais. O FATO É: Ela dormiu CONSENSUALMENTE com outro. PONTO. ACABOU AÍ. Ou fica acreditando nela quando disser que o vetenário passou a mão nela, que o terapeuta a comeu por culpa, a que deu pro vizinho pq ele disse que te viu com outra na rua, etc...

Nunca vi disso, os caras se dizem MESTRES do PUA, "conheço TUDO do PUA", mas continuam a vida toda com MULHERES PROBLEMA, defendendo elas ainda.

Desencana disso e arruma alguém melhor. É o melhor que você faz pra si mesmo.

Abraço
Avatar pua
ThEGoDFatheR

Veterano - nível 6

#1032006 Provavelmente vou ser linchado virtualmente pelo o que eu vou dizer. Mas eu vou mandar a real que muitos aí não querem enxergar.

Sua namorada pode até ter depressão, mas uma coisa que ela tem também é fogo no rabo.

Ela foi no motel porque quis. Você mesmo disse que quando ela estava mal, ligava pra ele. Não vem com essa merda de papinho furado, ora porra.

Eu nunca vi veterinário nenhum fazer esse tipo de coisa. Suponhamos que esse veterinário fosse mesmo um estuprador. Você acha que ele iria se expor assim? Ahn, cara, tira essa porra que tá tapando sua cara e enxerga a realidade, caralho.


E eu vou te mandar mais a real: tem nego que se acha o bom samaritano, a melhor pessoa do mundo, a caridade em pessoa, por ajudar ou compreender a mulher nessa situação.
Filho, para de pegar problema que não é seu. Ela tem depressão. Deu a boceta pro médico no motel. Ficou fria com você. Agora você vem falando que é isso ou aquilo? Se toca, caralho.

Eu queria escrever 500 linhas sobre esse caso, mas fico indignado com isso.
Essa mulher de santinha e vítima não tem nada. Escutem o que eu to falando, caralho.
Avatar pua
ThEGoDFatheR

Veterano - nível 6

#1032009
kbza escreveu:
GRibeiro escreveu:maior angústia que pode sentir na vida.
tudo começou a ficar preto e branco. Sentia uma pontada no peito.
Isso foi como levar uma facada no peito.
foi muito choro no ouvido dela.
extremamente dependente do nosso relacionamento.
É aquele sentimento que sai destruindo você por dentro
fiquei como um vegetal por uns 5 dias. Não comia, mal bebia, tudo que sabia era ficar olhando para o teto


Em primeiro lugar, você acha que alguém nas condições acima é capaz de distinguir a realidade de seus desejos pessoais? Entendo o que você disse, e você se considera uma pessoa perspicaz, mas o caso é que você está ENVOLVIDO, portanto não possui discernimento para julgar, não importa o quão inteligente ou perceptivo você é. Qualquer um no seu lugar teria o discernimento distorcido, e não teria como julgar o ato corretamente, porque esperaria que um resultado que agradasse... E por ver você nessa situação é que estou tentando te alertar.

GRibeiro escreveu:Vocês já leram sobre estupro? Sobre relatos de mulheres estupradas? Eu já. Recomendo que leiam. A maioria aponta que se sentem culpadas pelo ato. Seja pela roupa que estavam usando, seja pelas suas atitudes. A maioria não denuncia com medo da culpa cair sobre elas. E aí no caso da minha namorada, ela não me disse com medo de me perder. Não disse para a mãe dela porque ela com certeza iria colocar a culpa nela, assim como aconteceu uma outra vez. Minha namorada levou o cachorro no veterinário sozinha para ver um remédio para uma ferida que apareceu. Então o veterinário disse que tinha que fazer uma inspeção nela para ver se não tinha nada. Passou a mão nela inteira, inclusive dentro da calcinha, nos peitos, em tudo. Ela contou para a mãe e a mulher disse que a culpa era dela, por ter ido de short. Me poupe.


Cara, você já percebeu que nem a mãe dela deu razão para as alegações dela? Ok, ela pode ser uma mãe relapsa, mas o inverso também pode ser o correto: "ela já conhece a filha, e sabe que ela não é confiável...". Você não estava presente nessa época, nem sabe direito o que aconteceu... E mãe é mãe. Mais uma vez, a versão que você tem é apenas a da sua EX-NAMORADA.

GRibeiro escreveu:Além disso, ela me descreveu como aconteceu tudo. Ela ia no consultório dele e durante as sessões ela ficava excitada sem ele nem mesmo falar sobre sexo. Eu reconheço muito bem essa técnica. Está explícita nos infindáveis livros de sedução e psicologia feminina, como no The Sexual Key que falei no início. O homem estava jogando com minha namorada durante as consultas. E se passaram sessões e mais sessões, até que ele falou que se ela quisesse sair com ele, era pra ligar no celular dele. Mas não podiam ser vistos em público. Ele fazia algumas consultas com ela por telefone, pois geralmente quando ela tinha uma recaída, ligava para ele. Certo dia ela ligou para ele e então falou para não ficar chateada e que ele iria pegar ela na casa dela para eles conversarem. Ele foi na casa dela, pegou ela e levou direto para o motel. Ela ficou sem reação. Se sentiu culpada e que isso tudo era culpa dela, então ela tinha que fazer o que ele propôs. Fizeram sexo no motel.

Não acaba por aí. Ele começou a criar laços e a brincar com ela. O jogo dele estava armado. Depois que ele me tirou da questão, criou uma dependência emocional. E aí todas as vezes que ela se sentia confusa, ligava pra ele e ele se aproveitava da melhor forma possível. Começou a levar ela pra casa dele. Ele fazia como se ela fosse a culpada por tudo e que ela tinha que fazer tudo simplesmente porque era culpa dela.


Se você prestar bem atenção ao que disse anteriormente, ele deixou BEM CLARO qual era a intenção dele... E ela não criou nenhum obstáculo para evitar... Pelo contrário, ligava pra ele. E quando estava no motel fez sexo, porque SE SENTIR CULPADA? E mesmo se sentindo culpada voltou a fazer sexo com ele repetidas vezes, NA CASA DELE, por SE SENTIR CULPADA?

Se você me dissesse que uma vez isso ocorreu, até era possível de acreditar... Agora repetidas vezes... Difícil cara. Só alguém que quer MUITO ACREDITAR nisso pra se levar por essa história.

Além do mais, se você pensar bem, dois médicos atendiam ela (ainda que não TODAS as vezes). Se os dois atendiam, o comportamento seria notado pelo psiquiatra que acompanhava... Ele seria conivente? Ele também teria transado com sua EX? Ou o terapeuta iria mudar o comportamente (e sua namorada já deveria ficar desconfiada disso). Além do mais, a mãe da garota não iria notar o comportamento do cara? Tudo bem, você diz que ela não se abre com a mãe... Mas não se abre com mais ninguém?

Nesse caso em particular, eu iria forçar ela a falar para a mãe o ocorrido (NA MINHA PRESENÇA), e iria analisar a reação da mãe... Se a garota tem outros problemas (além da depressão), fica mais fácil de verificar, principalmente na reação da mãe.

GRibeiro escreveu:Ela me contou isso faz dois dias. Mas não tem mais nada que possamos fazer. Não tem provas de que ele fez isso e mesmo se tivesse, ela não iria prestar queixa porque isso iria expor sua situação. E aí o cara está saindo ileso. O homem tem 58 anos e ela 19. Ele resolveu o caso de depressão dela, mas causou outros problemas. Ela me mostrou suas costas, estavam cortadas com faca para todo lado. Ela não sabia o que fazer, ficava nervosa e se cortava. Estava a beira do suicídio só para fugir desse situação.


Cortes de faca não denunciam nada além de que ela tem problemas. O fato de ela não se expor deixa a situação ainda mais estranha: Não fala pra mãe, não fala pra polícia... E outra, onde estão as provas? Mensagens de texto, comprovação dos telefonemas, presentes, ou qualquer outra recordação que ela possa ter guardado... SEMPRE fica algum rastro. Em último caso, quando uma mulher se envolve com qualquer cara, ao menos UMA AMIGA fica sabendo. Tem alguma amiga que confirme as alegações dela?

Ao que parece, ela está agindo desesperadamente, pra te dar uma desculpa (que você quer acreditar), mas nem mesmo a história dela a isenta de culpa. E NÃO, ela NÂO FOI ESTUPRADA.

Art. 213. Constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça, a ter conjunção carnal ou a praticar ou permitir que com ele se pratique outro ato libidinoso: (Redação dada pela Lei nº 12.015, de 2009)


Como pode ver, estupro exige constrangimento, mediante violência ou grave ameaça, ela mesma alega ter sido consensual.

Mas o mais importante (e que você ignora, por querer muito essa mulher) é que, sendo verdade ou não o que ELA fala, em nenhum dos casos estar ao lado dela vai melhorar sua vida. Motivo bastante para encerrar esse relacionamento de vez... Fora que eu ACHO que ela falou algo que te deixou com MUITA raiva do cara, pra que você não enxergue a atitude dela. O seu sentimento contra ele apaga a revolta contra ela. Você não se deu conta? É tática de distração, no final, você defende ela, e esquece no que ela errou...

Traição é traição. E esse papo de ética só serve pra você se cegar ainda mais. O FATO É: Ela dormiu CONSENSUALMENTE com outro. PONTO. ACABOU AÍ. Ou fica acreditando nela quando disser que o vetenário passou a mão nela, que o terapeuta a comeu por culpa, a que deu pro vizinho pq ele disse que te viu com outra na rua, etc...

Nunca vi disso, os caras se dizem MESTRES do PUA, "conheço TUDO do PUA", mas continuam a vida toda com MULHERES PROBLEMA, defendendo elas ainda.

Desencana disso e arruma alguém melhor. É o melhor que você faz pra si mesmo.

Abraço


Depois disso, podem fechar esse tópico.
Excelente texto.
Avatar pua
Opqf

PUA Avançado

#1032010 Como bem disse o kbza. Tem algo de errado demais nessa história.

Como o kbza bem relatou. Até a própria mãe não acredita nas versões dela, porque provavelmente ela sabe do comportamento depressivo manipulador que ela possui. Ela provavelmente descobriu que o seu ponto fraco é querer testar o seu nível de ciúmes que tem dela, e é uma forma dela te controlar. Mexeu no teu psicológico legal. Por isso eu digo a vocês uma coisa importante caras:

BUSQUEM SUA INTELIGÊNCIA EMOCIONAL


Para evitar situações como essas, de pessoas que claramente manipulam as outras e você não se sente emocionalmente preparado para lidar com isso com completa razão, trabalhando só com a emoção do momento.

Ela deu pra ele porque ela QUIS, simplesmente isso. Num padrão hipnótico a pessoa, por mais suscetível que seja, ela está PLENAMENTE CONSCIENTE a respeito disso, e faz por pura consciência dos seus atos. Não é necessariamente transformar ela num zumbi, até porque para alcançar um estado assim é algo complicadíssimo.

Enfim, pra mim ela está mentindo sim e tem algo muito estranho nessa história, queira você concorde comigo ou não GRibeiro. Estou querendo abrir o seu olho. Fique atento!


Abraços.
Avatar pua
Malhador2

Aprendiz

#1032024
busso escreveu:Boa noite amigos... li e reli e a história...que o psicanalista errou isso nao se discute ele nao teve ética... mas pera lá...a sua namorada tem depressão mas nao eh nenhuma criança tbem...quando um nao quer dois nao faz..hj foi o psicanalista...amanhã pode ser um amigo proximo...o chefe dela.....o mundo ta cheio de pessoas oportunistas... Será que vale a pena colocar a sua felicidade em pessoa instavel como ela? E outra ...vamos encarar os fatos ela te traiu....mentiu pra vc...ela tem 50% de responsabilidade por tudo que rolou entre eles...e pelo seu relato vc tinha uma postura bem beta.. Ela esta transferindo a culpa pro psicanalista e ai ta saindo por boa na historia....ja pensou se toda mina que vai psicanalista fizesse isso..."se sentiu obrigada a ir pro motel" pera la isso nao existe....
Vc deve se colocar em primeiro lugar...pra mim ela nao eh essa vitima toda nao...eu terminaria essa relação...eh a minha opinião sobre o teu caso , com todo respeito...


Caro amigo, pessoas que tem probelmas psicologicos devido a problemas de abuso na infancia, se tornam alvos faceis desse tipo de coisa, mesmo não querendo acabam aceitando esse "tipo de abuso concentido", pois tem dificuldades e reagir a esses tipos de situações novamente. Inclusive em casos de pessoas Bipolares ou com sindrome de borderline.
Antes de eu estudar o assunto pensanva como você. Mas não é tão simples assim.
Neste caso ela realmente foi induzida pelo psicologo.
Ele confirmou o abuso na infancia dela por parte do veterinário. Quando ela tinha 11 anos.

No caso dela recomendo ela deve ser tratada por uma psicologa mulher para melhorar deste novo trauma.

Adimiro seu cuidado pela sua namorada. Pois não é qualquer um que ficaria ao lado dela neste momento. Mostra carater da sua parte.
kingow

Veterano - nível 8

#1032050 Há textos excelentes em relação ao acontecido, e pontos importantíssimos para uma boa reflexão, eu li ambas as partes, de um lado eu vejo que colocam a garota como vítima, e do outro, ela é culpada.

Pois bem, eis minha resposta e meu pensamento:
Em primeiro lugar, é preciso lembrar que ELA QUEM TROUXE A HISTÓRIA À TONA, alguém que tem a mentalidade de trair não vai expor os acontecimentos de tal forma, ela se abriu de tal forma que ela confiou tudo ao rapaz, ela não exitou em esconder fatos como (ela ter ligado, ela ter transado, etc), alguém que realmente é culpado logicamente vai esconder tais fatos, se fosse apenas pra fisgar o rapaz de volta ela só precisava ter contado a história do começo e pronto, mas ela preferiu ser verdadeira e confiar, é louvável e ponto pra ela.

Eu nunca estudei psicologia, hipnose, lavagem cerebral ou coisa do tipo, mas posso ter beirado cada um destes assuntos, eu sou uma pessoa bastante curiosa, e pelo que eu pesquisei psicologia não é brincadeira... um trauma na infância, um estado emocional frágil e N outras coisas que podem influenciar uma pessoa a fazer ou aceitar algo é enorme, e isso não tem nada haver com caráter.

Mas, uma coisa é certa... ela precisa de ajuda, e por favor né gente, a garota sofreu sim assédio sexual, o "profissional" em questão entrou na mente dela, se manteve na mente dela, não estamos falando de um moleque qualquer que lê um livrinho em 1 dia e já sai aplicando técnicas PNL, não!!! Estamos falando de um homem de 54 anos que estudou a mente humana a vida TODA e que induziu um paciente a ter HORAS EXTRAS por TELEFONE e a levou no MOTEL, agora vamos somar, PSICÓLOGO+ANTI-PROFISSIONAL+CAFAJESTE+TRAIDOR+FDP = COMEDOR DE BUCETAS!!!

Nós como PUAs, pessoas que entendem de sedução e coisas como conforto, confiança, segurança, atração, conexão, já temos um pré entendimento do que aconteceu naquela sala, afinal, a garota tava com problemas e foi se consultar com o Dr, e esse Dr, tem a vantagem universal da segurança e da confiança, ele só precisou aplicar o Boyfriend Destroyer na garota, e praticamente "desconectou" a garota do namorado, deixou-a sozinha, daí somou segurança, confiança com conexão + atração e ele teve a formula correta pra conseguir o que ele queria, e conseguiu... detalhe: a forma como ele fez tudo, pareceu um plano já arquitetado, coisa de quem entende do assunto, então... JÁ VIU NÉ!

É por isso que EU SOU CONTRA PUA QUE DÁ EM CIMA DE MULHER COMPROMETIDA, por mais fiel que a mulher seja ao seu companheiro, dependendo do jogo do PUA, e sabemos que ele consegue, ele poderá desequilibrar a harmonia no relacionamento da mulher, e isso vai ser fatal, vai destruir completamente a vida de duas pessoas APENAS POR UMA AVENTURA! Gente, a atração não é uma escolha, mas atrair é, então tenham consciência!!!

E quanto ao caso aí, vale ressaltar que é importantíssimo que o autor veja todos os pontos que foram ressaltados aqui no tópico, mas que siga o seu instinto, o seu querer, melhor do que qualquer um aqui, só você E NÃO TEM NADA HAVER COM PAIXONITE, lá no fundo SÓ VOCÊ tem a resposta, afinal, dentre todos aqui APENAS VOCÊ conhece a garota, então conhecendo ela e conhecendo a si mesmo use o seu racional, PENSE COM A RAZÃO e NÃO COM A EMOÇÃO, e aí você chegará a uma resposta quanto ao que ela é e o que ela sente por ti.

E eu reforço, ajude a garota nesse momento, ela precisa.
busso - MEMBRO EXCLUSIVO
#1032052 Na boa manow, o psicoterapeuta fez um favor pra vc's dois, enxergue a verdade!! Ele curou ela da depre, e ainda de quebra te livrou de mulher infiel, ruim para relacionamento, mostrou a verdade p/ ti... Não vai na onda desses caras de querer agredir o cara...
Concordo plenamente com KBZA.....ela nao foi estrupada coisa nenhuma..A mina procurava o cara...ligava pra ele... cara é ele é um velhao de 58 anos hahaha...aceita que dói menos....Toca a vida meu irmão...se livra dessa bagagem emocional....dexa essa mina pra que é a maior furada....não va na onda desses caras ...que vc tem que ficar do lado dela agora....vai ser o maior ato de cornisse na vida....Pensa em vc manow...tem a vida toda pela frente...VALE A PENA TODA ESSA MASTURBAÇÂO EMOCIONAL AI?
Avatar pua
Lordi - MEMBRO EXCLUSIVO
#1032058 Tenho uma dica, mande ela procurar uma psicologa "MULHER" e começar um novo tratamento, te garanto que irá melhorar .... Já fiz psicologia e sei como é, muitos usam a persuasão para mudar as atitudes e o modo de pensar das pessoas, mas esse psicanalista ai usou da manipulação, pois so queria o beneficio proprio e acabar com teu relacionamento. Agora uma coisa se tem que refletir, sera que vale a pena reerguer um relacionamento por uma mulher que ocultou os fatos, para suprir seus desejos "proibidos" ?? ............ REFLITA :ae