Área exclusiva para artigos e debates focado a pessoas que estão namorando.
De tudo para saber como AGIR no namoro.

Criador do tópico

johnabruzzi

Aprendiz

#916101 Boa noite, caros amigos.

A história é longa, portanto, tentarei ser o mais objetivo possível.

Ela tem 23, e eu, 21 anos.

Estamos namorando há cerca de um ano e meio.

Desde a infância, minha namorada sofreu diversos problemas psicológicos (TOC / TDAH / DEPRESSÃO) , passíveis de tratamento psiquiátrico e acompanhamento permanente. Infelizmente, ela NUNCA recebeu este acompanhamento.

A MÃE = COMPLETAMENTE bitolada em religão, espiritismo, e todo tipo de seita oculta que se possa imaginar.
Sempre procurou "tratamentos" espirituais e homeopáticos, ao invés da medicina. Enfim.... A bomba estava criada, e a merda, crescendo a cada dia...

O PAI = Sem voz / absolutamente omisso e desinteressado. É como se nunca tivesse existido, apesar de residir na mesma casa. (sempre foi assim) Na minha opinião, existem traços claros de uma sociopatia nesse indivíduo.

- OCUPAÇÃO DA NAMORADA: Estuda, não trabalha, mora com os pais, 100% desmotivada.

- MINHA OCUPAÇÃO: Estudo, trabalho com vendas, moro sozinho, pago todas as contas.
Estou lutando ferozmente para atingir a independência financeira, antes dos 30...

- ELA ME COBRA: + lazer, + atenção aos problemas dela, + participação na vida dela + TUDO.

- O QUE ELA PROPORCIONA ? NADA. Mas e a doença ? Devo culpá-la ?

Eu estou literalmente ficando LOUCO. Se eu for tudo aquilo que ela diz, então com certeza, sou um MONSTRO da pior espécie. O problema, é que eu não consigo me ver assim...

Marquei psiquiatria p/ ela, e está tomando as medicações há menos de 30 dias.

Enfim: Há 3 dias ela deixou de falar comigo e não quer que eu a procure.

Está com a cabeça em parafuso, porque não consegue terminar nada do que começa. Projetos, trabalhos, pensamentos no futuro, nada existe para ela.

Parece que também não tem certeza se quer ou não ficar comigo.


Realmente não dá p/ conversar ou ir na casa da namorada. Tenho que ficar distante mesmo...


ALGUÉM JÁ PASSOU POR ISSO ????
FAMILIARES, CASAMENTOS, NAMORO....

Qualquer "luz no fim do túnel" é muito bem vinda !

ANÚNCIOS

Dois

Aprendiz

#916112 Cara sério, não é o tipo de resposta que eu queria te dar e nem a que eu gostaria de receber em uma situação dessa mais não tem muito o que você fazer faça com que ela continue indo ao psiquiatra e tomando os remédios segure a barra até poder se desvencilhar dela só não larga ela de repente porque pode dar problema se ela fizer besteira, não queria dizer isso nem dar esse clima de filme de drama mais tente deixar ela estável e seguir a sua vida. Me desculpe por favor se isso foi rude ou te feriu de alguma forma mais eu acho que ninguém vai dizer isso e isso e essencial que você saiba se voce gosta dela tente ajustar a vida dela antes pelo que você disse ela não vai conseguir fazer isso sozinha, me desculpe novamente se isso te feriu minha intenção e só ajudar ao menos ter uma resposta já que e um assunto muito delicado provavelmente muitos não vão querer falar a respeito, e a respeito do que ela diz de você não de ouvidos ela não esta em condições de fazer julgamentos só a perdoe. Boa sorte e lembre-se tudo e temporário e tente passar por isso da melhor forma pros 2 , nada dura pra sempre nem o pior dos pesadelos.
Desculpe e boa sorte, Better dayz
Avatar pua
Poo

Veterano - nível 7

#916115 Mano, compreendo completamente sua situação. Isso, vai além do "PUA", não é mais aquela coisa: Ah, existem milhões de mulheres no mundo, vou procurar outra. Eu não posso falar, se você deve ou não continuar com ela, mas eu acredito na bondade do ser humano. Tente ajudar ela, ela é uma pessoa com problemas, quem sabe essa ajuda que você está dando a ela, independentemente se continue com ela ou não. Mude toda a vida dela, e a torne outra pessoa, uma pessoa com a alma feliz.
Mas a maior dica que posso te dar, não se prenda a uma relação triste, se você não está bem, não magoe ela, mas faça o que é melhor pra você.
Abraço!
Avatar pua
F.Guerra

Aprendiz

#916117 Cara, eu nao tenho nenhum conselho pra te dar, porém posso usar um relacionamento que eu tive como exemplo, e a partir dele vc pode tirar algum proveito para sua situação. Eu namorava uma moça que tinha uma família completamente desestabilizada (pais separados), o pai era bitolado em religião, a mãe era uma coroa que gostava de curtir (se é que me entende). Com o passar do tempo eu percebi que tinha assumido a responsabilidade de pai dela, sério, eu assumia para mim todos os problemas delas, sem contar que eu tinha que "educa-la", todo mundo via isso e criticava minha postura, diziam que eu nao devia assumir tal responsabilidade, e eu ja estava desgastado desse relacionamento, mas não "conseguia" terminar com ela, pois sempre que eu tentava terminar, ela se cortava, ameaçava se matar, um dia ela quase se jogou na frente de um caminhao! E isso tudo me prendia, mas pra encurtar a história, um dia eu me libertei disso, tomei coragem e terminei, até o pai dela me pediu pra nao terminar, porque ele iria ficar preocupado com ela e tal, mas eu terminei! E hj em dia ela é outra pessoa, ela amadureceu e aparentemente ta se virando muito bem, resumindo o término foi não só bom pra mim, como também foi bom pra ela.
Enfim cara, espero que através dessa minha experiência, vc consiga refletir e aplicar a melhor solução no seu caso concreto! :ae
Dodragao - MEMBRO EXCLUSIVO
#917753 'As vezes devemos ser egoístas e fazermos o melhor para agente'. Não gosto quando tenho de pensar assim, porem na sua situação eu pensaria assim. Existe duas visões uma é a de você entrar de cabeça nessa problema que a sua namorada tem e lutar para que ela saia dele, com isso você irá se abdicar de várias coisas e passar raiva com a família dela e com ela, você irá absorver isso de uma maneira tão forte que pode ser que te afete muito e atrapalhe todo o seu convívio social, mas se for isso que realmente você quer vá em frente. A segunda é ser 'egoísta' e terminar, pois você tem que querer o seu melhor, mas ai só você pode ver qual é a melhor opção.
Avatar pua
[email protected]

PUA EXPERT

#917763 Jovem,

Mesmo sabendo que: trocar de mulher é trocar de problema, posso te aconselhar que procure outro rumo. É óbvio que qualquer mulher nessa vida vai reclamar, e vai te cobrar por atenção, a mesma coisa que ela tá te cobrando hoje. Mas numa boa, vc é novo, tem muito o que viver ainda, não tá num relacionamento saudável, mude. Mude enquanto ainda dá tempo, principalmente se observar que não tem mais o que fazer!

O que não te faz terminar é o costume. Sim, vc tá acostumado. Mas isso é normal, é tua zona de conforto falando por ti.

Sucesso,

[email protected]
Avatar pua
Barristan

Aprendiz

#917771 Eu fico com uma garota que tem depressão, ansiedade, sindrome do pânico e mil outros problemas.

Depressão não é um estado de humor, é uma doença.

Você já sabe como é o esquema, você acha uma bomba relógio em mãos, que se puxar o fio errado vai tudo por água abaixo. Mas não é nada disso, não importa o quanto você vai se esforçar, raras serão as ocasiões que ela vai se encontrar feliz.

Algumas dicas, algumas delas a própria garota que eu fico deu a entender.

• Viva a sua vida. Não deixe de sair, de se divertir e de ver seus amigos. É importante você estar feliz em primeiro lugar, essa aura já ajuda bastante.
• Não fique tentando resolver o problema, não seja a pessoa que toca nas feridas, isso cabe a um profissional da área.
• Dê espaço, muito espaço mesmo. Se ela não quer falar com você, não fique atrás.

É isso meu querido, não crie expectativas! Viva sua vida normalmente e não tente mergulhar nesse poço!