Assuntos não relacionados ao tema principal do fórum.

Criador do tópico

CMaster

Aprendiz

#967908 Era apenas um desejo
Que ao meu pensar nao caberia no futuro
Pensava ser improvável
Pensava ser nulo
Nos aproximamos,
Ela sentou perto de mim
Conversa vai, conversa vem
Estamos tão proximos assim ?
É o que parece,
Devo eu tomar alguma atitude ?
Outros olhos diziam que sim
Minhas virtudes, diziam que não
Mesmo comprometida,
Notava o brilho no seu olhar
Me deixava em dúvida,
Nao sabia, se deveria rolar
Até que um belo dia
Soube do fim do seu relacionamento
Soube que nosso momento iria finalmente chegar,
Que nossos corpos iriam se encontrar,
Para finalmente trocarmos nossas afeições e carinhos
Rolou !
Eramos compativeis!
Admirava sua personalidade, sua fofura
Pareciamos ideais,
Parecia que iria rolar algo a mais
Saíamos,
Nos beijavamos,
Nos preocupavamos como nunca outrora pensamos, um com o outro,
A felicidade tomou conta de mim
Mesmo sabendo que aquilo teria um fim
Sabia de seu passado
Previsões podiam ser feitas...
Mas a paixão me cegou
Preferi ignorar, deixar rolar
Dando assim, deixas
Para ser deixado de lado
Talvez tenha sido erro meu,
Talvez nao deveria ter me apegado tanto
Ela percebeu
Se demonstrava satisfeita no começo
O que seria o recomeço, dessa nossa relação
Ela se tornara meu motivo de ir ao colegio
Ve-la, toca-la, senti-la era tudo o que eu precisava
E a cada dia que passava,
Nos tornavamos mais intimos
Intimidade que a afastou de mim
Dizia nao estar pronta para isso de novo
Respeitei, me fiz de bobo
Mas sabia, que seu coração havia voltado pra mão de outros
Por eu ter me doado muito
Isso mesmo, outros
Ela é da noite, desapegada
Parece que me envolvi demais
Com a menina errada
Por respeito proprio,
Por orgulho,
Resolvi que deveria me desapegar
Que o gelo deveria ser dado
E foi.
Me encontro agora,
Em uma situaçao não muito boa
A saudade dela...
Mesmo percebendo que nao faço tanta falta assim...
Minha alma clama por sua presença
Meu orgulho e sabedoria dizem que não.
E assim navego
Por esse mar de solidão e dúvidas.
Me pego pensando se me afastei sem pensar
Mas meu ego ainda fala mais alto
Do que minha boca pode expressar
......
Esse poema é um relato de um relacionamento meu. Errei em ter me apegado a pessoa errada, me transformei no beta da relação, além de ter ficado cego pela paixonite né kkk
Mas como o que nao mata engorda, ganhei experiência e estou aqui compartilhando com vocês ! Cuidado com paixonite, cuidado pra nao se iludirem !
Abaço forte galera ! Evolução sempre !

ANÚNCIOS

Avatar pua
LuizMzk

Aprendiz

#967958 Cara adoro poemas,fiquei surpreso em ver isso aqui.Coleciono aqui algumas poesias que escrevi e que com certeza podem servir de bons conselhos pro pessoal assim como a sua,algum dia compartilho elas..

Muito bom mesmo!! :ae
Avatar pua
DrigoJaeger

Aprendiz

#968057 Um poema-relato. Bem incomum kkkkk
Cara, ficou muito bom. Tu tem um dom muito legal. Conseguiu transmitir o que seria uma baita história.
Passei por esse tipo de situação também. O cacete da tal da paixonite, que é sempre uma merda. Cega e nos deixa abestados.
Me afastei e, no final, eu que perdi ganhando tanta saudade. Mas já que não posso fazer muita coisa, aqui estou eu tentando não pensar e tocar a vida auheuaheua

Um abrç
Jäger