Assuntos não relacionados ao tema principal do fórum.
Avatar pua
Sonic

Veterano - nível 9

#903714 Concordo,qualquer vício faz mal.
Se eu não me engano,tinha um porno em que o assinante de um site de filmes eróticos podia estrelar uma cena ,ao vivo, de sexo com sua atriz preferida.(Acho que era casa das brasileirinhas)
Em um desses vídeos o sujeito não deu conta de comer a atriz porque ejaculava precocemente e demorava pra recuperar o libido.
Tipo ela só masturbou o cara e depois de um tempão,ele consegue uma ereção pra dar umas 3 estocadas na mulher e gozar de novo...ai a atriz desiste e diz que ele não ia aguentar comer ela...da pena do cara....provavelmente isso aconteceu pela pornografia em excesso. Off topic:
Afinal,entre nós,pra assinar um site porno o cara deve farpa o dia inteiro.

ANÚNCIOS

Criador do tópico

Guilherme Resende

Veterano - nível 1

#903950
Julio Cezar escreveu:Cara ,eu discordo em parte do que você escreveu acima.

Uma coisa é a masturbação em si, a outra é a mesma virar um vício a ponto de te prejudicar em seus relacionamentos , no seu trabalho ou nos estudos.

No momento que a homem ejacula , milhões de espermatozoides são lançados. Os mesmos contém uma grande quantidade de proteínas importantes para o corpo, e no momento que as mesmas são "jogadas fora" através da masturbação temos a sensação de cansaço.

O que acontece é o cara se masturbar e quer ir pra rua com o intuito de sarger: Não vai dar certo.

Seu corpo vai informar engana-lo informando que o trabalho(sexo) já foi feito.E dificilmente vai dar vontade de pegar.

Outras coisa: A masturbação não causa impotência meu caro. Pelo menos não foi confirmado cientificamente até agora.

Dê uma olhada nesse tópico : verdade-sobre-masturbacao-t72184.html

Abraço.
Julio.
Novamente vou ter que explicar que o que eu disse não foi que a masturbação causa impotência. O que eu disse foi o fato da pornografia causar impotência. Tudo o que a comunidade científica hoje tem sobre a masturbação, foi feito antes da ascensão da internet banda larga, onde há grande quantidade de pornografia pesada. Se essas pesquisas fossem feitas hoje, já associariam a masturbação com a pornografia, então observariam mais a hipótese da pornografia gerar algum problema. E isso é o que certos pesquisadores estão fazendo, e a partir daí, estão chegando à conclusões muito interessantes, como que a pornografia te causa impotência.

Só pra saber mesmo: você viu ao menos um vídeo que eu coloquei o link aí? Então olhe e me dê sua conclusão... Não, melhor, o vídeo está aí abaixo:

VIDEO | PUA | BASE

Esse não é suficiente?

VIDEO | PUA | BASE
pedrofelipe

Veterano - nível 10

#906128 Esse fácil acesso a pornografia é um dos maiores males desse século, estamos criando uma geração de homens doentes, eu sempre indico quem puder ficar longe dessa merda se mantenha o máximo possível.
Ótimo tópico.

Criador do tópico

Guilherme Resende

Veterano - nível 1

#906164
zulupua escreveu:Bato punheta todo dia e quando ainda dá vejo porno, e ainda pego mulher por ai... Como você explica isso jovem?
Eu já ouvi falar de gente que acha pornografia melhor do que sexo real. Se somar isso à dificuldade de uma pessoa de abordar uma mulher, jogar o jogo da conquista até ganhar sexo, me diz o porquê dela não canalizar toda a sua energia sexual na pornografia, e não no sexo real? No seu caso, a pornografia não te afetou; talvez porque você nunca teve problemas por conquistar uma mulher, e assim, quando você estava interessado em sexo, em vez de se debruçar vendo pornô na internet, e assim ficando cansado dos vídeos normais e partindo para fetiches bizarros, você simplesmente abordava uma mulher e conseguia sexo fácil.

Talvez você sempre se importou quando você via muito pornô e deixava de sair de casa; se importou também com quando você começava a avançar para pornografia mais pesada. Dessa forma você não contraiu o vício, e dessa forma a pornografia não afeta o seu desenvolvimento em conquistas de mulheres.

Quando um homem necessita de sexo, mas não tem a habilidade de conquistar uma mulher, o correto seria ele desenvolver essa habilidade para "matar" essa necessidade do corpo dele, não é? Mas e quando tem algo que "mata" essa necessidade do seu corpo, mas para isso não é preciso sair da sua zona de conforto e aprender a seduzir, o que é melhor? Acho que a resposta não seria sair da zona de conforto, né? Então, dessa forma é a pornografia, e nesse processo, ao invés de apenas impedir o seu desenvolvimento em habilidades sociais para "matar" a necessidade sexual, ela pode te prender mais dentro de casa e diminuir ou acabar com essas habilidades, acabando assim com a confiança da pessoa, podendo fazê-la contrair ansiedade social, ou seja, diminuindo o que chamamos aqui de "inner game".

Pelo que você descreveu, você não tem impotência sexual. Talvez pelo mesmo motivo que eu falei: quando você necessitava sexo, você não "abusava" de "todos os pornôs existentes", e assim não ficava insensível com os normais partindo para os mais extremos. E é nesse último ponto (com os mais extremos), que você fica insensível para sexo.

A explicação é: porque você não é viciado em pornografia.