Avatar pua

Criador do tópico

guipinheiro

Melhores PUAS

#857702 Yo' Guys,

Bom, segue mais um vídeo da Social Arts falando sobre a prática competente. Tirei um trecho do artigo completo, porque acho muito interessante para pessoas de todos os níveis de Pick Up:

''Se você é um iniciante, nada melhor que uma quantidade ridícula de foras e blowouts para te calejar e te fazer crescer. Agora, o importante aqui é sempre visualizar uma interação pelo o que ela representa e é de fato: UMA CONVERSA ENTRE UM HOMEM E UMA MULHER."

VIDEO | PUA | BASE

Espero que façam bom proveito!

ANÚNCIOS

Avatar pua
Kage - MEMBRO EXCLUSIVO
#857718 Não concordo com essa tua idei de verdadeiro daygame (O que acontece por acaso), pra mim todo jogo é verdadeiro, DESDE QUE você esteja ali presente. Não esteja fazendo por fazer.

Na minha concepção:

  • O verdadeiro game (Não só day, como night também) é aquele que você aborda uma garota que te atraiu e que você realmente a quer. Seja ela bonita, feia, escrota, mal vestida, chata ou legal. Se ela te atraiu e você está indo com o objetivo de pegá-la, então você está em um game de verdade.
  • No caso do game prático, concordo completamente com você. Porque é aquele game que você aborda sem estar atraído, aborda por abordar. Faz o approach apenas pra perder AA, testar uma rotina, só pra ter um número a mais no telefone ou pra se aparecer pra algum colega (Sendo que você nem está atraído pela garota)


No mais bom vídeo e boas ideias. Fica a dica aí pra galera, se realmente quer jogar, que vá até alguém que ao menos te atraia e não só " pra abordar "

Abraços! Imagem
Avatar pua

Criador do tópico

guipinheiro

Melhores PUAS

#857730 Fala ae @KagePUA,

Sempre presente em nossas postagens <3! Obrigado pelo comentário, porque acho que isso pode confundir muita gente! Acho que você nunca presenciou o pelotão de Daygame da Paulista, que fica por lá abordando garotas, e sobem preparados para ficar fazendo isso, então realmente, não tem como entender algo que você nunca viu.

O verdadeiro game, na minha visão filosófica, é você. Mas o que eu quis dizer é que: ir pra rua prospectar garotas novas e estar voltando pra casa do trabalho te deixam em estados mentais e de alerta bem diferentes. As duas situações são reais caso elas venham a acontecer rs.

Agora ir pra rua/parque/shopping com o foco de chegar em mulher, fazer seus sets de aquecimento vs. abordar uma garota tendo acabado de comer, estar com sono e cansado e com bafo de alho são coisas diferentes. Não tem como comparar a diferença do estado mental e preparo para isso. Claro, algumas pessoas tem um controle maior do momentum social (macro momentum), mas nem todas. Acredito que isso seja mais perceptível mais a quem fez muito mais tempo de Daygame em dias seguidos do que aos "seres humanos normais" (não dizendo que você fez ou não fez, não vem ao caso).

E no demais, concordo com o que disse :)

Abs
Avatar pua
# T7 #

Entusiasta

#857771 Achei muito interessante o que abordaram no vídeo, pra mim algo totalmente congruente ao que interessa pra galera que chega aqui ou em qualquer outro fórum de sedução no mundo.

Enfim, nessa linha de raciocínio posso falar que embora muitos não assumam, a grande verdade nessa coisa toda de Pickup é que não importa quantos aproches você faça, não importa quantos telefones você tenha e com quantas mulheres você fique, se não houver o desejo pulsando o sentido nisso é praticamente nulo.

O lance é que, o jogo em sua verdadeira essência, só terá verídico com o SENTIMENTO e o DESEJO ali rolando, a parada acontecendo não em caráter pessoal de sua evolução, mas sim na questão de cumplicidade de você e a mulher neste momento vivido.
Isso não é ser beta, não é se desmerecer ou colocar a pepeca da mulher num pedestal.

É usar instinto, sentir o que quer e ir atrás do que você verdadeiramente quer!

Dali seja se você for rejeitado ou se ela vir se tornar a mãe dos seus filhos, a essência do Pickup pra mim foi demonstrada no que vocês disseram, abordar, fazer acontecer coisas significativas pra vida do cara, enxergar a essência do que realmente importa nisso tudo.

Acho isso super válido, leio inúmeros relatos onde não sinto este frame, este envolvimento, e isso foi retratado perfeitamente no vídeo.

E eu concordo com isso, essa parte do egoísmo é uma verdade não admitida por quase totalidade da comunidade PU no Brasil.

Abraços!
Zerker

Aprendiz

#861060 Uma coisa que eu tenho reparado em minha vida, em relação a mulheres é o seguinte: Não adianta seguir o manual de abordagens que vemos por aí, e nem ser direto e chegar na mulher e dizer a primeira coisa que passa em sua mente. Há algo que falta.


E esse algo é o que foi justamente abordado nesse vídeo. É o desejo, o desejo pela mulher. É a mulher que você está no momento ter a certeza que você a deseja com toda sua força, que você a quer como nenhuma outra no mundo. Isso a encanta de tal maneira, que a uma entrega fora do comum.

Não são todas as mulheres que você conseguirá realmente ter esse desejo, mas quando aparecer alguém assim, demonstre a ela que você a deseja como nenhuma outra. Não precisa ficar dizendo que a deseja toda hora, ela verá nos seus olhos, nas suas atitudes e em você isso.

Ainda tenho muito a aprender, e estou sempre procurando evoluir. Esse vídeo veio para ratificar um pensamento recorrente meu.
Obrigado.
James Newsted

Aprendiz

#870899 "Se você é um iniciante, nada melhor que uma quantidade ridícula de foras e blowouts para te calejar e te fazer crescer. Agora, o importante aqui é sempre visualizar uma interação pelo o que ela representa e é de fato: UMA CONVERSA ENTRE UM HOMEM E UMA MULHER."

Tomei varios blowouts, A social Arts e o Sasha me deram motivação para começar no direct mas de vez em quando eu travo ao sair e não consigo abordar, ontem mesmo vi uma puta loira um pouco longe de onde eu estava e acabei não abordando, fiquei puto com isso na semana que vem pretendo paraticar de forma mais intensa.