Aqui é aonde Arquivamos as discussões e debates do PUABASE.
Apenas Membros VIPS
Organização sempre!
Avatar pua
Cobra D'agua - MEMBRO EXCLUSIVO
#792191 Ansiedade de aproximação é uma sensação de frio na espinha. Medo do desconhecido. Estamos programados por anos a reagirmos nos esquivando das situações quando sentimos isso.
Porém, quando você racionaliza que sente isso antes da abordagem, pode mudar sua reação.
No meu caso, sinto geralmente quando estou prestes a abordar uma HB top. Aí eu sei que eu a desejo muito. Penso, "isso é combustível, cobra. Vai lá!".
Tudo se resume na máxima: pouca ladaínha, e bastante atitude. Não ficar arranjando desculpa pra não abordar. Isso é coisa pra outros, não pra você!

ANÚNCIOS

Avatar pua
Digger

Veterano - nível 10

#792195 Os dois estão certos, depende do seu ponto de vista. Prefiro ficar com a versão do BadBoy, é mais produtiva nesse quesito!



DocHolliday escreveu:Estou com o BadBoy até o fim! Adoro sentir aquele frio na barriga, AA me impulsiona, quando eu sinto é porque sei que vou fazer algo bacana, e que a HB vale a pena. Quando não sinto AA tem alguma parada errada, perco a motivação.



Totalmente de acordo. Imagem
Avatar pua
>>Psychokiller<<

Entusiasta

#792755 AA é a sigla utilizada na comunidade de sedução para as palavras Ansiedade de Aproximação.

Ansiedade no dicionário (Larouse Cultural) se refere a uma inquietação intensa e angustiante, enquanto Aproximação se refere (No mesmo dicionário) ao ato de se aproximar, que por sua vez significa se colocar perto de alguém ou alguma coisa.

Juntando-se os significados de cada palavra e a origem da sigla, temos a seguinte definição, onde AA significa sensação intensa de inquietação e angustia diante da ideia preliminar de se colocar a frente de uma mulher atraente.

A ansiedade de acordo com minhas referências é causada por uma expectativa negativa e exagerada que depositamos nas coisas que futuramente pretendemos enfrentar e nas consequências que delas podem a nós ocorrer.

No contexto da sedução onde a aproximação se relaciona a ideia e ao ato de nos colocar diante de uma mulher atraente para conquista-la, se nossas expectativas forem demasiadas negativas e exageradas, somente o fato de pensarmos em nos colocar diante de tal mulher, já desencadeará em nós esta sensação intensamente angustiante e inquietante, que por vezes nos impedirá de agir conforme desejariamos.

O que o Badboy ao meu parecer tenta fazer com sua ressignificação da sigla AA, é o de tirar de nossas cabeças o significado negativo atribuido a palavra ansiedade, fazendo-nos imaginar que o sentimento que temos ao perceber uma mulher atraente, é um sinal positivo para nos motivar a agir. Se não pensarmos negativamente sobre a ideia de se aproximar de uma mulher bonita, se ao invés disso atribuirmos um signifcado positivo a esta ideia, a de se epserar que nosso comportamento seja mudado, e daqui pra frente nos comportemos de maneira mais produtiva e positiva.

No caso do Mystery ele vai se basear num conceito retirado da antropologia evolutiva, que tenta explicar nossas reações humanas diante de eventos relacionados a nosso relacionamento com nossos semelhantes, neste caso ao sexo oposto, a impulsos naturais e instintivos de sobrevivência e reprodução da espécie, que estariam por gerações sendo fortalecidos e implantandos em nossas mentes. Por isso ele utiliza de tal explicação ao dizer o porque de existir da AA.

A minha concepção diante do assunto é de que o melhor caminho é agir sem criar expectativas, sem analizar ou pensar de mais sobre o que se deseja fazer e as implicações que disso pode ocorrer, é se aproximar de uma mulher sem pensar sobre as implicações negativas que disso podem resultar, é se aproximar de uma mulhersem se preocupar com o que ela ou quem esteja por perto poderá pensar de minha aproximação, é não se preocupar com os resultados que irei obter ao fazer tal coisa, é nem mesmo idealizar a mulher, não a julgando como bela de mais para mim, ou a comparando conscientemente com outras dando lhe um destaque, ou mesmo perdendo tempo a classificando (Sua beleza e dificuldade de ser conquistada) segundo um padrão de ranking de notas, como a maioria dos homens desta comunidade costumam fazer.

Eu simplesmente mantenho minha mente silenciosa e ajo conforme meus desejos e impulsos instintivos, não julgo nem analiso tais impulsos ou desejos, muito menos o contexto, a garota que tenho como alvo ou a situação na qual estou, eu simplesmente ajo de maneira rápida e praticamente instintiva, assim não há espaço para se formar qualquer ansiedade sobre a ideia de se colocar diante de uma mulher que me é atraente.
Avatar pua
Scoot'3

Veterano - nível 9

#792760 Bom eu acho que cada um tem um significado daquele frio na barriga... uns quando sentem ele se impulsionam e vão sem medo... porem outros sentem e não agem por medo e por segurança... os dois estão certos o medo da aproximação existe porem se vc encarar ele como um impulso ele vai é te ajudar...

Abraço irmãos e SUCESSO...
Avatar pua
Maicon_Ferreira

PUA Avançado

#792766 Pra mim o badboy está certo.
Eu não sinto AA, eu sinto um friozinho na barriga porque eu vejo que a garota será um desafio e que eu esgou atraido por ela se não, não haveria motivo pra sentir. e eu só abordo mulheres que me fazem sentir isso.
t3rremoto - MEMBRO EXCLUSIVO
#792767
Quando escrevemos/digitamos algo para outras pessoas, é clara a falta de formas de expressão como linguagem corporal e tom de voz. Por isso devemos tentar ser o mais correto possível quando estamos tentando passar alguma informação para alguém através apenas de palavras. Escrever/digitar uma frase somente em maiúsculas é como se você tivesse gritando. Acredito que você não goste que ninguém te diga ou explique nada aos berros. Assim são as outras pessoas, elas também não gostam de pessoas gritando com elas. Evite escrever/digitar frases somente usando letras maiúsculas, isso além de irritar os outros membros, é um grande erro de escrita.








ELE INTERPRETAM DE FORMA DIFERENTE PORQUE SÃO PESSOAS DIFERENTES. SE EU TENHO MEDO DE ALGO LOGICO QUE FICAREI INSEGURO MAIS MINHA MENTE PODE VER AQUILO COMO UMA MANEIRA EVOLUIR.
Gian Schneider

Veterano - nível 1

#792806 cara os dois estão certos ... pq ??? pelo simples fato de nessas duas situações vc liberar a adrenalina junto com a testosterona ... sendo num terreno hostil ao qual vc fica cauteloso ou na cara e coragem de fazer as coisas no estilo " espartano " ... NÃO IMPORTA Q ARTE DOMINA ... IMPORTA Q VC SEJA BOM E TENHA EXITO COM ELA ... Imagem ...
FireStarter

Aprendiz

#792825
Walter! escreveu:Acredito que ambos estejam certos.
A AA assim como Mystery disse, ocorre devido ao nosso instinto de auto-preservação e ela existe sim e é bem real.
Quando Badboy diz que a AA não existe, acredito que ele esteja na verdade querendo demonstrar que não devemos acreditar nela como uma forma de limitação e sim como algo que se bem trabalhado pode ser usado ao nosso favor. Assim como os homens das cavernas possivelmente faziam. Ele não disse literalmente que ela não existia, o que ele disse foi que cada um interpreta esse sentimento de forma diferente. Sendo assim na visão do Badboy quando usamos a AA como motivação estamos fazendo com que ela não exista como forma de limitação e sim como um meio poderoso de direcionarmos essa energia ao nosso proveito.
Espero ter ajudado.



Acho que é bem por aí.

Além disso, não é uma questão de estar mentindo ou não. Cada um deles deu uma interpretação diferente, usando nossos ancestrais como exemplos. São analogias que levam a uma interpretação tal que guia para um objetivo. Em psicologia, assim como nas outras ciências, uma explicação é certa até que seja encontrada uma explicação mais cimpleta, exata. Ambas explicações neste caso levam ao resultado, então assuma a que TE leva mais facilmente aos resultados que VOCÊ busca, e seja feliz.

Só para ilustrar, se pegarmos o Behaviourismo e a teoria Junguiana, teremos visões completamente diferentes sobre diversos assuntos da psicologia. Ainda assim, ambos levam aos resultados os que seguem uma ou outra linha. E muito psicólogo perde tempo discutindo quem está certo, quando na verdade, nenhum está já que as respostas jamais serão definitivas..... assim são as ciências.
mdfischer

Aprendiz

#798029 Concordo com o Mystery.

Más no PUA, aprendemos que se acreditamos em algo fielmente, aquilo se torna a nossa verdade.