Membros normais não podem criar tópicos mas podem responder tópicos dos veteranos.


Ao atingir mais de 1 ano de cadastro ou envio de mais de 200 mensagens você automáticamente se torna membro veterano e pode postar nessa área.

Criador do tópico

Frezzatti

PUA EXPERT

#873763 Caros sedutores, fãs do assunto e garotos que estão perdidos no meio dessa vida caótica...

Foi-se o tempo em que a balada era tudo que eu tinha. Em que os sorrisos falsos garantiam a sensação de prazer momentâneo - da qual eu tirava grande parte do meu suporte diário para a sobrevivência.
Hoje, em plena sexta-feira, abstenho-me dessa vida - não tão - moderna.

Por que você não saiu hoje, Frezzatti?
Eu não sei responder, pelo menos não concretamente!

De certa maneira é tendencioso crer nas minhas próprias escolhas. É fácil acreditar que estou em casa tão somente porque quero ser alguém melhor do que ontem.
Por outro lado há a falta de dinheiro no banco, os problemas com a autoestima.
Entre tantos outros motivos cabíveis para a minha abstinência da vida noturna - suja, viciante e completamente carnal - há a decisão de não ser só mais um homem que vive baseado no senso comum.

Quem nunca dormiu com vontade de sair?
Quem nunca mudou sem querer mudar?
Quem nunca acreditou nas próprias mentiras?
Quem nunca ficou na dúvida diante de uma resposta lógica?

Enfim, quem nunca?

Imagem

Imagem

ANÚNCIOS

Avatar pua
Simass

Aprendiz

#873773 Então cara, não sei se entendi esse tópico mas se for isso que estou pensando, posso dizer sem dúvida que já me perguntei todas essas perguntas, mas a mais em questão é: "Quem nunca acreditou nas próprias mentiras?", e a resposta é: Eu praticamente forjo o meu mundo e como eu quero ser da única forma, mentindo para mim mesmo.
Cara, faço isso deis de que ouvi o Mystery falando "Fake it until you make it". Forjo histórias para aumentar meu valor, e funciona, mas não deixa de ser um monte de mentiras. Forjo "comportamentos" e "atitudes" de uma forma que não tem NADA a ver comigo de verdade. Mas é verdade cara; Quem nunca?

Criador do tópico

Frezzatti

PUA EXPERT

#875576
Simass escreveu:Então cara, não sei se entendi esse tópico mas se for isso que estou pensando, posso dizer sem dúvida que já me perguntei todas essas perguntas, mas a mais em questão é: "Quem nunca acreditou nas próprias mentiras?", e a resposta é: Eu praticamente forjo o meu mundo e como eu quero ser da única forma, mentindo para mim mesmo.
Cara, faço isso deis de que ouvi o Mystery falando "Fake it until you make it". Forjo histórias para aumentar meu valor, e funciona, mas não deixa de ser um monte de mentiras. Forjo "comportamentos" e "atitudes" de uma forma que não tem NADA a ver comigo de verdade. Mas é verdade cara; Quem nunca?



Brother, a questão é justamente sobre o excesso de mentiras que contamos pra nós mesmos.
Infelizmente amamos o idealismo, ou seja, gostamos de acreditar nas nossas próprias mentiras.
Eu odeio apoiar as minhas mentiras, no entanto é muito difícil deixar de mentir pra si mesmo.
Sou honesto e tenho um problema com sinceridade excessiva em relação aos outros mas diariamente percebo que não paro de mentir pra mim.
Eis a questão, até que ponto a nossa vida deve ser baseada nas nossas mentiras?
Mentiras, nesse contexto, são as nossas vontades, desejos do ego que está vivo em todo homem nesse mundo cão.
Imagem
Avatar pua
lucasz1000

PUA EXPERT

#875584
Frezzatti escreveu:
Simass escreveu:Então cara, não sei se entendi esse tópico mas se for isso que estou pensando, posso dizer sem dúvida que já me perguntei todas essas perguntas, mas a mais em questão é: "Quem nunca acreditou nas próprias mentiras?", e a resposta é: Eu praticamente forjo o meu mundo e como eu quero ser da única forma, mentindo para mim mesmo.
Cara, faço isso deis de que ouvi o Mystery falando "Fake it until you make it". Forjo histórias para aumentar meu valor, e funciona, mas não deixa de ser um monte de mentiras. Forjo "comportamentos" e "atitudes" de uma forma que não tem NADA a ver comigo de verdade. Mas é verdade cara; Quem nunca?



Brother, a questão é justamente sobre o excesso de mentiras que contamos pra nós mesmos.
Infelizmente amamos o idealismo, ou seja, gostamos de acreditar nas nossas próprias mentiras.
Eu odeio apoiar as minhas mentiras, no entanto é muito difícil deixar de mentir pra si mesmo.
Sou honesto e tenho um problema com sinceridade excessiva em relação aos outros mas diariamente percebo que não paro de mentir pra mim.
Eis a questão, até que ponto a nossa vida deve ser baseada nas nossas mentiras?
Mentiras, nesse contexto, são as nossas vontades, desejos do ego que está vivo em todo homem nesse mundo cão.
Imagem
cara não vou mentir conto também mentiras pra mim mesmo,mas apesar de o fazer eu faço de tudo pra se tornarem realidade,desde que ouvi essa frase de hollywood fake till you make it,comecei a usa lá comigo mesmo,não minto funciona bem,mas não podemos nos apoiar nelas,se não para nós mesmo estaremos tendo um avanço mas quando na verdade estamos apenas nos enganando vivendo em mentiras. só não se acomode nas mentiras.faço o maxímo possível para que elas se tornem realidade,porque como disse elas são as nossas vontades.