Membros normais não podem criar tópicos mas podem responder tópicos dos veteranos.


Ao atingir mais de 1 ano de cadastro ou envio de mais de 200 mensagens você automáticamente se torna membro veterano e pode postar nessa área.
Vinizor

PUA EXPERT

#920389 Esse é um dilema que tenho. Tenho vontade de ter filho, apesar de não querer ter esposa e saber o mal que uma familia desestruturada faz a uma criança (fui criado distante do meu pai) mas essa vontade de deixar um representante genético me persegue.
Num futuro distante pretendo parar pra analisar como resolver isso, um passo de cada vez e no momento nem namorando estou.

ANÚNCIOS

kjay

Veterano - nível 9

#988530 Mesmo o artigo sendo antigo e eu ter lido duas vezes, me fez refletir muito sua visão da vida é mais do que certa muitas pessoas por ser jovens acabam se iludindo com baladas festas e tudo mais e esquecem da família e de quem criou e cuidou deles não sou da sua época tenho 20 anos mais penso da mesma forma, quero encontrar uma mulher que valha a pena casar e ter filho e construir uma família sólida enum futuro coisa muito difícil hoje em dia mais não impossível, e no caso de quem vai cuidar de mim eu sei que vou cuidar da minha mãe até quando eu puder pois foi ela quem sempre me educou e cuidou nao dava muita atenção a ela aos poucos comecei e me apegar mais e mais hoje em dia tenho uma relação muito boa e com certeza depois de reler este tópico mais ainda vou querer ajudar ela. Obrigado estou lendo seu TCC da sedução muito bom parabéns.
Avatar pua
Lord Diamond - MEMBRO EXCLUSIVO
#991879 Eu entendi o foco principal. Mas no meu ponto de vista, posso ainda estar errado. Nem sequer cheguei aos 30. Porém, particularmente eu não crio expectativa de que um dia alguém irá cuidar de mim. Muito menos de que um dia encontrarei uma mulher honrada e perfeita com quem me casarei e terei uma família bem estruturada. Claro que é algo que eu almejo daqui anos, entretanto não imponho de forma direta.

Quem vai cuidar de mim? EU MESMO. Esta seria a resposta mais adequada ao meu ver.
Uma irmã da minha avó teve 8 filhos. Todos bem cuidados e muito bem educados. A mãe de todos, que já era viúva, adoeceu. Quem cuidou? NINGUÉM! Com a aposentadoria dela, a colocaram em uma casa de cuidados médicos.

Então meu amigo, não imagine que, ainda mais atualmente, alguém vai se importar com você. Isso não é revolta, mas é uma prevenção. Se encontrar alguém que cuide, ótimo, mas se não encontrar, já esteja preparado para se virar com suas próprias mãos.

Um abraço forte!