Membros normais não podem criar tópicos mas podem responder tópicos dos veteranos.


Ao atingir mais de 1 ano de cadastro ou envio de mais de 200 mensagens você automáticamente se torna membro veterano e pode postar nessa área.
Avatar pua

Criador do tópico

-J. - MEMBRO EXCLUSIVO
#844418
IntroduçãoE aí galera do Pua Base! Como vocês estão?

Hoje vou abordar um assunto um pouco diferente do que estamos acostumados a ver no fórum, mas não menos importante. É sobre o que torna possível, por exemplo, toda nossa troca de experiências pelo fórum. É o que torna possível você conversar com aquela gata que você está de olho a bom um tempo. Vamos falar sobre nossa amada (ou nem tanto) Língua Portuguesa.

“Mas Jon, por quê? Estou aqui para aprender a pegar mulher”. Claro que está, e a boa gramática está aí para lhe ajudar... ou te condenar. Ter uma boa gramática pode te colocar um passo na frente de seu concorrente. Isto também vale profissionalmente.

Não é de surpreender que somos tão falhos em relação a própria gramática. Para vocês terem uma ideia, alguns grandes vestibulares (como a FUVEST) a gramática só vale 10% dos seus pontos na redação. Eu, pelo menos, acho isto um absurdo. Temos também o ENEM (convenhamos que nunca foi um grande modelo) que decidiu, este ano, não descontar pontos por erros gramaticais em alguns casos.


Destaque"Mais sérias foram redações obtidas pelo O Globo, cujos erros crassos como “enchergar” e “trousse” não causaram a perda de um ponto sequer na nota máxima."
Fonte: http://exame.abril.com.br/brasil/noticias/nada-de-miojo-enem-2013-permite-so-pequenos-descuidos


Objetivo do tópicoAqui mesmo no fórum não é difícil encontrarmos tópicos quase impossíveis de ler por conta de tanto erro gramatical. Frases inteiras com tantas abreviações que você até esquece que está lendo algo escrito na Língua Portuguesa.

Não estou querendo que todos nós saibamos escrever a mais perfeita norma culta, claro que não. Este texto mesmo deve estar fora da norma culta em vários pontos. O que vou passar neste tópico é apenas o necessário para que nossa comunicação seja suficientemente clara, evitando que nosso leitor precise ler a mesma frase 10 vezes até entender o que queremos passar. Pior que isto é que o leitor entenda “x” quando queremos passar “y”.

Irei passar uma lista criada por mim mesmo, com base em experiências e pesquisas na internet e livros, de dicas que irão lhe ajudar a dar um toque em sua gramática. Tentei fazer da forma mais simples possível para que você não tenha de gastar horas aqui.

Obs: Este tópico não substitui uma boa aula de Português. São dicas rápidas, portanto não espere, por exemplo, tirar nota máxima em uma redação da FUVEST só com isto.


DesdeDes de” não existe e nunca existiu. O correto é “desde”. Muito antigamente alguns poetas usavam “dês”, o que hoje se transformou em “desde”.

Exemplo: Desde aquele dia, não consigo mais comer doces.


MenosMenas” não existe. O correto é “menos”.

Exemplo: Quanto menos reclamações, melhor.


Seja e estejaSeje” e “esteje” não existem. O correto é “seja” e “esteja”.

Exemplo: Espero que você seja feliz com isto.
Exemplo 2: Não quero que ele esteja doente quando eu voltar.


QuiserQuizer” não existe, cuidado! O correto é “quiser”.

Exemplo: Farei isto quando eu quiser.


Com certezaConcerteza” não existe. A forma correta é “com certeza”.

Exemplo: Com certeza o Marcos ganhará.


De repenteNão existe “derrepente”, assim como “derepente”. A forma correta é “de repente”.

Exemplo: E de repente, todas as luzes se apagaram.


Mais e masMais” e “mas” são totalmente diferentes. Você deve usar “mais” quando está querendo dar ideia de soma. Tenha em mente que “mais” é o contrário de “menos”.

Exemplo: Quanto mais trabalhadores, mais rápido a obra será concluída.
Exemplo 2: Quero mais doces!

Mas” é sinônimo de “porém” (ambas são conjunções adversativas).

Exemplo: O garoto estudou muito, mas não passou no vestibular.
Exemplo 2: Gosto de casas, mas prefiro apartamentos.


Agente e a genteTanto “a gente” quanto “agente” estão corretos, mas seus significados são diferentes. “A gente” é sinônimo de “nós”, porém usado na linguagem informal.

Exemplo: A gente cansado.

Agente” se refere a uma pessoa que exerce determinada atividade.

Exemplo: Ele é um agente secreto.


MimMim” não conjuga verbo. Isto significa que você nunca deve usá-lo antes de um verbo. Observe os exemplos:

Exemplo: Quero ver vocês mim baterem (errado)
Quero ver vocês me baterem (correto)
Exemplo 2: Eles pediram para mim ligar (errado)
Eles pediram para eu ligar (correto)


Mau e malA diferença entre “mau” e “mal” é muito simples: mau é o contrário de bom, enquanto mal é o contrário de bem. Lembre-se desta forma e nunca mais terá problemas.

Exemplo: Ele é um mau homem (o contrário de “Ele é um bom homem”)
Exemplo 2: Acho que ele joga mal (o contrário de “Acho que ele joga bem”)


MexerMexer” é a forma correta, não “mecher”.

Exemplo: Não mexa nisto!


XingarVocê nunca “chinga” alguém, você sempre “xinga”.

Exemplo: O garoto xingou o homem.


IncomodarLembre-se: um elefante “incomoda” muita gente, nunca “encomoda”.

Exemplo: Aquele cara já estava me incomodando.


Z, s, ss e çQuando o “s” está entre duas vogais (A, E, I, O ou U) ele tem som de “z”. Nestes casos você deve usar “ss” para soar como um “s”.

Exemplo: Casa (som de “z”)
Exemplo 2: Amassado (se só tivesse “s”, soaria como “amazado”)
Exemplo 3: Certeza (leia a observação abaixo)

Obs: Isto é uma dica, não uma regra. Como vocês podem ver, por exemplo, a palavra “certeza” é escrita com “z” mesmo que “z” esteja entre duas vogais. A melhor dica aqui é que você treine seu vocabulário.

Temos ainda o “ç”, que deve ser usado no lugar do “ss” quando estiver diante das vogais A, O ou U.

Exemplo: Caçar(“ça”)


M e nAntes das consoantes “p” e “b”, deve-se sempre usar a consoante “m”.

Exemplo: Exemplo
Exemplo 2: Sim, eu me lembro.


M no final das palavrasNunca use “n” no final das palavras, sempre use “m”.

Exemplo: Eles descobriram.

VocêVoce”, “voçe”, “vose”, “vosse” podem deixar a pessoa cega. O correto é “você

Exemplo: Você emagreceu!

Fazer ou faz?O verbo “fazer” indicando tempo é impessoal.

Exemplo: Faz sete anos que não o vejo.

Conserto e concertoConserto” deve ser usado no sentido de fixar, arrumar algo.

Exemplo: Ele me pediu para que consertasse seu celular.

Concerto” é aquele musical!

Exemplo: Fui ao concerto e foi lindo.


Assento e acentoAssento e acento"Assento" é onde você senta.

Exemplo: Assento de ônibus
Exemplo 2: Assentos do cinema

"Acento" é usado como sinal gráfico ou quando você se refere ao tom de voz.
Exemplo: á, é, í, ó, ú.
Exemplo 2: Percebi um acento emotivo em sua voz.

"Ascento" não existe.


Dica ExtraRecebi uma sugestão do @>>Psychokiller<< sobre corretores ortográficos e achei legal repassar para vocês.

"Ajuda muito, porque as vezes escrevemos rápido, e mesmo para aqueles que são bons em gramática a pressa pode nos fazer digitar as teclas erradas"

Bem, ele já disse tudo. Realmente acontecerá de estarmos digitando e esquecermos um acento ou invertemos as letras. Para isto, o >>Psychokiller<< recomendou um corretor ortográfico para cada navegador mais usado:

Para usuários de Mozilla Firefox:http://www.baixaki.com.br/download/dicionario-pt-br.htm
Para usuários de Internet Explorer:http://www.baixaki.com.br/download/speckie.htm
Os usuários de Google Chrome já contam com um corretor ortográfico dentro do próprio navegador.
Bem pessoal, é isto. Como eu disse são dicas básicas, mas garanto que você será levado muito mais a sério quando estiver falando com alguém via e-mail, chat e coisas do tipo.

[font=Lucida Grande, Trebuchet MS, Verdana, Helvetica, Arial, sans-serif]"Bem pessoal, é isto. Como eu disse são dicas básicas, mas garanto que você será levado muito mais a sério quando estiver falando com alguém via e-mail, chat e coisas do tipo."[/font]


Lembrem-se de feedar, é muito importante. Quero saber a opinião de vocês sobre o tópico, sobre a importância da gramática e principalmente se passei alguma informação errada. Estamos todos querendo aprender. E claro, se gostou do tópico, agradeça! Imagem

Agradecimentos especiais:
The Big Dog
GuRock
The Potents


E para terminar com chave de ouro, uma frase genial do The Potents: “saber usar a língua é essencial”. E não é?

Se for copiar o tópico, coloque os devidos créditos!

Abração galera! Tudo de bom.
Sucesso na vida e no jogo.
The Jon.
Editado pela última vez por -J. em 06 Set 2013, 02:44, no total de 5 vez
Avatar pua
Adrian Villar

MEMBRO PROFISSIONAL

#844423 Sinceramente, eu odeio escrever errado. Isso é desde meus tempos de beta.

Bom, pelo menos alguma coisa de bom, haha. Não me sinto confortável nem usando abreviações do tipo: "VC".

Enfim, bom tópico.
Avatar pua

Criador do tópico

-J. - MEMBRO EXCLUSIVO
#844425
Adrian Villar escreveu:Sinceramente, eu odeio escrever errado. Isso é desde meus tempos de beta.

Bom, pelo menos alguma coisa de bom, haha. Não me sinto confortável nem usando abreviações do tipo: "VC".

Enfim, bom tópico.



[font=Comic Sans MS]Obrigado pelo feed.[/font]
[font=Comic Sans MS]Eu também não curto muito usar abreviações como "vc" e "tb" não! Com o tempo você acaba acostumando.[/font] Imagem
[font=Comic Sans MS][/font]
[font=Comic Sans MS]Abraço![/font]
Avatar pua
.dot

Aprendiz

#844426 Na minha opinião ser alfa não é ter mulheres, ou ser simplesmente um líder, pra mim, o que carrego comigo é: Ser alfa é ser realmente o melhor em tudo o que eu decidir fazer.

Errar é necessário e humano, mas aprender com o erro é primordial para a evolução.

Mais do que apenas escrever corretamente, falar corretamente de fato te dá um diferencial em todos as áreas de sua vida, profissionalmente ou socialmente, falar de forma correta e saber o que está falando é mais importante do que falar de forma bonita.

Portanto a grande questão não é escrever ou falar coisas bonitas se utilizando de palavras diferentes e difíceis, o importante é ser verossímil, falar o que sabe de forma mais verdadeira possível, pois só assim você passará corretamente a mensagem.
Avatar pua

Criador do tópico

-J. - MEMBRO EXCLUSIVO
#844428
.dot escreveu:Portanto a grande questão não é escrever ou falar coisas bonitas se utilizando de palavras diferentes e difíceis, o importante é ser verossímil, falar o que sabe de forma mais verdadeira possível, pois só assim você passará corretamente a mensagem.



Obrigado pelo feed.

Sim. Como eu disse, não é necessário saber a mais perfeita norma culta, mas sim se comunicar com eficácia. Já vi pessoas tentando usar palavras mais raras e se embolando toda para passar a ideia. Fora que em alguns ambientes, quando você usa uma linguagem super culta e de difícil entendimento, você passa a imagem de alguém que quer se mostrar superior e é arrogante (por saber que a outra pessoa não vai entender). Já vi um vendedor de uma loja de imóveis do "povão" fazer isto com um cliente, foi ridículo.
Avatar pua
brunomrr

Veterano - nível 9

#844430 Também odeio escrever errado, mas algumas vezes o erro acaba acontecendo. É normal, o importante é você sempre estar procurando melhorar e aprender.

Um erro bem comum que eu observo em textos da internet é do adverbio e adjetivo:
"Quanto mais trabalhadores, mais rápido a obra será concluída."
O certo não é "rápida".
Porque na frase a palavra "rápido" entra como adverbio e não adjetivo, correto?

Abraço.
Avatar pua

Criador do tópico

-J. - MEMBRO EXCLUSIVO
#844432
brunomrr escreveu:Também odeio escrever errado, mas algumas vezes o erro acaba acontecendo. É normal, o importante é você sempre estar procurando melhorar e aprender.

Um erro bem comum que eu observo em textos da internet é do adverbio e adjetivo:
"Quanto mais trabalhadores, mais rápido a obra será concluída."
O certo não é "rápida".
Porque na frase a palavra "rápido" entra como adverbio e não adjetivo, correto?

Abraço.



Obrigado pelo feed! E bem observado.

Irei pesquisar certinho e lhe retorno o mais rápido possível.

Abração!
Editado pela última vez por -J. em 06 Set 2013, 03:49, num total de 1 vezes
Avatar pua

Criador do tópico

-J. - MEMBRO EXCLUSIVO
#844434 Dei uma pesquisada aqui, brunomrr.
Pelo o que pesquisei e entendi, "rápido" é a forma correta para este caso por 2 motivos:

- Uma das características do adjetivo é que ele se refere ao substantivo. Desta forma, se alterarmos "rápido" para "rápida", estaríamos nos referindo a "obras", também dizendo que as "obras" é que são rápidas, o que é um erro.

- Uma das características do advérbio é de que ele não aceita flexões, ou seja, não altera sua forma para expressar outras categorias gramaticais. Sendo assim, "rápido" será "rápido" independentemente do gênero da palavra (no caso de "obras", feminino).

Se eu estiver errado, por favor, me avisem! Imagem
Avatar pua

Criador do tópico

-J. - MEMBRO EXCLUSIVO
#844447
EdmondDantés escreveu:Excelente texto The Jon, muito obrigado por compartilhar aqui no fórum essas dicas, são muito importantes mesmo.
Espero que eu lembre de todas.
Abraço.



[font=Comic Sans MS]Obrigado pelo feed![/font]
[font=Comic Sans MS][/font]
[font=Comic Sans MS]Fico feliz em ter ajudado, EdmondDantés! Com o tempo você se acostuma e tudo se torna automático, não se preocupe.[/font]
[font=Comic Sans MS][/font]
[font=Comic Sans MS]Abraço![/font]