Aqui é aonde Arquivamos as discussões e debates do PUABASE.
Apenas Membros VIPS
Organização sempre!
Avatar pua

Criador do tópico

diegocintra

Veterano - nível 10

#790002 Segundo o próprio Mystery Method, na vida temos dois princípios, sobreviver e reproduzir, mas até em que ponto isto tem a ver com nossa capacidade de raciocínio?



Todos os outros animais, se alimentam, enfrentam desafios, como escapar de um predador, ou capturar sua presa pra se alimentar, toma água, e fazem outras coisas, todas envolvidas com a capacidade de sobreviver, e também se reproduzem pra que continue havendo seres de sua espécie, e o que isso tem haver com a vida humana?



Animais não vão à escola, não sabem contar, e o que nos torna diferente deles, é que somos os únicos seres vivos que sabemos que um dia iremos morrer, e criamos “um mundo” que necessitamos ir à escola, aprendermos a viver em sociedade, dentre várias outras coisas para sobrevivermos, e cada vez mais necessitamos da tecnologia em nossas vidas, por um lado isso é bom, pois facilita várias coisas do nosso dia-a-dia, mas cultiva um mal, o sedentarismo, pois podemos fazer compras sem sair de casa, e também pode atrapalhar nossa outra meta, pesquisas indicam que quem usa muito o computador tem tendências há ser mais fechados, o mundo vive em sociedade, não há sentido em se isolar, precisamos das pessoas pra evoluirmos na vida.



O ser humano é totalmente guiado pelos extintos, pois nós usamos uma roupa legal pra impressionarmos uma possível parceira assim como um pavão usa suas penas para chamar a atenção de uma fêmea, dizem que mulher gosta de dinheiro, vejo isso como uma crença limitante, mas por outro lado, é uma garantia de sobrevivência e para que seus descendentes tenham uma boa qualidade de vida, um homem quando vê uma bela mulher ele se sente completamente atraído por ela, pois seu corpo indica que seus filhos terão saúde, baseado nisso que o homem sente atração pelo físico e a mulher pela personalidade, pois no mundo em que vivemos um homem com inteligência tem muito mais capacidade de garantir a sobrevivência dela do que um cara bonitão que mal sabe ler.



Se refletirmos, tudo em nossas vidas está ligado há essas duas metas, sobreviver e reproduzir, por isso que disse, “Tenha Sucesso na vida, que terá Sucesso com as mulheres”, não é porque aprendemos táticas com o Pick up para garantirmos nossa reprodução, que não podemos deixar de evoluir na vida ( Profissional, familiar, espiritual e todo o que faz parte dela ) afinal temos que sobreviver!

Abraços pessoal!

ANÚNCIOS

Avatar pua
LOBO MAL

MEMBRO PROFISSIONAL

#790008 Concordo com sobreviver e reproduzir porém eu adicionaria mais um objetivo nessa lista heheheh.

Qual?

Pensa um pouco....












EVOLUIR!

Usamos todo tipo de tecnica para evoluir, compreender a realidade, compreender o universo e o nosso propòsito aqui (se é que temos algum) Entender a morte e tudo que nao entendemos ainda.

(Na minha opiniao) Esse instinto de "descobrir" esta implantado na biologia do ser humano como o instinto de sobrevivencia e reproduçao. Se voce parar pra pensar, porque existe escola? porque existe a ciencia? porque existem as religioes? porque convivemos em sociedade?
Avatar pua

Criador do tópico

diegocintra

Veterano - nível 10

#790009
LOBO MAL escreveu:
EVOLUIR!

Usamos todo tipo de tecnica para evoluir, compreender a realidade, compreender o universo e o nosso propòsito aqui (se é que temos algum) Entender a morte e tudo que nao entendemos ainda.

(Na minha opiniao) Esse instinto de "descobrir" esta implantado na biologia do ser humano como o instinto de sobrevivencia e reproduçao. Se voce parar pra pensar, porque existe escola? porque existe a ciencia? porque existem as religioes? porque convivemos em sociedade?



No meu ponto de vista a evolução esta inserida em sobreviver, pois se não nos adaptarmos as situações do dia-a-dia não sobreviveremos.

Nós sempre vamos querer "descobrir", um rescenascido por exemplo, poe tudo na boca, pois ele necessita de comer para sobreviver, e fazendo isso ele vai descobrir o que é comestivel o que não é, garantindo sua sobrevivência!
Avatar pua
LOBO MAL

MEMBRO PROFISSIONAL

#790019
diegocintra escreveu:No meu ponto de vista a evolução esta inserida em sobreviver, pois se não nos adaptarmos as situações do dia-a-dia não sobreviveremos.

Nós sempre vamos querer "descobrir", um rescenascido por exemplo, poe tudo na boca, pois ele necessita de comer para sobreviver, e fazendo isso ele vai descobrir o que é comestivel o que não é, garantindo sua sobrevivência!






Sabe porque eu acho que nao?


Porque a vontade do ser humano de descobrir "TUDO" nao visa como objetivo primario a sobrevivencia. A sobrevivencia seria mais como algo secundario ou uma consequencia daquilo que descobrimos. Como eu disse acredito que seja um instinto biologico do ser humano tal como instinto de acasalamento e sobrevivencia.




Se voce for colocar desta forma eu posso dizer que nosso instinto de reproduçao esta inserido no de sobrevivencia porque vivendo em grupos ou em sociedade nossas chances de sobrevivencia aumentam drasticamente ou que quando nos multiplicamos nossa especie continua viva mesmo quando morremos.


Acredito que SOBREVIVER - REPRODUZIR - EVOLUIR caminham lado a lado como 3 instintos basicos e primarios.


OU nosso unico objetivo primario é SOBREVIVER e o resto é secundario.


Isso um biòlogo poderia explicar melhor, nao quero fazer muita suposiçao sem embasamento cientifico.




De qualquer forma, so pra responder sua pergunta do titulo "Somos seres tao racionais assim?"


- Eu acredito que sim! Nosso organismo, nossa biologia é prè- programada para nos influenciar a comportar-mos de certa maneira, porém atraves da evoluçao da especie e de nosso conhecimento passamos a ter controle sobre nossa natureza e nòs passamos a ditar as regras, basta ver os avanços da ciencia, engenharia genética, medicina, tecnologia.




Agora se alguém vir e me falar que talvez somos programados para tudo, que somos uma maquina complexa porém programada nos minimos detalhes para fazer algo que pensamos fazer por pura vontade e escolha ai eu posso dizer que nòs simplesmente somos "alguma coisa" e fazemos aquilo que nos foi imposto pela natureza ou algum Deus logo nao somos tao inteligentes no meu conceito de inteligencia.


Podemos pensar desta forma também que somos escravos de nossos instintos e que tudo que fazemos, fazemos por causa dos nossos instintos. Como por exemplo fazer sexo, hoje em dia fazemos sexo por prazer e nao para reproduzir sò que se nòs sentimos prazer em fazer sexo é para estimular a nossa vontade em reproduzir, logo de qualquer forma fazendo sexo por prazer ou para reproduçao estamos satisfazendo o mesmo instinto.


Caramba realmente somos macacos de terno rsrs


......... Viajei legal no papo ein, mas é isso ai.
Avatar pua

Criador do tópico

diegocintra

Veterano - nível 10

#790080 Ótimo feed Lobo Mal, seu ponto de vista me convenceu, o que eu quis passar neste artigo, foi que cada atitude nossa tem haver com nossos instintos, e nossa capacidade de raciocinar tem a função de nos auxiliar a cumprirmos com nossas 2 principais metas, Sobreviver e reproduzir
Avatar pua
Devourer

PUA Avançado

#790085 Concordo com tudo que você falou, estou a cada dia com mais disposição para tudo, deixei essa droga desse computador de lado, quando as pessoas me olham já me veem com outro olhar, amigos de colégio que tiravam muita onda comigo agora me tratam com muito respeito, pelo simples fato de pegar mulher agora nesse momento da minha vida.

Depois que me tornei mais sociável e como se o mundo conspirasse ao meu favor, pois eu dou motivos para isso, se socializando com os outros ''animais''
Avatar pua
>>Psychokiller<<

Entusiasta

#790089 As problemáticas desta teoria defendida pelo Mystery são as seguintes.

# A primeira é que ela só leva em conta a evolução do homem, se é que podemos chamar isto de evolução:

De acordo com a teoria tal, no passado as mulheres eram atraídas por homens fortes, velozes e ágeis, porque estes poderiam caçar, proteger, e liderar o seu grupo (Incluindo sua parceira sexual e sua prole) com mais chances de sucesso do que um adversário fraco e lento.

E os homens eram atraídos por mulheres de seios grandes (Porque isso era sinal de uma amamentação mais saudável) quadris largos (Porque isso era sinal de uma maior facilidade para dar a luz) e outros atributos físicos que fariam dela uma melhor candidata a lhe dar um filho mais saudável.

De acordo com a teoria, os tempos mudaram e as maneiras de se conseguir proteção, alimentação, uma condição mais segura e prospera para nossos filhos, e status dentro de um grupo também, por isso os critérios de escolha deveriam se adequar ao novo ambiente.

De acordo com esta mudança o que seria do interesse das mulheres hoje, seriam qualidades presentes nos homens como, poder aquisitivo (Dinheiro), contatos influentes (pessoas importantes ligadas a ele), cargos altos em organizações respeitadas (Status social), habilidades sociais comunicativas e comportamentais desenvolvidas (Técnicas de comunicação) e etc.

Beleza, até este ponto a teoria até faz sentido.

Mas ela entra em contradição a partir do ponto onde as qualidades femininas que nos atraem permanecem as mesmas.

As mulheres de acordo com este ponto de vista do Mystery, não se desenvolveram em nada desde as épocas das cavernas. O que nas mulheres nos atraem nos homens, continua sendo ainda apenas suas qualidades físicas como seios grandes, quadril largo, pernas torneadas e etc.

Não faz sentido, pois hoje já se é claro que para uma mulher ter uma gravidez saudável não se é necessário estes atributos físicos em questão, a medicina se desenvolveu muito para as mulheres não dependerem mais disso para poderem terem uma boa gravidez e seu lado psicologico também se desenvolveu muito para elas não dependerem dos atributos físicos para serem boas mães. O que de acordo com a sistemática desta teoria deveria por lógica, fazer com que nós homens nos sentíssemos atraídos por mulheres com qualidades internas que são condizentes com uma boa mãe, e não mais com seus atributos físicos.

# Uma outra problemática desta teoria, ainda mais forte do que a primeira, são as evidencias históricas e culturais que demonstram como o ideal de beleza feminino defendido por esta teoria como o mais atraente para o homem que se diz a uma evolução natural e biológica (Seios grandes, abdómen sarado, quadril largo, pernas grossas, perfil corporal estilo violão), se mostra falsa se pesquisarmos os ideais de beleza durante as épocas.

No período renascentista por exemplo, o ideal de beleza como atraente nas mulheres era o do perfil da mulher gordinha, porque para eles isso era sinal de saúde. Crença esta difundida em toda sociedade europeia da época. (E este ideal vai totalmente contra o ideal defendido pela teoria na qual se baseia o Mystery).

Na década de 50 por exemplo, as mulheres tidas como belas eram mais magras e esqueléticas, totalmente o contrario do ideal defendido pela teoria do ideal de beleza da época das cavernas, e do ideal defendido hoje. ( O que não faz sentido, pois isto seria de acordo come esta teoria, não uma evolução, mais um retrocesso)

Estas duas evidencias históricas e culturais mostram como o ideal de beleza durante a história e culturas diferentes não vai de encontro ao ideal defendido pela teoria em questão. O que anula ela totalmente.
Avatar pua
>>Psychokiller<<

Entusiasta

#790092 Uma outra ideia que anula a questão de que o que nos move sempre e a todos, é a vontade de reproduzir e sobreviver, é por exemplo o seguinte cenário: como adequar isso a uma pessoa assexuada (Que não possui desejos sexuais), e que ainda por cima sofre de um distúrbio psicológico com tendência suicida (que ao contrario da vontade de viver, tem em si a eminente vontade de se matar).

Uma pessoa assexuada com tendência suicida é um excelente exemplo de que a teoria de que a vontade de reproduzir e sobreviver não pode ser considerada como uma verdade absoluta. Pois toda verdade que seja absoluta não pode haver nela exceções ou contradições.

O que acaba acontecendo nesta teoria, uma contradição depois deste exemplo exposto por mim.
Avatar pua
>>Psychokiller<<

Entusiasta

#790604 Eles podem interferir bastante, a reação instintiva, de acordo com cientistas é uma resposta biológica que nos faz notar e perseguir o prazer, e perceber e evitar o perigo e a dor.

Diante de uma situação de perigo por exemplo, como um assaltante com uam arma em nossas cabeças, nosso corpo é tomado por adrenalina e um desejo de fuga proveniente da eminente possibilidade da morte. Está é a reação instintiva. Esta reação pode se tornar perigosa para nós se não soubermos controla-la.

Se nos apavorarmos o assaltante poderá se assustar e nos matar, por isso é importante aprendermos a controlar nossas reações instinitvas. E fundamentalmente, aprender a nos comportar de maneira adequada.

Para isso por exemplo existem as técncias de defesa pessoal, e para elas serem executadas com eficiencia, antes se é necessário manter equilibrado e sobre controle nosso estado interno e nossa reação instintiva, isso pode ser adquirido (Este controle) através de técncias de meditação por exemplo.

O que acredito é que, a reação instintiva existe e tem um papel positivo, que é nos aproximar do prazer e evitar o perigo, porém ela pode se tornar perigosa por causa da energia que ela carrega em si, mas podemos controla-la, e aprender a se comportar de maneira mais adequada.

Podemos por exemplo através da hipnose controlar a dor, a ansiedade, o desejo sexual e etc.

Recebemos o estimulo externo de prazer ou dor.

Mas após o receber decidimos conscientemente se queremos para-lo ou não, se devemos segui-lo ou não.

Ou seja, apesar de muitos acreditarem que os instintos nos controlam, existem argumentos contrarios como os da meditação budista e da hipnose que provam que eles podem também serem controlados por nós.

Abraços!