Aqui é a caixa de pandora das dúvidas antigas ou resolvidas.
Imagem
Lembre-se de agradecer se alguém realmente te ajudou. Membros que não agradecem são INSTRUÍDOS a não ajudarem mais o membro.
misterpotencia

Aprendiz

#1072292 Meu caro assista essa palestra que é baseada totalmente em fatos cientificos sem essa besteirada de religiao e good vibes,explica como é moldado seus pensamentos e como moldar eles para ficar melhor e nao na pior

ANÚNCIOS

Avatar pua
The.Safe

Aprendiz

#1072297 Nunca se coloque como o coitadinho, coitadismo só vai piorar a sua situação chapa.
o momento agora é de começar a se amar e ir de encontro a novos ares, pois pelo visto falta isso em sua vida

Criador do tópico

alfieosedutor

PUA Avançado

#1072299
Rica Villa escreveu:
alfieosedutor escreveu: Tenho uma namorada que é MA-RA-VI-LHO-SA mas às vezes eu não gosto disso. Leiam um livro de psicologia e verão que as pessoas gostam de ser tratadas da maneira como foram tratadas na infância, ou seja, talvez eu estaria mais “apaixonado” por uma mulher que me fizesse de bobo, fizesse joguinhos, fosse ruim comigo.
Comece por isso. Vai esperar perder pra dar o devido valor? Se sua situação é complicada, imagine sem ela? Até pelo que você diz, estaria mais apaixonado se ela fosse ruim com você. Experimente vacilar pra ver se ela não vai ficar ruim com você? Só que esse ruim vai ser sem volta e a cada vez que ela lhe recusar, você ficará mais apaixonado. Não quero dizer para você virar um cara grudento. Paciência de mulher tem limite.
Fala amigo Rica Villa. Estou ciente disso. Isso não vai acontecer até pq eu sou uma pessoa boa. Se eu estou namorando uma pessoa eu vou fazer de tudo pra fazer ela feliz e pra dar o melhor que eu posso pra ela...
Nightrider escreveu:
bigbagual escreveu:É problema psicológico, se algo poderia funcionar para você superar era a terapia mas você mesmo disse que não funcionou. Ir a psiquiatra acho que também não ajuda, só vai passar remédios e você vai ficar dopado e ansioso. O remedio natural é pensar que você é capaz e que ainda tem muitas coisas boas para viver, que seu esforço vai valer a pena. Só em não desistir ja está fazendo algo. Uma epoca eu sofri bullying, no primeiro ano do ensino medio, eu chorava sozinho antes de dormir imaginando coisas como "eu sou feio, se morrer ninguem vai sentir falta, nunca vou arrumar uma mulher porque sou feio e pobre". O tempo passou e superei, porque ocupei minha mente e o pensamento positivo superou a parte ruim. O espaço faz bastante diferença tambem, no segundo ano me mudaram pro periodo da tarde, apesar de ser na mesma escola a nova turma era gente boa e nunca fizeram bullyng comigo, eu era a mesma pessoa mas ninguem pegava no meu pé. Então tu tem que mudar de espaço, ir pra novos ares. Mudar de turma ou escola é mais facil que mudar de cidade. De qualquer forma Espero que tu consiga, mas isso depende mais de vc mesmo, pensar positivo, só você pode mudar a sua história.
Sigo na mesma linha do bigbagual, e complemento argumentando o seguinte, se ficar preso ao passado, se ficar afetado com o que as pessoas dizem ou pensam não conseguira viver uma vida realmente plena e digna, vejona sua fala uma preocupação excessiva com aparência, dinheiro, influencia social e etc, resumindo você atrela sua auto-estima a coisas que não controla a fatores completamente externos, isso é a receita para o fracasso, ninguém é rico ou bonito, você esta rico ou bonito, então, não pare de se apaegar a essas coisas, sempre falo do Edy style aqui:
Imagem
Se isso não te animar irmão, não sei o que pode. Tamo Junto ! :ae :ae :ae



Fala irmão Nighrider...

como a sinceridade é uma das minhas maiores marcas não vou negar que por conta dos tropeços da vida acabei dando valor demais à aparência, status, condição social. Foi uma forma que eu encontrei de "tampar" o buraco da minha autoestima, uma forma de me sentir desejado principalmente pelas mulheres.


Mas disso eu tenho consciencia, tanto o dinheiro quanto a aparencia nao trazem FELICIDADE. Eles trazem FACILIDADES. Facilidade de ir numa balada e pegar uma mina gata e por ae vai...

Tb nao vou negar que me sinto orgulhoso pelo homem boa pinta que me tornei pois eu corri atrás disso, se fosse hoje eu não seria o cara zoado na escola, eu seria um dos "principezinhos" das minas, embora a tormenta do bulling infelizmente fosse recair pra outro pobre coitado.

Mas tb graças a Deus meu carater permanece intacto. Nao sou de relacionar com as pessoas ou de me alinhar por dinheiro, fama, status ou beleza. Disso eu tenho consciencia!

Quanto ao vídeo achei bem bacana sim. Gostei mto da energia do cara. Parece se tratar de uma grande pessoa com um dom incrivel. Com certeza deve ser a pessoa bacana que aparenta!

abraços brother! ; )

Rica Villa escreveu:
alfieosedutor escreveu:Tenho uma namorada que é MA-RA-VI-LHO-SA mas às vezes eu não gosto disso. Leiam um livro de psicologia e verão que as pessoas gostam de ser tratadas da maneira como foram tratadas na infância, ou seja, talvez eu estaria mais “apaixonado” por uma mulher que me fizesse de bobo, fizesse joguinhos, fosse ruim comigo.


Comece por isso. Vai esperar perder pra dar o devido valor? Se sua situação é complicada, imagine sem ela? Até pelo que você diz, estaria mais apaixonado se ela fosse ruim com você. Experimente vacilar pra ver se ela não vai ficar ruim com você? Só que esse ruim vai ser sem volta e a cada vez que ela lhe recusar, você ficará mais apaixonado. Não quero dizer para você virar um cara grudento.
Paciência de mulher tem limite.



Fala amigo Rica Villa. Estou ciente disso. Isso não vai acontecer até pq eu sou uma pessoa boa. Se eu estou namorando uma pessoa eu vou fazer de tudo pra fazer ela feliz e pra dar o melhor que eu posso pra ela...
kbza - MEMBRO EXCLUSIVO
#1072307 Cara, o ideal seria tu deixar a covardia de lado e falar o que ocorreu pra tu criares esse trauma... Fica muito mais fácil para opinar sobre o que ocorre contigo e sobre uma possível solução.

Quanto a esse negócio de levar bullyng pra vida toda, te digo que a parada não é bem assim... Tudo depende de como TU interpreta os fatos quando ocorrem. Enquanto alguém pode ficar extremamente traumatizado com um ocorrido, outra pessoa pode passar sem trauma algum, só porque percebeu os fatos de forma diferente.

É muito comum ver isso em pessoas com baixa auto-estima, que geralmente tem mais problemas de percepção do que uma vida realmente sofrível.

Procura ler sobre terapia cognitivo-comportamental. Acho que pode te ajudar.

Abraço
Avatar pua
Nightrider

PUA Avançado

#1072308
kbza escreveu:Cara, o ideal seria tu deixar a covardia de lado e falar o que ocorreu pra tu criares esse trauma... Fica muito mais fácil para opinar sobre o que ocorre contigo e sobre uma possível solução.

Quanto a esse negócio de levar bullyng pra vida toda, te digo que a parada não é bem assim... Tudo depende de como TU interpreta os fatos quando ocorrem. Enquanto alguém pode ficar extremamente traumatizado com um ocorrido, outra pessoa pode passar sem trauma algum, só porque percebeu os fatos de forma diferente.

É muito comum ver isso em pessoas com baixa auto-estima, que geralmente tem mais problemas de percepção do que uma vida realmente sofrível.

Procura ler sobre terapia cognitivo-comportamental. Acho que pode te ajudar.

Abraço


É pelo caminho que o KBZA tá passando meu irmão, tem que jogar isso para fora e exorcizar esses "demônios" interiores, cospe isso e deixa isso virar passado irmão, se liberta cara.

Forte Abraço ! :ae
Avatar pua
Álvaro Ornellas

Veterano - nível 9

#1072311 Fala irmão.

Esqueça o passado e tente viver o máximo o presente com todas as suas forças. Você que deve moldar a sua vida, nunca os outros... se você está inserido em circulos de amizade que não te agradam sai sempre sem medo de perder essas amizades, se afaste. Mesmo que tenha que fazer amizade em outras cidades não perca seu tempo. Mantenha as suas consultas no psicólogo e pergunte para ele (a) como fazer um tratamento de desconstrução do ego, pode te ajudar. Você já possui uma namorada muito boa como você mesmo disse e se ela está com você é porque ela te merece sim e você merece ela também. Pense nisso.

Um abraço
faRriaN

Veterano - nível 8

#1072345 Cara vou te falar uma coisa que você não sabe: todo mundo sofre bullying!
Eu próprio sofri e fiz muito bullying com os outros, mas hoje estou na faculdade e penso que foi uma coisa boa! Ser vítima de bullying ensina você a lidar com os outros de uma forma incrível! Mas primeiro você tem que ganhar a confiança necessária para superar isso. De boa cara, ainda hoje gozam cmg por eu ter um nariz grande e aquilo que me fizeram passar ensinoume a lidar com essas situações porque de boa...eu nem ligo mais e até gozo cmg próprio! Porque faz parte da vida saber gozar consigo mesmo. Pense que se gozavam contigo é porque viam alguma coisa que invejavam, é sempre assim...ninguem é gozado por ser um cara invisível e que não se destaca! E os caras gozavam ctg por isso mesmo! Por verem em vc tudo o que eles queriam ser e ter! Abraço e acredite... Tudo vai melhorar
Rica Villa

MEMBRO PROFISSIONAL

#1072350
alfieosedutor escreveu:Estou ciente disso. Isso não vai acontecer até pq eu sou uma pessoa boa. Se eu estou namorando uma pessoa eu vou fazer de tudo pra fazer ela feliz e pra dar o melhor que eu posso pra ela...


Eu não tenho dúvida nenhuma disso, mas nos momentos que a gente se sente mal, a melhor coisa pra se sentir bem é fazer algo por quem está do nosso lado. Por isso eu disse pra você começar sua recuperação na pessoa que gosta de você. Se ela gosta de você assim como você é, não precisa pensar no que você não é mais. O trauma sempre pode vir da gente acreditar que algumas coisas do passado ainda são presente.
Muitas pessoas tem sonhos recorrentes sobre o passado e acabam tendo no subconsciente sempre aquilo muito vivo. Eu tinha um sonho recorrente que me deixava sempre ao acordar cansado. Parecia que eu lutava com algo desde cedo. No sonho eu vivia meus anos de faculdade como verdadeiro vagabundo, o contraponto do que eu fui. O sonho terminava exatamente no momento da formatura da minha turma, e era com o anúncio de que eu não poderia me formar por não ter presença nas aulas. Terminava abruptamente sem eu poder reagir.
Um belo dia me dei conta deste sonho, mas não sabia que ele me influenciava tanto, mas ele já era tão real que as primeiras horas ao acordar eram para voltar o pé na realidade. Procurei ajuda um bom tempo. Só de procurar ajuda a coisa aliviou.
Acabei resolvendo através de um curso que fiz sobre concentração e controle dos sonhos. O processo era de técnicas para reagir dentro do seu próprio sonho. Na verdade a ideia era usar horas de sono para resolver pequenos problemas cotidianos. Só que eu usei também para cada vez que aquilo aparecia eu reagir dentro do próprio sonho.
Minha qualidade de vida e minha relação com o trabalho melhorou extraordinariamente depois disso.
Talvez não tenha nada que ver com isso. Mas te contei minha história para te mostrar como é importante investigar o que realmente está acontendo. E quando você entra nessa de investigar o problema passa ser a investigação e o quebra-cabeça que isso vira. Já acaba sendo o primeiro passo no degrau.
Avatar pua
OPastor - MEMBRO EXCLUSIVO
#1072451
alfieosedutor escreveu:Minha vida começou tudo bem. Nasci em uma família de recursos embora meu pai não trabalhasse e minha mãe ganhasse pouco(por sorte eu tinha avós ricos que proporcionavam uma boa vida à minha família e uma boa criação a mim). Era uma criança bonita e quando entrei na escola eu fazia amigos rapidamente e era meio que o centro das atenções, tudo que eu fazia meus amigos copiavam e eu “ditava” a moda. Meu espírito era livre.

Com o tempo as coisas começaram a degringolar. Meus pais brigavam muito, minha mãe me pressionava muito para estudar e o meu pai cultivava uma baixa autoestima pelo fato de não trabalhar.

Até que aconteceu uma das piores coisas que pode acontecer a alguém. Fui severamente sacaneado por um amigo. Isso mesmo. Por um amigo. Não vou entrar em detalhes pois se trata de um trauma e não quero expor(não se trata de algo de cunho sexual).

À partir daí as coisas foram ladeira abaixo. Minha aparência ficou decrépita em razão do trauma e passei a ser alvo de bulling(as turmas haviam se separado e em razão disso formaram-se novas panelinhas). Acho que o meu bulling foi um dos piores que uma pessoa pode sofrer. Me xingavam, xingavam minha mãe. Me meti em diversas brigas físicas mas nada adiantava pois eu não havia desenvolvido a sagacidade e a inteligência social para me livrar daquela situação. Os professores não faziam nada e muitas vezes me deixavam de castigo por revidar as agressões e tentar fazer cessa-las.

Nessa época eu tinha uns 12 anos e lhes digo meu caro. Desde aquela data até hoje eu me sinto PIOR QUE UM LIXO.

Fatalmente o aspecto extrínseco da minha vida melhorou. Meu pai arrumou um bom emprego, nossa situação financeira melhorou ainda mais. Minha aparência melhorou pois eu passei a me cuidar e a fazer esportes. Hoje sou um cara muito bem apessoado, modéstia parte. Mas aquela mesma sensação, aquele mesmo pensamento, aquele mesmo passarinho vive soprando no meu ouvido ME DIZENDO O QUÃO MERDA EU SOU.

Igual o meu pai tb não consegui evoluir profissionalmente ainda. Estudo pra concursos mas é muito difícil pois eu sou muito sensível e qualquer coisinha, por menor que seja já me abala e eu não consigo estudar.

Tenho uma namorada que é MA-RA-VI-LHO-SA mas às vezes eu não gosto disso. Leiam um livro de psicologia e verão que as pessoas gostam de ser tratadas da maneira como foram tratadas na infância, ou seja, talvez eu estaria mais “apaixonado” por uma mulher que me fizesse de bobo, fizesse joguinhos, fosse ruim comigo.

Meu ciclo de amizades continua o mesmo. As pessoas cresceram e começaram a ser respeitosas comigo(e eu tb me fiz respeitar pois adquiri certa sagacidade e blá blá blá...

Isso é extremamente ruim pois como sou de cidade pequena eu não tenho opções de amigos...qualquer círculo que eu entrar vai ter alguma ligação com essas pessoas que me fizeram bulling. Com a convivência eu aprendi a gostar dessas pessoas mas não deixa de ter uma grande mágoa e rancor em relação a elas. Até o meu amigo que me causou o trauma que desencadeou isso tudo eu convivo...

No mais, pra terminar o tópico...

Eu faço terapia há 10 anos pra esquecer isso...AINDA ME SINTO UM MERDA, NA MESMA PROPORÇÃO QUE ANTES. Pago caro pela terapia, fica longe de minha casa.

Nesse meio tempo passei por outros pequenos “trauminhas”. Fui traído de forma extremamente desleal por uma antiga namorada.......................................

Mas outra coisa que “pega” hoje em dia é que além de me sentir um bosta eu tenho uma dificuldade enorme em fazer amigos.

Eu sou um cara interessante(apesar de me sentir um bosta eu sou) mas eu sou mortalmente inseguro e isso fode a porra toda...

As pessoas tentam me dizer pra procurar apoio na religião, pra procurar qualquer emprego mesmo que seja de “peão”(pra fazer minha cabeça parar de pensar em coisas ruins) mas como eu vi em uma reportagem de uma revista estilo Superinteressante outro dia: os efeitos do bulling são pra sempre. Era uma reportagem de capa e eu nem tive coragem de comprar....

No mais é isso galera, é só um desabafo........VALEU, quem quiser trocar uma ideia estamos ae...é só um desabafo de um pua...abraços!!!!


Tá precisando viver coisas novas, amigo! Bullying geral tem, mas cada um sabe sua dor e lida com ela de uma forma diferente.. te dizer.. sou "adotivo", filho de um casal lésbico, branco em família negra, família pobre.. com 16 anos eu pesava 99kg, não pegava ninguém, me zoavam de gordinho que não via o pau.. coisas pesadas mesmo.. tinha poucos amigos e era antisocial.. eu mudei minha mente sobre isso aí antes de conhecer o PU, emagreci, fiquei gatão, peguei várias, comi várias, inclusive as ex de muito nego que me zoava, fiquei super popular pq comecei participar de eventos em BH, a vida foi melhorando...

Vou indicar 3 coisas que me ajudaram..

1º - Terapia: SIM, cara! Todo mundo precisa de um terapeuta! Porém fica com vergonha, acham que é cara, etc.. pago $150 pra 4 sessões, isso numa cidade que é uma capital
2º - Viagens: Isso mesmo, camarada.. faça viagens para cidades próximas.. sou de BH, vivia viajando para São João Del Rey, Ouro Preto, Tiradentes, Mariana.. minhas última viagem foi pro RJ e a próxima será em uma praia paradisíaca com a galera!

Gastei $360 pra ir pro RJ, $80 de aluguel do carro, $180 de gasolina e pedágio, $100 pra ficar 4 dias no hostel ($25 a diária).. a comida eu levei e comprei coisas no ticket. (Esse valor foi rateado por 5 pessoas, eu, um brother e 3HB)

Viajar fica mais em conta que imaginamos, só pesquisar. Fora que você vai fazer várias amizades nessas cidades!
3º - Comece fazer coisas legais SOZINHO.. isso mesmo, meu amigo! Às vezes pode tá faltando um pouco de amor próprio também, fazer coisas SOZINHO faz você se amar mais e cagar pro mundo, vá ao cinema sozinho, tome uma gelada numa bar a tarde SOZINHO, vá ao ponto turístico da cidade SOZINHO, vá em uma biblioteca ler SOZINHO.. faça coisas assim, meu brother!

Garanto que você irá melhorar 99%!

Já sofri demais, e cada dor que senti eu agradeço à Deus! A Dor vem pra fazer a gente evoluir, quanto mais sofremos, mais aprendemos!

Um abraço, do OPastor! :ae :ae
David leiva

Veterano - nível 4

#1072457 Sofro bulling até da minha familia, se chegar visita na minha casa minha mãe e minha irmã ficam falandi que sou louco, lesado, feio, eles me esculacham, me fizeram ter ataques de raiva e xingar geral, mas hoje estou melhor e enfrento o bulling de frente, vc vai superar isso todo mundo se sente meio "merda" as vezes, mas vc tem muitas qualidades e vai superar isso com o tempo.