Pesquise antes de postar uma nova dúvida.
Utilize no máximo 10 linhas na sua dúvida.

Está é uma área para compartilhar conhecimentos e tirar dúvidas. Como homens de palavra, devemos sempre agradecer quem nos ajuda postando esses conhecimentos. Muitos usuários não possuem tempo necessário para ajudar, mas mesmo assim fazem questão de colocar uma palavra construtiva.
Avatar pua

Criador do tópico

OPastor - MEMBRO EXCLUSIVO
#1060595 Prezados, uma boa tarde!

Vou resumir uma história complicada.

Minha ex namorada (tem um mês que terminamos) teve depressão, durante esse tempo, mal transamos, ela ficou triste, pra baixo, nao queria sair comigo, durou uns 7 meses toda essa confusão, mas eu nunca deixei ela de lado, e nesse meio tempo comecei a sentir a pressão do relacionamento conturbado, faculdade, trabalho, futuro e afins, tudo isso deu inicio à uma crise de ansiedade pesada. Durante essa crise, para não preocupa-la desabafei com uma amiga nossa em comum, essa amiga deu ideia pra ela que automaticamente ficou chateada e disse que o fato de não me abrir com ela, magoa! Nós que discutimos muito por ela não querer viajar ou sair comigo. Eis que isso tudo levou ao término.
Avatar pua

Criador do tópico

OPastor - MEMBRO EXCLUSIVO
#1060599 Continuando..

Ela é muito religiosa, espírita e segue a doutrina a risca. Segundo ela estamos obsediados, e temos que aprender a sermos mais amigos antes de sermos um casal (um palestrante que ela ama, Ricardo Melo, pontuou isso em uma palestra e ela aderiu). Até então eu aceitei a proposta, comecei ser amigo dela, mas nesse meio tempo, começaram os jogos.. ela me dava beijo, carinho, me tratava como namorado, porém, não queria namorar, quando eu questionava na boa, discutiamos, até que, semana passada eu falei com ela numa boa, "Ow, já faz 1 mês que terminamos, estou sentindo sua falta e não consigo ver a aliança em cima da cômoda, preferia vê-la no meu dedo", aí ela disse simplesmente "Nossa, hoje você está de luto kkk". Isso me gelou, me deixou puto, mas segurei as pontas, só esclareci que achei meio frio o que ela disse, e ela disse que não, que tava brincando, aí eu dei um gelo nela, gelo de 4 dias sem conversar nem nada, frenquentamos o mesmo ambiente (também sou espírita e frequento a fraternidade x) e por conta disso esse gelo acabou no momento que ela me chamou pra conversar e entregar meus presentes que havia comprado pro meu aniversário (ela e minha ex sogra me encheram de presente), fui maduro, não fui reativo, recebi os presentes numa boa, ela chorava, dizia que tentou de tudo pra gente dar certo, que não queria que eu fosse embora e ficasse frio mas se eu quisesse ir, que ela aceitava. Nisso, abraçada comigo, ela beijou meu rosto, quando beijei o dela, nos beijamos. Ela falou, falou, falou, ai começamos rir, tudo mais, aí passou um tempo, animos mais calmos, roubei varios beijos dela e ela ficou toda feliz, só que conversou a sério comigo falando que não acredita que nosso relaiconamento possa dar certo da forma que estavamos agindo, mas que temos que ser amigos antes de tudo, ela disse que queria me puxar pra beijar tbm, não só eu puxa-la. Aceitei, mas deixei claro, que se tiver brincando comigo, ela nunca mais vai me ver, nunca mais vai ter contato comigo, porque estou sendo justo, que ela honre a religião e a crença e seja sincera tbm, ela concordou, sorriu e me deu um puta beijo! Um beijo apaixonado. Não voltamos, mas decidimos seguir. Domingo, conversamos, ela disse que se sentia magoada pelo gelo que dei e tudo mais, e que não era pra eu fazer mais. Disse que não pode me dar nenhuma certeza sobre o futuro, mas que ela tá fazendo a parte dela e que as oportunidades estão ai, então que é pra eu viver e sentir.

Enfim, confrades, como se portar nessa situação? Não há outro macho, o tempo que ela tem livre, passa comigo, ela é apegada demais na mãe e no cachorro que adotamos juntos, afirma que eu sou o "pai" dele, e o tempo livre ela usa para trabalho vonluntário e Fraternidade espírita, nunca curtiu pegação. O que pode ser?

Em conversas anteriores, sem eu tocar no assunto ela dizia me querer, me beijar, me sentir, estar comigo mas que doia nela achar que estava me fazendo mal (por conta da crise de ansiedade)

Afasto ou continuo como companheiro sem me preocupar se vamos ficar ou não?
Avatar pua
The Potents - MEMBRO EXCLUSIVO
#1060603 Amigo, acredito que ela interpretou errado esse lance de serem amigos antes de tudo.

Um casal ser amigo não significa serem assexuados ou não rolar pegação. O sexo também é algo divino, afinal, é através dele que se originam novas vidas, e isso é crianção de Deus. A deturpação do sexo é que é contrária às leis sociais e desestimulada pelas religiões.

Portanto, é possível evoluir enquanto espírito encarnado mesmo tendo relações sexuais. Digo mais, é natural e saudável ter relações com quem se ama.

O "serem amigos", no meu entender, significa terem um elevado grau de cumplicidade, de interesse genuíno pelo bem do outro, ultrapassando o interesse puramente carnal.

Outro ponto a se destacar é que o fato de uma mulher ser religiosa não significa que ela não faça os joguinhos emocionais. Isso é inerente ao gênero feminino, e muitas vezes são feitos de forma inconsciente. Mas tem de saber reconhecê-los e lidar com eles.

Também não entendi se a depressão que ela sofreu foi devido à separação de vocês ou em outro tempo, então fica difícil tentar compreender se os conflitos internos que ela tem são algum risco para a relação em qualquer tempo ou circunstância. Trocando em miúdos, não consegui entender se ela é uma mulher complicada (mais do que normalmente são).

Se ela for neurótica por natureza, o melhor a se fazer é pegar a viola, enfiar no saco e partir para outra. Insistir nesses casos é pedir para viver num eterno inferno mental e emocional.

Boa sorte! :ae
Avatar pua

Criador do tópico

OPastor - MEMBRO EXCLUSIVO
#1060610 Neurótica ela não é, é bem tranquila, só é mimada! Ela entrou em depressão porque começou a sentir culpa por várias coisas.. nosso relacionamento teve um início bacana pra nós, porém um dia a mãe dela quase pegou a gente transando, desde aí ela teve esses problemas, ela é bem ligada à mãe!

O estranho é.. minha ex sogra ainda me trata como genro! Ambas me chamam, ambas conversam comigo diariamente!

Ela (a ex) me disse que eu tenho que aproveitar as oportunidades e caminhar nos passos dela. Cara.. por fora eu iria interpretar isso muito bem, mas quando estamos dentro de uma relação, puts, o que isso significa?

Avatar pua

Criador do tópico

OPastor - MEMBRO EXCLUSIVO
#1060629 Sim, o foda é que todas as vezes que aplicava o Nessahan ela se afastava mais. Ela é uma mulher bem diferente. Isso aí de ter me enchido de presente no meu aniversário, ter me beijando, falado que me ama e me quer e depois ter ficado fria me deixou maluco, bicho. Ela pediu pra eu demonstrar mais meus sentimentos, porém, assim é foda. Ficar falando que sinto falta e tudo mais? Nem a pau. Eu tô mais na minha, eu tô quase chutando o pau da barraca. Foda que comecei malhar, voltei pro boxe, trabalho, estudo e tô comprando meu carro, se eu focar nisso, talvez esqueça ela pra lá. Mas ainda tá foda! Vou ver uns vídeos do Max e ver se internalizar.
Guilhermedagazwln

Veterano - nível 9

#1060634 Fuja dessa mulher e esqueça-a. Se envolver com mulher jogadora é problema e mais problema. Elas adoram manipular, são doentes por poder. O jeito é ignorar até não ter vestígios dessas mulheres na mente. Um dia elas cansam de perseguir o indivíduo e procuram outro alvo pra brincar de guerra afetiva.
Avatar pua
bigbagual

MEMBRO PROFISSIONAL

#1060639 Essa ai se fosse homem seria um bom pua hahahahha
Ta te colocando na coleira. Muito jogadora, ainda usa a religião como artimanha pra te manipular. Pra mim é muito problema e não vale a pena. Mas se você acha que consegue aturar isso pra vida toda então continue, mas saiba que nunca vai parar.
Avatar pua
Fellipe Andreas

Veterano - nível 5

#1060646 Discordando do The Potents acredito que é exatamente o contrário da ultima coisa que ele falou. Ela não quer mandar na relação, ELA JA MANDA!
Pastor, pelo seu relato a única constante é que quando você é mais intenso e decisivo na relação ela fica feliz e te retribui com mais amor e carinho.

Eu sou bem crítico quanto ao papel do HOMEM na relação e eu acredito que ela está sentindo falta disso. É óbvio que la gosta de você então o único motivo plausível para ela recusar o relacionamento é insegurança. Para que você entenda é preciso ver o que leva uma mulher a sentir segurança em relação ao homem.

Para começar vamos deixar bem claro que a segurança de uma mulher não depende do comportamento do homem em relação a ela, se ela precisa de proteção ela busca os pais, tios ou irmão, logo sua proteção funciona muito bem na hora da atração mas não muda porra nem uma na hora da relação. Dentro de uma relação a mulher quer que seu homem seja forte, seguro e determinado. Essas são as 3 características básicas que geram segurança na mulher em um relacionamento. Isso acontece porque um homem que abre mão desses fatores em uma relação está pondo em risco seu próprio valor de sobrevivência, uma vez que ele faz isso por mais que ele seja protetor ou provedor a mulher sabe, inconscientemente que sem as 3 características principais todas as outras estão ameaçadas.

Minha dica é que cuide mais de você mesmo, se mostre mais decidido em relação a seus projetos e futuro, desenvolva as 3 características ja citadas e mantenha as de atração. Mostre a ela que você não abdica de seus valores por estar com ela. Quanto a forma como conversar com ela a melhor maneira de se falar com qualquer mulher é com a calma de quem não se importa realmente com o que está sendo falado além do que deveria. É como um super-herói que fala com a mocinha dando atenção e amor a ela mas pensando em salvar o mundo que é sua responsabilidade, se ele precisar salvar o mundo ele não vai se atrasar porque estava falando com a mocinha. Isso é uma real demonstração de compromisso e maturidade.

Esse texto foi feito por mim e depois aprimorado com a ajuda da minha querida colega de trabalho, ambos fazemos psicologia então leva a sério pq deu muito trabalho fazer.
Avatar pua
The Potents - MEMBRO EXCLUSIVO
#1060654
Fellipe Andreas escreveu:Discordando do The Potents acredito que é exatamente o contrário da ultima coisa que ele falou. Ela não quer mandar na relação, ELA JA MANDA!
Pastor, pelo seu relato a única constante é que quando você é mais intenso e decisivo na relação ela fica feliz e te retribui com mais amor e carinho.

Eu sou bem crítico quanto ao papel do HOMEM na relação e eu acredito que ela está sentindo falta disso. É óbvio que la gosta de você então o único motivo plausível para ela recusar o relacionamento é insegurança. Para que você entenda é preciso ver o que leva uma mulher a sentir segurança em relação ao homem.

Para começar vamos deixar bem claro que a segurança de uma mulher não depende do comportamento do homem em relação a ela, se ela precisa de proteção ela busca os pais, tios ou irmão, logo sua proteção funciona muito bem na hora da atração mas não muda porra nem uma na hora da relação. Dentro de uma relação a mulher quer que seu homem seja forte, seguro e determinado. Essas são as 3 características básicas que geram segurança na mulher em um relacionamento. Isso acontece porque um homem que abre mão desses fatores em uma relação está pondo em risco seu próprio valor de sobrevivência, uma vez que ele faz isso por mais que ele seja protetor ou provedor a mulher sabe, inconscientemente que sem as 3 características principais todas as outras estão ameaçadas.

Minha dica é que cuide mais de você mesmo, se mostre mais decidido em relação a seus projetos e futuro, desenvolva as 3 características ja citadas e mantenha as de atração. Mostre a ela que você não abdica de seus valores por estar com ela. Quanto a forma como conversar com ela a melhor maneira de se falar com qualquer mulher é com a calma de quem não se importa realmente com o que está sendo falado além do que deveria. É como um super-herói que fala com a mocinha dando atenção e amor a ela mas pensando em salvar o mundo que é sua responsabilidade, se ele precisar salvar o mundo ele não vai se atrasar porque estava falando com a mocinha. Isso é uma real demonstração de compromisso e maturidade.

Esse texto foi feito por mim e depois aprimorado com a ajuda da minha querida colega de trabalho, ambos fazemos psicologia então leva a sério pq deu muito trabalho fazer.

Perfeito! :ae

Trocando em miúdos, ele precisa ser o homem da relação.