Artigos e Técnicas com base em PNL ou Hipnose.
Não necessariamente voltada a sedução
Avatar pua

Criador do tópico

Maicon_Ferreira

PUA Avançado

#843377 Tudo o que você sempre quis (e precisa) saber sobre PNL e não tinha para quem perguntar.

PARTE VI - MODELAGEM




Se você chegou aqui, pode descansar.

Você é um soldado de valor! Um guerreiro ainda em batalha, mas já merecedor de medalhas e glórias.

Você conhece sua munição, não tem medo nem pena do inimigo. Pensa rapidamente e logicamente. Você se importa só com seu objetivo. Você é treinado, é bom, é forte, é rápido. É um especialista.

Agora pode sentar na sombra, tirar o capacete e abrir uma barra de chocolate.
Escore o fuzil no tronco da árvore, sinta a brisa da colina em seu rosto... Os músculos estão mais fortes, a mente descansada vai te deixar ainda mais mortal.

A última missão já chegou no seu dispositivo de comunicação móvel que está no bolso lateral da calça. De dois em dois minutos ele emite um bipe avisando.

Você puxa o aparelho do bolso enquanto morde a barra de chocolate e rola o pedaço com a língua na boca antes de esmagá-lo entre os dentes. Doce, crocante, deixando a saliva espessa e cremosa.

Então aperta o botão certo e a tela do dispositivo se ilumina. Você já sabe o que vai encontrar: A última missão antes da glória. Em uma fração de segundo você deixa seus pensamentos vagarem. Você sabe que é uma missão estratégica, pesada, técnica, elaborada. Isso não te assusta. Isso não te provoca nenhuma ansiedade, e antes da curiosidade tomar forma em sua mente, o codinome da última missão aparece na tela: MODELAGEM



Mas antes um DROPS


Aqui vai uma pequena rotina que funciona 100% das vezes, desde que seja aplicada com muita animação. Serve para dar um tom humorístico e cheio de verdade a um set. Tem como objetivo deixar um ar de cumplicidade e esperteza no ar. Aplique logo depois que alguns negs e/ou rotinas que deixam claro ou subentendido que homens e mulheres são bem diferentes.

Depois de conversar um pouco, entre no assunto "Mulheres são impossíveis de se entender". Imediatamente as mulheres vão dizer que os homens também são.

Você diz que não, e que a ciência explica. E então você começa a explicar:

PUA - "- Existe uma coisa biológica do comportamento humano que torna as mulheres incompreensíveis e os homens mais coerentes no seu comportamento"

HBs - "- Discordo, impossível, o que é? blá, blá, blá"

PUA - "- O homem, a partir dos seus 11, 12 anos de idade, tem seu cérebro banhado por apenas um hormônio, chamado TESTOSTERONA. Ou seja, a maneira que o homem vê o mundo é sempre a mesma. É padrão, é coerente, é reta. Um homem vê uma toalha vermelha, e essa toalha será simplesmente uma toalha vermelha a vida inteira. A mulher não... A mulher é bem diferente!"

HBs ouvindo atentamente.

PUA (fazendo uma pausa, mas sem deixar ninguém falar nada) - "- A mulher, a partir dos seus 11 ou 12 anos, tem seu cérebro banhado por QUATRO hormônios diferentes a cada 30 dias!!! Ou seja, na primeira semana do mês ela olha uma toalha vermelha e acha que é de um vermelho apaixonante... Na segunda semana é um vermelho triste... Na terceira semana é um vermelho irritante e na quarta semana não acha nada do vermelho!!! É impossível saber o que se passa na cabeça de uma mulher!!!"

Todos riem, as HBs concordam, e você emenda: "- Que semana é a de vocês?". Todos riem, você dá mais uns negs, e tem assunto para mais 10 minutos com certeza.


Agora voltando:


Modelo é um exemplo, uma representação. Um aeromodelo, é uma miniatura de um avião que tem as funções do avião. Um mapa de uma ferrovia, uma placa de horários de trem ou uma miniatura de um trem são 3 tipos de modelos diferentes do mesmo assunto.

O que é isso na PNL então?

Vocês devem lembrar de uma frase:
O ato notável que um homem fez, outro homem também pode fazer"


Mas como proceder para repetir o sucesso do feito?

Resposta: Estabelecendo um modelo.

A partir do ponto que você tem o exemplo que quer seguir, você deve rastrear como o sujeito fez para conseguir realizar o objetivo. Depois que você mapeou as atividades do sujeito, você deve moldá-las para que possam ser transmitidas a outras pessoas, ou seja, ensinadas.
Quando você fizer isso, estabeleceu um modelo. Fez uma modelagem na PNL.

DocBiker, meu comandante! Um exemplo pelo amor de deus!!!
Vamos lá então! Mordam mais um pedaço do chocolate...

Você vê o meu wing, o Bena, conseguir o telefone de uma HB 9,0 em um bar, do outro lado do salão. Você quer fazer a mesma coisa, mas parece algo impossível para você! Então você vira para mim, e fala:

"como posso fazer a mesma coisa?"
E eu respondo: "- Você já sabe como, soldado! Faça a modelagem dos passos do Bena".

Então você pega um guardanapo, e começa a anotar o que o Bena fez.

1) Montou um contato visual com a HB, virou-se para os amigos e fez um ruidoso brinde;

2) Menos de 3 segundos depois, levantou-se e deu um passo em direção ao salão;

3) Atravessou o salão cumprimentando pessoas, com passos largos, seguros e um sorriso no rosto até a mesa da HB;

4) Chegou na mesa e cumprimentou primeiro a amiga 7,0 dela, se posicionou como se já tivesse indo embora e fez uma pergunta;

5) Enquanto falava gesticulava e fazia elas rir;

6) De repente vira-se para a HB e falou algo que a fez corar de vergonha, enquanto ria;

7) Modificou seu corpo novamente de maneira que encarava a HB 9,0 de frente;

8) Aplicou a rotina de leitura de mãos;

9) Despediu-se dizendo que precisava voltar para a mesa dos amigos;

10) Pegou seu telefone e deu para ela anotar seu número.

Voilà! O objetivo inicial "Pegar o telefone da HB 9,0" está em forma de modelo!

Basta seguir os passos e repetir o sucesso!



Claro que a coisa toda é mais complexa que isso! Você poderia começar segmentar o item 2, perguntando para ele que âncoras ele ativou enquanto se dirigia para a mesa da HB.

Poderia segmentar o item 6, peguntando exatamente qual o neg que ele usou. Poderia pegar cada item desses e segmentar em vários detalhes, tornando cada vez mais elaborado o seu modelo. Quanto mais rico de detalhes, mais passível vai ser de ser simplificado em um modelo coringa que pode ser ensinado para todos.

Não é maravilhoso??? Não tem gosto de chocolate??? Não é estimulante???

SIM!!!

Agora, quando tiverem a oportunidade de verem um PUA em campo, conversem com ele e façam o modelo de suas atitudes. Vocês saberão exatamente como repetir o sucesso!

Experimentem fazer isso com Instrutores. É uma ótima oportunidade!


I - Introdução
II - Histórico
III - Fases da PNL
IV - Rapport
V - Ancoragem
VI - Modelagem
VII - Exemplos


By: DocBiker
Obs: Postagem permitida pelo membro da Equipe puabase Big Dog

ANÚNCIOS

Avatar pua
caio vianna

Aprendiz

#843394 poxa sou louco pra treinar com instrutor num bc mais moro longe ... mi contento em ver os vídeos , tomar como modelo algumas coisas, e criar minhas próprias experiências