Assuntos não relacionados ao tema principal do fórum.

Criador do tópico

Serjao445

Aprendiz

#1039520 Fala puazada!Tudo tranks?

Bom galera,esses dias um acontecimento um tanto inusitado ocorreu aqui no Brasil:Vin Diesel foi acusado de "assédio" nas redes sociais após dar uma entrevista para a Youtuber Carol Moreira e interrompê-la diversas vezes chamando-a de linda,que queria sair com ela,etc...

Pra quem não viu:

https://youtu.be/yQ9QkFxC0sc?t=289

4:50,7:22,11:35

Já começa na parte importante,os 4 primeiros minutos são desnecessários ao assunto abordado aqui

Nisso eu fiquei refletindo:Cara,quem vê Vin Diesel nas telas sempre o via com aquele ar Alfa,confiante,preparado,e quem já conhece os fundamentos basicos do PUA,sabe que essa atitude "desesperada" dele,(chegando ao ponto de se ajoelhar no meio da entrevista) contraria todo o poder e fama que ele conquistou por causa de uma simples youtuber.

Que mundo louco,não?
Editado pela última vez por Serjao445 em 24 Dez 2016, 10:22, num total de 1 vezes

Criador do tópico

Serjao445

Aprendiz

#1039521 Ah,e tem outro ponto que eu gostaria de comentar:É de suma importância você perceber o rapport e o tipo de situação em que você se encontra com a HB,pois em outra entrevista há um tempo atrás,Adriano Imperador deu essa cartada fenomenal:




Perceberam a diferença?

Nosso querido Didico soube contornar a situação sobre uma pergunta que a propria entrevistadora Monique Evans fez,e muito provavelmente rolou FC.

Enquanto o coco brilhante do Vin Diesel apenas conseguiu constranger nossa querida Carol e demonstrar tudo o que um beta faz.
Avatar pua
BossDon

PUA Avançado

#1039523 Um desconto que eu dou para o Vin Diesel é p fato dele esta visivelmente bêbado , o que não justifica o assedio sofrido pela moça .

O cara ta acostumado a ter mulheres ao seus pés , somando o fato do efeito do álcool resulta nesse papelao dele . Lamentável !
decin_bh

Aprendiz

#1039524 é diferente.. O Adriano foi provocado, o Vin não.
A questão acho q não é nem assédio. Se ele tivesse falado isso nos bastidores, na dele, tudo bem. Seria um approach direto. Qual o problema de chegar falando assim pra uma mulher?
Na verdade o único problema é que ela estava TRABALHANDO com algo que teria REPERCUSSÃO PÚBLICA. Claro que ficou constrangida. Foi desnecessário.
Avatar pua
Sons of Anarchy

Veterano - nível 1

#1039536 Cara se aquilo n foi assedio oq é assedio pra vc? O cara se aproveitou de uma situaçao que a garota estava trabalhando para ficar dando em cima dela mesmo ela dando todos os sinais que n estava afim,me espanta ver um cara em um forum pua falando bobagens desse tipo
decin_bh

Aprendiz

#1039537
Sons of Anarchy escreveu:Cara se aquilo n foi assedio oq é assedio pra vc? O cara se aproveitou de uma situaçao que a garota estava trabalhando para ficar dando em cima dela mesmo ela dando todos os sinais que n estava afim,me espanta ver um cara em um forum pua falando bobagens desse tipo

Onde eu disse que não foi assédio? foi exatamente o contrário que eu disse. O que eu quis dizer é que a coisa fica séria à partir do contexto que ocorre (numa entrevista, em frente à câmera, ela trabalhando, ele se aproveitando por ser quem é).
Se fosse numa ocasião diferente (sem ela ser exposta, mais particular... numa padaria, bar, balada), poderia apenas se considerar uma abordagem mais direta (boa ou ruim)...

Criador do tópico

Serjao445

Aprendiz

#1039539
decin_bh escreveu:
Sons of Anarchy escreveu:Cara se aquilo n foi assedio oq é assedio pra vc? O cara se aproveitou de uma situaçao que a garota estava trabalhando para ficar dando em cima dela mesmo ela dando todos os sinais que n estava afim,me espanta ver um cara em um forum pua falando bobagens desse tipo

Onde eu disse que não foi assédio? foi exatamente o contrário que eu disse. O que eu quis dizer é que a coisa fica séria à partir do contexto que ocorre (numa entrevista, em frente à câmera, ela trabalhando, ele se aproveitando por ser quem é).
Se fosse numa ocasião diferente (sem ela ser exposta, mais particular... numa padaria, bar, balada), poderia apenas se considerar uma abordagem mais direta (boa ou ruim)...



Nesse caso,abordagem horrorosa né? Faltou ele beijar o chão em que ela estava
Avatar pua
bigbagual

MEMBRO PROFISSIONAL

#1039543 Olha a voz desse cara, quase quebra os graves do meu fone caralho kkkk De qualquer forma não achei assedio, ele elogiou ela e em nenhum momento pediu pra parar, se ela falasse "para" e ele continuasse aí sim. E quando se vai entrevistar alguem tem que ta preparado pra tudo, você que ta invadindo o espaço do entrevistado. Muito mimimi nessa sociedade moderna ou será que é sociedade de merda?!

SonsofAnarchy quais foram os sinais que ela deu que não tava afim? Em nenhum momento eu vi ela falar pra parar e sim FICOU RINDO A TOA MOSTRANDO OS DENTES. Ela pode até ter ficado com vergonha e surpresa com o ato mas assedio é demais.
decin_bh

Aprendiz

#1039546 Eu acredito que só se torna assédio pq ali eles estão como "pessoa jurídica". Ela nitidamente ri por estar desconfortável com a situação, de não saber como lidar com isso enquanto está trabalhando e por ser algo que seria publicado pra todo mundo.
No mais reitero o que disse. Se fosse na rotina do dia dia como "pessoa física", isso seria apenas um xaveco ruim e nada mais. Longe de ser assédio.