Relatos pessoais, artigos, textos e vídeos para motivar qualquer um.
Avatar pua

Criador do tópico

ArnoldoDiiniz - MEMBRO EXCLUSIVO
#544250
Bem e ae galerinha do PuaBase, Primeiramente quero dizer que estou voltando a ativa no PB, alguns membros me conhecem por alguns artigos que fiz sobre AA, e Sobre juntar os estilos.
Eu estava afastado do forum porque estava no final do ano e tempo de muitas provas, tive que me enfiar nos estudos e mal tinha tempo pra mim, o pouco tempo que me sobrava eu reservava para minha namorada e para a tradução do livro Conquer Your Campus que está sendo revisto pelos tradutores que estão no projeto, ai fiquei mais de 2 meses afastado do forum, mas agora voltando com força total.


E pra voltar de uma maneira boa resolvi fazer mais um de muitos artigos que irão vir.

O Assunto de hoje é para motivar muitos "PLAYBOYS" que estou vendo aqui no forum que tem faculdades boas, chances de subir na vida, familia estruturada, saúde e etc e ficam chorando porque ainda são BV's e não conseguem pegar ninguem na Baladinha ou reclama de mão cheia, mesmo tendo uma vida boa e calma.

Bem vou direto ao assunto, o que vou contar á seguir é uma história REAL, ela vai ser um pouco grande, mas se você for um cara que tem preguiça de ler VÁ A MERDA e não leia, quem estará perdendo aprendizado é você e não eu ! ! !

Okay Let's go !

Bem a história que conto é a minha própria e tudo já começou mal.

Prólogo

quando nasci por causa de complicações no parto quase morro e levava minha mãe junto, ao nascer fiquei com insuficiência de oxigênio no cerébro tendo que ficar encubado durante 3 dias, os médicos já diziam que não era para ter muitas esperanças comigo, pois talvez eu não sobreviveria, mas se sobrevivesse as chances de eu ter sequelas como cegueira, falta de audição e fala, ou até mesmo ficar em estado vegetativos eram muito altas.
Isso foi um baque para minha familia, já que eu era o primeiro neto Promogênito da Familia Diniz. Mas milagrosamente no 4 dia todos os meus sinais vitais se normalizaram e eu fui retirado da encubadora, mas os médicos diziam que concertezaeu tinha ficado com indicios de cegueira e surdez, mas só saberiamos o grau delas quando eu ficasse mais velho com cerca de 2 ou 3 anos de idade, após uma semana no hospital eu recebi alta junto com minha mãe e pude ir pra casa.
A médida que o tempo passava meus familiares proucuravam alguma sequela até que quando completei 3 anos fui fazer os exames para ver se tinha alguma, e mais uma coisa impressionante acontece: NADA É CONSTADADO, nem mesmo a cegueira e a surdez que os médicos tinham certeza que eu havia contraído devido a falta de oxigênação no cerébro eu tinha. Essa foi minha primeira superação na vida, A SOBREVIVÊNCIA.

E ainda tem muito neguinho ai querendo se matar porque ainda é virgem com 20 anos, ou por que a namorada deixou ele. ¬¬


Bem para completar isso eu nunca tive um pai, minha mãe não contou ao meu pai que eu era filho dele, ela nunca me explicou essa história muito bem mas ela concerteza teve seus motivos. Então a unica figura paterna que tinha era meu avô que foi quem me criou e me ensinou a tér meus primeiros traços de caratér e honra.

Mas ai mais uma reviravolta acontece, aos meus 11 anos de idade vivendo com uma familia de classe-média, sempre queria ter coisas caras e coisas boas, mas nunca podia receber pois naquela época havia muitas dividas, mas muitas mesmo para pagar e com isso não sobrava muito para mim, para falar a verdade as vezes chegou até a faltar alimento em casa, então aconteceu o pior, me envolvi com "amizades" nada boas do tipos barra pesadas mesmo, eram filhos de traficantes e assaltantes do bairro que eu morava, onde só me levaram ao desabamento, por um desses "amigos" conheci o pai dele, que vendo toda a minha idiotice e estupidez me deu uma especie de "emprego" Onde eu seria o famoso "Aviãozinho", aquele garoto que leva quilos e quilos de drogas de uma boca a outra, e também fazia favores aos traficantes do bairro, chegava a ganhar por "carga entregue" entre 50 e 80 reais fazendo somente isso, fora as "gorjetas" dos favores que fazia, enquanto os traficantes lucravam algumas centenas todos os dias.

Eu sabia que isso era errado mais um garoto de 11 anos que via a familia algumas vezes sem até o que comer por causa das dividas de casa, energia, agua e muitas outras, o que chegavam a ser mais de 1500 reais em dividas todo o mes, indo embora quase todo o sálario do meu avô. Eu vendo isso queria tentar "ajudar" com alguma coisa resolvi entrar no ramo das "ervas", mas me acabei tornando o usuário de maconha e gastava quase todo o dinheiro que ganhava sustentando meu vício e o que sobrava gastava em lan houses ou com "festinhas".

Minha fámilia nunca descobriu que eu fazia isso, mas sempre desconfiou, até que um dia já passava de mais de meia noite meu avô foi atrás de mim na rua, carregando meu irmão de 3 anos no braço, quando me viu junto com os "amigos" correndo pela rua com paus e pedras fazendo arruaça, ele me pegou pelos braços e me levou para casa, minha mãe não estava em casa eu e meu avô discutimos ele me bateu, e no meio da discussão eu disse uma coisa que me arrependo até hoje, que foram as seguintes e exatas palavras:
" Eu odeio o senhor, e espero que o senhor morra !"
Como as casas ficavam perto, vários vizinhos ouviram a discussão.

Sério é duro para mim falar isso, pois no dia seguinte me acordei as Seis da manhã com minha mãe deitada do meu lado chorando muito, eu me levantei dei um beijo no rosto dela e perguntei o que era, ela se virou para mim e disse que meu avô tinha acabado de falecer, ele sofria de asma e bronquite e tinha tido uma parada respirátoria, aquilo para mim foi como se fosse o fim do mundo, eu não acreditava naquilo e fui ver de perto, quando vi ele estava falecido ela havia colocado ele deitado no sofá, eu me deitei do lado dele e comecei a chorar foi um grande baque para mim.
Depois disso não consegui fazer nada, passei 2 dias catatônico , não comia, não falava, mal me mechia. Depois disso minha mãe disse que uma das ultimas coisas que ele falou antes de morrer foi:
"Cuida bem do meu neto !"

Fui tido pelo bairro como um assassino, pois todos pensavam que eu que havia matado meu avô ou melhor dizendo o unico pai que tive.
Vi o rumo que minha vida tava tomando e cortei todas as amizades negativas, consegui largar o vicio 4 meses depois mas mesmo assim até hoje ainda me culpo pela morte do meu avô e me arrependo pelas ultimas palavras que falei para ele. que por sinal são as duas unicas coisas que me arrependo na vida: As drogas e as palavras ditas !
Essa foi minha segunda e uma das mais principais superações da minha vida, Largar as más amizades, o tráfico e o mais dificil, Largar as drogas sem ajuda da familia, pois ninguem da minha familia sabia disso.

A minha pré adolescencia já foi um pouco melhor, mesmo sendo um garoto ainda problematico na escola tinha notas boas, alguns amigos bons, e uma ótima mãe. Mas ainda havia um problema eu tinha 13 anos e nunca tinha namorado ninguem, muito menos beijado alguma garota, então meus amigos resolveram me ajudar com isso, fizeram a cabeça da menina mais bonita da escola para namorar comigo, bem ela namorou e eu tive o azar de namorar a garota mais manipuladora que conheci na vida, a garota me fez de cachorrinho dela, onde o qual ela humilhava e maltratava demais, o namoro durou 1 mês, até ela me trair na frente de toda a escola com um novato que acabará de entrar na escola. a coisa mais humilhante que já me aconteceu por causa de uma mulher.
Depois daí levei muitos tocos e toda a garota que namorava me traia, até que conheci uma garota ideal, me apaixonei por ela na 1° conversa, e em 1 mês agente tava namorando, namoramos 1 ano até eu me mudar para outra cidade, foi a melhor garota que conheci na vida e infelizmente perdi contato :/, ela perdeu a virgindade dela comigo e eu com ela... :yaaah
Namorei algumas outras vezes mas sempre servia de capacho para as mulheres e era despensado rápido.

Então uma coisa ótima na minha vida aconteceu, há 7 meses conheci o PU minha vida mudou muito, conheci novas pessoas, aprendi mais sobre a mente femenina, de apenas 8 Garotas que havia beijado em toda a minha vida já passei para mais de 25, e ganhei alguns FC's tbm, mas não foi só com mulheres que eu melhorei, melhorei minha confiança em mim mesmo, superei magóas do passado, superei minhas crenças e tudo mais, e agradeço tudo ao PUA BASE.



Epílogo


Hoje tenho quase 18 anos, estou no 2 ano do ensino médio, fiz alguns cursos profissionalizantes e de inglês, tenho ótimas amizades, uma vida social que está melhorando cada dia mais, 7 meses de Pick Up, a três meses namorando com essa Hb aqui:
Imagem
http://www.puabase.com/forum/oia-eu-de-novo-kc-em-hb-8-5-t36577-60.html


E ainda vejo cara que teve uma vida boa, uma infancia incrivél, faculdade, dinheiro no bolso e estabilidade reclamando por que não pega mulher e ainda é virgem.

Só tenho que dizer uma coisa:
VocÊ é fraco !
Veja o que você tem que te enfraquece e faça se tornar um ponto forte, e pare de choramingar !
Nãoo busque coisas externas, melhore a si mesmo internamente e conseguirás as coisas que desejar !
(Isso é inner game)


Esse tópico eu criei após ler esse tópico aqui:
minha-vida-e-uma-merda-sem-fim-t44503.html

Então você que se acha um merda pare de chorar e faça algo a respeito !

ANÚNCIOS

Avatar pua
Doggystyle

Pickup Artist

#544292 isso sim é uma grande história de vida, de superação, de mudança ! E ainda tem gente que tem o mundo na mão e reclama. Não sabe o que é passar fome, chegar em casa e não ter o que comer, ver sua mãe chorar pelas contas, e sem opção acaba se envolvendo na vida errada, tudo pela grana...
Me identifiquei muito com a sua história, já tive meus altos e baixos , os obstáculos no caminho, mas sempre fui determinado em ir atrás dos meus sonhos e objetivos e graças a deus não deixou eu ir longe demais nesse caminho errado, com muito esforço fui quebrando barreiras e hoje sou um cara muito diferente do que já fui, a vida é dura mas nunca aceitei a derrota, pois nascemos para vencer e nada no mundo tirará isso de nós...


Grande abraço
Liooh

PUA EXPERT

#544313 mas você tem história pra contar mesmo heim, e a facada que você quase levou na festa, mas misteriosamente desviou-se dela como Matrix ?

Se não foi você me desculpa, posso ter confundido.
Avatar pua

Criador do tópico

ArnoldoDiiniz - MEMBRO EXCLUSIVO
#544592 kkkkkkkkkkkk' essa da quase facada é foda mano,
Mas num entrei em detalhes completos da minha vida, só o essencial, se fosse entrar em detalhes ia ser muito, mais muito grande !
Avatar pua
capitaingold

Veterano - nível 3

#544610 Verdade seja dita parceiro: Tu é um campeão ein. Superou as merdas que a vida joga na cara da gente, e tá ai firme e forte. Espero que você continue evoluindo. Paz e felicidades pra ti cara. Tem nego aqui que chora porque não comprou o carro do ano, chora porque foi deixado, chora por tudo! Isso aí que tu falou, espero que mostre a realidade para uma galerinha que tá precisando. Quem faz as realizações na vida de alguém, não é pai, mãe ou qualquer outra pessoa; É apenas você mesmo. Parabéns!
Avatar pua
arlindo

Veterano - nível 10

#544639 nossa cara que historia de vida isso é um tapa na cara de muitos! que se acham um nada! caras que tem tudo para evoluir e ficam presos a pensamentos negativos! e achando que tem uma vida de merda! sempre é tempo de mudar basta querer basta acreditar!
Avatar pua

Criador do tópico

ArnoldoDiiniz - MEMBRO EXCLUSIVO
#544689 Cara eu tenho um amigo que a história dele é pior, as vezes quando fico pra baixo, ou deprimido lembro das coisas que jjá consegui superar e levanto a cabeça, mesmo as vezes eu tentando me auto-sabotar eu faço de tudo pra conseguir o que eu quero...
Agradeço vcs tbm cara !
Avatar pua
Cantrell

Veterano - nível 9

#548393
Liooh escreveu:mas você tem história pra contar mesmo heim, e a facada que você quase levou na festa, mas misteriosamente desviou-se dela como Matrix ?

Se não foi você me desculpa, posso ter confundido.