Aqui é a caixa de pandora das dúvidas antigas ou resolvidas.
Imagem
Lembre-se de agradecer se alguém realmente te ajudou. Membros que não agradecem são INSTRUÍDOS a não ajudarem mais o membro.
Avatar pua

Criador do tópico

Opqf

PUA Avançado

#1031253 O tópico não é necessariamente uma dúvida, mas sim uns conselhos que preciso de vocês.

O tópico não é uma dúvida, mas sim um empurrãozinho motivacional que preciso.
Pois é pessoal, ultimamente estou desempregado, acumulando dívidas e com diversos problemas familiares e eu não me bico bem nem com meu pai e nem com minha mãe, e isso está absolutamente estranho na minha vida e tá pesado.
Tá foda arrumar um trabalho e, por mais incrível que pareça, ganhei praticamente um novo inimigo: Meu próprio pai, que não aceita a minha mudança por eu estar pensando diferente e saíndo do grupo de pares, como diz a psicologia.
Mesmo com a PNL e tendo carta de referência, algumas coisas não estão batendo e estou sinceramente chateado com a situação.

Continua...

ANÚNCIOS

Avatar pua

Criador do tópico

Opqf

PUA Avançado

#1031255 Tá sendo difícil manter meu inner lá em cima, ao ponto que meu pai e meu irmão vão por uma internet só para eles terem acesso. Sem margem alguma para mim. Me sinto completamente isolado dentro da minha própria família. Não tem discussão e estou seriamente encurralado nessa situação, e creio que isso seja uma ameaça forte pra zona de conforto me prender novamente, mas não vou me dar por vencido.

Pois bem pessoal, são tantos problemas, tantos transtornos...que acho que isso é um passo necessário como sempre e preciso claramente ressignificar tudo isso, ser forte de fato!

Gostaria de um apoio forte psicológico de vocês pessoal, porque realmente minha vida tá difícil em todas as esferas, exceto no relacionamento. Mas acho que é justamente nesse ponto que um Alfa nasce, através da lapidação das dificuldades. Creio que somos irmãos aqui e, por mais duras sejam as dificuldades, creio que estou num ponto que a vitória pode sim estar mais perto do que imagino com a força e motivação de vocês também.

Obrigado quem me ajudar, um abraço imenso e fiquem com Deus!
Avatar pua
gutops

Aprendiz

#1031257 Fala meu brother, primeiro queria dizer que adoro seus posts no fórum e sei que ja foram de muita ajuda para muitos usuários, mas como o assunto aqui não é o PUA, vamos deixar isso de lado.

Pelo que pude entender você está com problemas familiares e financeiros, posso não ser muito experiente no assunto, mas a minha dica e talvez conselho é: tente conversar com seus pais, pois pelo que você falou o problema parace ser bem grande. Pode parecer difícil, mas seu pai e sua mâe te amam, tenho certeza disso, talvez possa parecer que não em alguns momentos, mas sim eles tem amam. Falo por experiência própria, pois também ja tive sério problemas familiares e posso afirmar, tudo fica mais facil quando você está de bem com seus pais.

Quanto a questão financeira fica mais dificil para mim opinar, já que não tenho mt experiencia no assunto (meus pais ainda me sustentam :yaaah ).

Boa sorte brother e um forte abraço. Precisar tamo ae :rolf
Avatar pua
Donnie

Aprendiz

#1031269 E aí cara, eu acho que entendo bem como tu está se sentindo pois passei por uma situação semelhante a um tempo atrás, conforme relatei NESSE POST.Os conselhos que alguns membros me deram acabaram se mostrando bem úteis, outros simplesmente não pude seguir, mas acho que vale a pena tu dar uma lida nas respostas que me deram.

Não tenho muita experiência de como dar uma volta por cima digna de um PUA daqueles que a galera idealiza e fantasia em ser um, mas definitivimante eu já sobrevivi a algumas fases difíceis então segue aí os meus conselhos:

1º - Faça exercícios! Vá correr, faça algumas flexões, qualquer coisa... Melhor refletir correndo do que no chuveiro ou com a cabeça encostada no vidro do ônibus, pois além dos benefícios óbvios a saúde, ajuda a colocar a cabeça no lugar e parece ter um efeito "mágico" em te dar alguma motivação.

2º - Tente se aproximar mais com os seus pais e familiares! Ceda um pouco mais, aja com bom humor com eles, e mesmo quando você estiver realmente bravo com eles, ao menos finja levar na esportiva. Pois pode parecer que tu está no fundo do poço, mas você não está... e se por acaso tu chegar lá, é bem provável que será eles que vão te ajudar, e é melhor que te ajudem pensando em retribuir o bom tratamento que tu dá para eles, do que por pena.

3º - Sempre que puder, pare, reflita, exponha e absorva! Não se deixe levar no automático, pare e reflita sobre suas atitudes (não na dos outros, não cabe a tu julgar os outros, somente a si mesmo), depois exponha seus pensamentos com algum amigo de confiança, com um psicólogo ou se for o caso, conosco. Assim tu receberá algum feedback que pode clarear um pouco mais as coisas, e aquilo que passar por seu senso crítico, deve ser absorvido de boa vontade e transformado em novas atitudes. No fim, não é apenas o inner game que afeta suas atitudes, mas suas atitudes também afetam seu inner game.
Acho que isso resume bem, espero ter ajudado de alguma forma!
Avatar pua

Criador do tópico

Opqf

PUA Avançado

#1031273
Donnie escreveu:E aí cara, eu acho que entendo bem como tu está se sentindo pois passei por uma situação semelhante a um tempo atrás, conforme relatei NESSE POST.Os conselhos que alguns membros me deram acabaram se mostrando bem úteis, outros simplesmente não pude seguir, mas acho que vale a pena tu dar uma lida nas respostas que me deram.

Não tenho muita experiência de como dar uma volta por cima digna de um PUA daqueles que a galera idealiza e fantasia em ser um, mas definitivimante eu já sobrevivi a algumas fases difíceis então segue aí os meus conselhos:

1º - Faça exercícios! Vá correr, faça algumas flexões, qualquer coisa... Melhor refletir correndo do que no chuveiro ou com a cabeça encostada no vidro do ônibus, pois além dos benefícios óbvios a saúde, ajuda a colocar a cabeça no lugar e parece ter um efeito "mágico" em te dar alguma motivação.

2º - Tente se aproximar mais com os seus pais e familiares! Ceda um pouco mais, aja com bom humor com eles, e mesmo quando você estiver realmente bravo com eles, ao menos finja levar na esportiva. Pois pode parecer que tu está no fundo do poço, mas você não está... e se por acaso tu chegar lá, é bem provável que será eles que vão te ajudar, e é melhor que te ajudem pensando em retribuir o bom tratamento que tu dá para eles, do que por pena.

3º - Sempre que puder, pare, reflita, exponha e absorva! Não se deixe levar no automático, pare e reflita sobre suas atitudes (não na dos outros, não cabe a tu julgar os outros, somente a si mesmo), depois exponha seus pensamentos com algum amigo de confiança, com um psicólogo ou se for o caso, conosco. Assim tu receberá algum feedback que pode clarear um pouco mais as coisas, e aquilo que passar por seu senso crítico, deve ser absorvido de boa vontade e transformado em novas atitudes. No fim, não é apenas o inner game que afeta suas atitudes, mas suas atitudes também afetam seu inner game.
Acho que isso resume bem, espero ter ajudado de alguma forma!


Curti cara, de verdade tua história! E aí, conseguiu um emprego já ou tá na batalha também? Hahahahaha! Abração!
Avatar pua
Eudes Junior

Veterano - nível 9

#1031460 Cara a sua vida parece a minha, a única diferença é que me dou muito bem com minha mãe. Vou te dizer uma coisa, matenha a calma. Pode parecer complicado, porém o nosso maior inimigo nesse momento se chama o tempo. Estou na sua mesma situação, desempregado, cheio de dividas e não me dou muito bem com meu pai. Infelizmente amigo não existe receita a não ser ter paciência e esperar essa tempestade passar, pois todo ser humano tem suas tribulações.
SKRT

Aprendiz

#1031482 Mano, entendo isso q vc tá passando, ás vezes parece que abrem a torneira de merda na nossa vida e as cagadas vem td de uma vez.

Procura não se desesperar ou tomar atitudes sem pensar nas consequências, é um momento complicado e cada passo errado pode piorar ainda mais as coisas. Como falaram em cima, não perca muito tempo inerte pensando nesses problemas, saia, vá fazer qualquer exercício ao ar livre, ajuda muito a curto prazo.

Permita-se estar passando por esta má fase, entenda que nem sempre temos o controle total da nossa vida, estamos expostos (e muito) às atitudes daqueles que nos cercam. Com o tempo, as coisas vão se encaixar aos poucos, tenha confiança!

Pratique seus hobbies.. Gosta de ler, tocar um instrumento, jogar, sair? Faça!! Curta o momento e não deixe seus problemas invadirem o pensamento nessa hora.
Avatar pua
Donnie

Aprendiz

#1032353
Opqf escreveu:
Donnie escreveu:E aí cara, eu acho que entendo bem como tu está se sentindo(...) suas atitudes também afetam seu inner game.
Acho que isso resume bem, espero ter ajudado de alguma forma!


Curti cara, de verdade tua história! E aí, conseguiu um emprego já ou tá na batalha também? Hahahahaha! Abração!


Arranjei um emprego sim, mas dei o azar de machucar o pulso no trampo e estou encostado no momento. Não foi intencional mas meu chefe direto acha que sim, já que pouco tempo antes, tive que pegar alguns dias de folga por ter passado mal devido a falta de sono ocasionada pelo excesso de estudos. Enfim, está quase certo que serei demitido logo após voltar. haha

Acho que eu sou realmente um cara azarado... ao menos da pra dizer que estou em uma grande fase de azar. uhaushuas
Sinceramente, não estou muito feliz ainda não, mas estou definitivamente melhor do que eu estava quando escrevi aquela publicação.

Aliás, já que estou respondendo aqui novamente, gostaria de enfatizar que arranjar um emprego é uma prioridade, mas desde que pensando em seu futuro profissional a médio prazo, não apenas pra se ocupar. Indico fortemente que tu leia "A idade decisiva" escrito pela Meg Jay. Acredito que vai ajudar a clarear melhor o que eu estou tentando dizer.

Boa sorte na luta!
joao lois

Aprendiz

#1032362 cara rlx nessa vida tem altos e baixos, acredite no momento que vc menos esperar tudo vai resolver! e as vezes sempre ha aquela briga com os pais, um demoram mais outros demoram menos , mas o que eles realmente querem é te ver feliz e bem financeiramente... afinal errar é humano e nesse caso vc errou,mas da tempo de correr atras basta vc querer :ae