Aqui é aonde Arquivamos as discussões e debates do PUABASE.
Apenas Membros VIPS
Organização sempre!
Avatar pua

Criador do tópico

roberto.mandrake

Aprendiz

#883533 Bom dia meus caros!

Navegando pela internet a fora(caso o autor seja do forum agradeço muito pelo otimo raciocinio apresentado), encontrei este artigo e achei ele bem pertinente no que se refere aos diferentes estagios de aprendizagem, o interessante neste arigo e ver em qual dos 3 você se encaixa e tentar encontrar meios e maneiras de evoluir neles.

Na obra Jet Kune Do do mestre de arte marcial Bruce Lee, é apresentado o conceito da aprendizagem, dividido em 3 estágios por ele chamado de estágios da cultivação.
"Os 3 estágios da cultivação:

O primeiro é o estágio primitivo. É um estágio da ignorância original em que uma pessoa não sabe nada sobre a arte do combate. Numa luta, ela simplesmente defende-se e golpeia instintivamente sem preocupação ao que é certo e errado. E claro, ela pode não ser o que se chama de científico, mas, de qualquer maneira, é ela mesmo, seus ataques e defesas são fluidos.

O segundo estágio é o de sofisticação, ou estágio mecânico. Começa quando a pessoa começa o seu treinamento. Ela aprende as diversas maneiras de bloqueio, ataque, chute, posição, respiração e mentalidade – inquestionavelmente, ganha conhecimento científico para o combate, mas infelizmente seu Eu original e senso de liberdade são perdidos, e suas ações não mais fluem de seu interior.
Sua mente tende a paralisar em vários movimentos para fazer cálculos e análises, até pior, ela pode se chamar de expert e manter-se fora da realidade de fato.

O terceiro estágio é o estágio da não-arte, ou estágio espontâneo. Ocorre quando, depois de prática séria e esforçada, o aluno percebe que afinal, Kung fu não é nada de especial. E ao invés de tentar impor-se a mente, ajusta-se ao oponente como água pressionando uma parede de barro. Flui até pela menor fissura."
Ao alcançar o 3 estágio da cultivação, o homem alcança o estágio da não arte naquilo que aprendeu, onde seus comportamentos nascem a partir de reflexos inconscientes e automáticos, tão naturais quanto o ato de respirar, é quando ele alcança este nível que podemos chama-lo de Natural.

Não há como ser um sedutor natural sem ter passado por essas fases. Logo, "métodos pseudonaturais" são nada mais que a evolução na forma de pseudogurus fazerem marketing, e que na maioria das vezes não servem para indivíduos que estão começando no PUA, pois tentam estimular o estágio 3, sem que o individuo complete o estágio mecânico de aprendizado.

ANÚNCIOS

Avatar pua
>>Psychokiller<<

Entusiasta

#883806 Este Assunto já foi abordado aqui no fórum pelo membro @CharmingPrince no tópico A arte da não arte.

Off topic:
Obs: Sempre que for criar um novo tópico use a barra de pesquisa para saber se este assunto já não fora abordado antes por um outro membro em uma outra postagem, desta forma se impede a multiplicação de textos iguais e por tanto desnecessários.

Abraços amigo.
Avatar pua
>>Psychokiller<<

Entusiasta

#883809
roberto.mandrake escreveu:Não há como ser um sedutor natural sem ter passado por essas fases. Logo, "métodos pseudonaturais" são nada mais que a evolução na forma de pseudogurus fazerem marketing, e que na maioria das vezes não servem para indivíduos que estão começando no PUA, pois tentam estimular o estágio 3, sem que o individuo complete o estágio mecânico de aprendizado.


Off topic:
Eu também me baseio nesta definição de natural para considerar um comportamento sedutor como natural, este é um critério especifico mais ligado a psicologia e que se diferencia do critério geralmente usado na comunidade de sedução.

A característica dos métodos que na comunidade são intitulados como naturais é a de não estimular a decoreba de material enlatado, como geralmente acontece com a maioria dos métodos intitulados indiretos (A exemplo Mystery Method) e talvez alguns diretos. Ao contrário, tais métodos intitulados naturais estimulam a criatividade e o improviso, ao contrário da decoreba de enlatados, além de geralmente darem maior enfase ao Inner Game ao invés do Other Game, o que inversamente acontece com os outros métodos.

Com base nestes critérios eles não são pseudo-naturais, pois estão de acordo com aquilo que prometem e que chamam de natural.